Fortaleza, Greve
Atualizado em: 20/03/2012 - 2:12 pm

Foto: Divulgação MPT-CE

Agentes de Saúde e de Endemias de Fortaleza, que estão em greve desde o dia 27 de janeiro, realizaram uma manifestação em frente a sede da Procuradoria Regional do Trabalho, em Fortaleza, na tarde desta terça-feira (20).

A ação aconteceu enquanto o MPT realizava uma mediação entre representantes da categoria e da Prefeitura.

Na reunião, a proposta de aumento salarial do último encontro entre as partes foi mantida. A prefeitura propôs uma aumento de R$ 10,00 reais no salário base da categoria, passando de R$ 622,00 para R$ 632,00, segundo o representante da categoria, Alexandre Barros.

Reivindicações
Os servidores pedem aumento de 30% sobre o salário mínimo, além de outras condições consideradas básicas por eles, como salário família, vale transporte, vale alimentação, fardamento e protetor solar.

Assembleia geral
Uma assembleia geral está marcada para acontecer nesta quarta-feira (21), a partir das 9h, no Ginásio Poliesportivo da Parangaba. Na reunião, o Sindicato dos Agentes de Saúde e Efeminas vai apresentar para a categoria a proposta da prefeitura e decidir os rumos da greve.

Leia mais:
Agentes de saúde e endemias entram em greve por tempo indeterminado a partir desta sexta
Agentes de saúde e endemias protestam na Assembleia Legislativa



0 comentários







0 comentários
Topo | Home