ALEC
Atualizado em: 29/10/2019 - 3:23 pm

Lançamento da Frente Parlamentar de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado do Ceará. Foto: Paulo Rocha

A Assembleia Legislativa lançou nesta terça-feira (29/10) a Frente Parlamentar de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado do Ceará, no Salão Nobre da Presidência da Casa. A ideia é contribuir para a formulação de políticas públicas específicas de apoio às micro e pequenas empresas cearenses.

O autor da proposta de criação da frente, deputado Fernando Santana (PT), defendeu a necessidade de apoiar o segmento, uma vez que muito contribuem para a economia brasileira, em especial a cearense.

O deputado afirmou que atualmente essas empresas vêm passando por dificuldades em razão da situação econômica, chegando a não se manter no mercado.

“Por isso, fomos estimulados para abrir esse frente parlamentar e através dela poder ajudar a economia do Ceará”, destacou. Segundo ele, o objetivo da frente é compilar ideias e sugestões para que possam ser amparadas e desenvolvidas.

Polo 
Ele destacou a situação das empresas do polo calçadista da região do Cariri, que chegaram a fechar as portas em março deste ano. Porém, após ser debatido em audiência, o problema foi solucionado. “Naquele dia, listamos os problemas e cada um da sua área começou a ajudar o polo calçadista. De março para cá não vimos mais nenhuma empresa fechar, graças a essa pequena ação”, comemorou, citando apoio dos parlamentares, instituições bancárias e Governo do Estado.

Contribuição
De acordo com o parlamentar, dados revelam a contribuição que as micro e pequenas dão à economia brasileira, em especial à cearense, mesmo num cenário desfavorável. “Quase 92% dos CNPJs, ou seja, das empresas formais, são compostas de micro e pequena empresa; quase 50% dos empregos formais do Ceará são delas”, acrescentou.

Sebrae
O superintendente do Sebrae no Ceará, Joaquim Cartaxo, informou que a frente parlamentar na AL é a quinta a ser instalada no Nordeste. Apenas os estados do Piauí, Pernambuco, Alagoas e Sergipe não estão contemplados. Cartaxo frisou que as micro e pequenas empresas são responsáveis por um terço do PIB brasileiro. “A economia dos pequenos negócios precisa ser valorizada e fortalecida pelo papel econômico, social e cultural que ela possui no País”, acrescentou.

O Sebrae tem trabalho junto às Assembleias estaduais com a criação das frentes. “Essa ação de instalação hoje é fruto dessa articulação político-institucional do Sebrae”, disse. Entre os temas que podem ser debatidos pela frente, Cartaxo citou a criação de instâncias de representação, atualização de marcos regulatórios de apoio, incentivo ao microempreendedorismo e à economia criativa, desburocratização do registro e licenciamento das empresas; e criação de novas formas e oportunidades de negócios.

Composição
A Frente Parlamentar é composta pelos deputados Fernando Santana (PT), Sérgio Aguiar (PDT), Guilherme Landim (PDT), Nizo Costa (PSB), Augusta Brito (PCdoB), Moisés Braz (PT), Elmano Freitas (PT), Romeu Aldigueri (PDT) e Nezinho Farias (PDT).
Participaram ainda da instalação da frete o gerente da Unidade de Políticas Públicas do Sebrae Nacional, Fábio Marimon; e o diretor técnico do Sebrae-CE, Alcir Porto.

Com informações da AL



Comment closed







Comment closed
Topo | Home


Comments are closed.