Bastidores
Atualizado em: 12/08/2011 - 8:16 pm

Cid Gomes disse que proibiu Arialdo de criticar Fortaleza e outras administrações como secretário de Estado. Foto: Reprodução da TV Jangadeiro

“Enquanto posicionamento de governo ele [Arialdo Pinho] está proibido de falar qualquer coisa contra Fortaleza ou contra qualquer outra administração. Agora, na sua manifestação de opinião pessoal, eu não posso impedir ninguém de fazer”.

Com essas palavras, o governador Cid Gomes (PSB) tentou encerrar a polêmica envolvendo o secretário-chefe da Casa Civil, Arialdo Pinho e a prefeita Luizianne Lins (PT). 

A declaração foi dada após visita ao estádio Castelão na tarde desta sexta-feira (12) .

Público x Privado
Cid Gomes ainda ressaltou que a opinião foi emitida através do twitter “privado” e que, por isso, não revela o pensamento de Arialdo “como secretário de governo”.

“As pessoas tem livre opinião e se manifestam privadamente da forma como querem. Eu não posso impedir ninguém de manifestar sua opinião pessoal”, disse Cid Gomes ao encerrar a entrevista.

Toma lá, Dá cá
No dia 9 de agosto o secretário-chefe da Casa Civil, Arialdo Pinho, fez duras críticas à prefeita da capital através da rede social Twitter. Luizianne reagiu e, em entrevista, acabou retribuindo a crítica no mesmo tom.

Leia em: Reação: Alvo de críticas, Luizianne chama Arialdo Pinho de “moleque”

Acompanhe a entrevista do governador Cid Gomes sobre as declarações do secretário Arialdo Pinho contra Luizianne Lins.



3 comentários







3 comentários
Topo | Home


Eduardo | sexta-feira agosto 12 2011 | 20:22

É como se diz popularmente: “o sujo falando do mal lavado”. Eu quero mais é que aconteça logo o que todos sabem que já devia ter acontecido: o rompimento político entre o Palácio da Abolição e a Prefeitura. As conveniências políticas e alianças antigas, cada vez mais capengas, tem mantido, à duras penas, essa estranha “aliança” entre Cid e Luizianne. Já tava na hora de acabar com essa farsa que não engana ninguém!

Francisco Jutahy | sábado agosto 13 2011 | 07:39

Não existe separação entre a pessoa Arialdo Pinho e o cargo que ocupa. Duvido se o Cid Gomes aceitasse críticas de um secretário da Luiziane. Respeito é bom e todos gostam e as atitudes do Sr. Arialdo Pinho estão se tornando algo pessoal com a prefeita. Após o pronunciamento do governador, quase que incentivando a continuidade das críticas, o Secretário Arialdo foi referendado a continuar a fazer o que quiser no “campo privado”. Percebe-se pelo pronunciamento do governador o seu apoio irrestrito ao seu primeiro ministro Arialdo de Mello Pinho.

MANDA QUEM PODE OBEDECE QUEM TEM JUIZO | sábado agosto 13 2011 | 07:40

Governador quem manda no governo é o senhor ou Arialdo Pinho, se o cara fala de uma aliada politica sua, é mais que dever do senhor mandar o cara calar a boca. Eu queria ver ele falando do Zé Guimarães do Ciro em seu twiter qual seria a sua reação.