ALEC, Bastidores, Câmara Municipal, Congresso
Atualizado em: 01/08/2011 - 7:34 am

Após o período recesso do mês de julho, os vereadores de Fortaleza, assim como os deputados estaduais e federais e os senadores retornam ao trabalho. A volta “oficial” acontece na segunda-feira (01/08),mas as sessões em plenário estão marcadas para a terça-feira, dia 2 de agosto.

Fortaleza
Depois de 25 dias de “folga”, os vereadores da capital retomam as atividades com propostas polêmicas na pauta de discussão. Entre as principais matérias estão a criação do Instituto de Planejamento de Fortaleza e as alterações do Plano Diretor, que sequer foi regulamentado.

A oposição promete movimentar os debates com estes dois temas. Polêmica certa no segundo semestre legislativo.

Assembleia
O recesso no parlamento estadual durou 15 dias e na volta dos trabalhos o pedido da “CPI dos banheiros” deve movimentar o primeiro dia de sessões do segundo semestre na Assembleia Legislativa. Os deputados estaduais também voltam ao batente na terça-feira (2).

A proposta de Heitor Ferrer é abrir uma Comissão Parlamentar de Inquérito na Assembleia Legislativa do Ceará para investigar a denúncia do esquema de desvio de verbas públicas, através da secretaria das Cidades, para a construção de banheiros que nunca saíram do papel.

Câmara Federal e Senado
Durante o recesso, a base aliada do governo Dilma não escondeu o descontentamento com a demora em nomeações, a não liberação de emendas parlamentares e falta de interlocução.

Agora, na volta dos trabalhos a partir da segunda-feira (01/08) deputados e senadores ameaçam dificultar as ações do Executivo para o segundo semestre.

Do outro lado, a oposição pretende criar uma CPI para investigar o setor de transportes, alvo de denúncias. No Senado, um requerimento para abrir uma investigação já conta com 23 assinaturas e faltam apenas quatro para formalizar o pedido.



0 comentários







0 comentários
Topo | Home