Polêmica
Atualizado em: 19/07/2011 - 3:46 pm

Heitor Férrer quer sabatinar presidentes de associações para descobrir onde foi parar o dinheiro do Estado

O deputado estadual Heitor Férrer (PDT) ingressou com representações junto ao Ministério Público, à Controladoria Geral do Estado e ao Tribunal de Contas do Ceará para que sejam adotadas medidas no sentido de identificar e punir os responsáveis pelo esquema de desvio de verbas através de associações que seriam responsáveis pela construção de banheiros públicos.

O palamentar ainda defende o imediato afastamento do presidente do TCE, Teodorico Menezes, que estaria envolvido no esquema.

“O que se espera de um presidente que utiliza seu prestígio junto ao governador do Ceará [Cid Gomes] e, através desse prestígio, solicita a realização de convênios entre o Estado e entidades que ele próprio comanda? O mínimo que se espera é que exijam a renúncia do presidente do órgão. O TCE não pode ser presidido por alguém que é o foco da denúncia“, disse Férrer por telefone.

Para Heitor Férrer, os conselheiros do Tribunal deveriam se reunir e “pensando na instituição” cobrar a renúncia do Conselheiro e presidente do órgão, Teodorico Menezes.

Leia mais:
Governo do Ceará financia esquema milionário de banheiros fantasmas 

Após denúncia: Associação fantasma em Pindoretama aluga sede e inicia atividades  
Governo do Ceará pagou R$ 400 mil para construção de banheiros que não saíram do papel 

Sabatina
O parlamentar ainda informou que vai solicitar à Comissão de Fiscalização e Controle da Assembleia Legislativa que convoque os presidentes das associações e entidades citadas no suposto esquema para que sejam sabatinadas pelos deputados estaduais.

“Se o Estado do Ceará faz um convênio através de uma secretaria com uma associação de moradores, esses recursos são repassados através de cheques. Para onde estes chequem foram? A comissão tem que pedir a quebra de sigilo bancário dos presidentes desta associações e identificar onde foram depositados os cheques e consequentemente, onde foi parar o dinheiro do Estado”, disse.

Férrer ainda defende a necessidade de formar uma comissão de deputados para visitar “in loco” todas as associações que supostamente fariam parte do esquema com o objetivo de identificar se elas funcionam e se os banheiros foram, ou não, construídos.

O deputado também conversou com à equipe da FM Jangadeiro. A entrevista está disponível nos links abaixo. Acompanhe:

HEITOR_FERRER__1

HEITOR_FERRER__2

HEITOR_FERRER__3

 

 



0 comentários







0 comentários
Topo | Home