Câmara Municipal
Atualizado em: 25/10/2011 - 7:26 am

Acrísio Sena, presidente da Câmara, é autor da proposta

O projeto de lei que institui o Dia Municipal de Combate à Homofobia em Fortaleza, será discutido em redação final na sessão ordinária da Câmara nesta terça-feira (25). A iniciativa tem como objetivo promover ações que incentivem o debate sobre o direito à livre orientação sexual.

“É dever do Poder Público adotar meios de combates a discriminação, o preconceito e minimizar a violência contra LGBT’s”, apontou o vereador Acrísio Sena, que é propositor do projeto.

Leia ainda:
Vereador de Fortaleza quer criar o Dia do Orgulho Heterossexual

A data escolhida para o Dia Municipal de Combate à Homofobia remete ao dia em que a Organização Mundial de Saúde retirou a homossexualidade do quadro de doenças, 17 de Maio.

“Discussões e reflexões que levam a mudanças de comportamentais e culturais são necessárias para a promoção da cidadania pela para gays, lésbicas, bissexuais, travestis e transexuais”, salienta justificativa do projeto.

Com informações da CMFor



0 comentários







0 comentários
Topo | Home