Eleições 2014
Atualizado em: 24/10/2014 - 7:01 am

O último debate da eleição no Ceará foi promovido pela TV Verdes Mares

O último debate da eleição no Ceará foi promovido pela TV Verdes Mares

Apesar do acirramento na campanha eleitoral, os candidatos ao Governo do Ceará, Camilo Santana (PT) e Eunício Oliveira (PMDB) optaram no último debate televisivo, antes da decisão do segundo turno, pelo debate programático, sem reverberarem críticas e ofensas pessoais, como vinha sendo nos últimos confrontos.

Os militantes dos dois concorrentes também compareceram à sede da TV Verdes Mares, onde se deu o último debate, e apesar de eufóricos, não houve exaltar de ânimos. Temas como saúde, emprego e renda, exploração sexual, corrupção e Polícia Militar nortearam a discussão.

Saúde
O candidato Camilo Santana abriu o debate. No bloco de perguntas livres, o petista questionou a Eunício Oliveira sobre a saúde no Estado. O peemedebista iniciou a resposta criticando a atual gestão do governador Cid Gomes (Pros), dando conta de que o atual sistema “não funciona”.

Eunício destacou que, caso eleito, irá complementar no Estado, a rede de Unidades de Pronto Atendimento [UPA’s], construção de mais policlínicas, construção de mais dois hospitais de alta complexidade na Região Metropolitana de Fortaleza e outro na Região do Jaguaribe, além de concurso público para 12 mil profissionais da saúde.

Sem banheiros
Um dos momentos nos quais o debate poderia ter se acirrado, foi quando no sorteio de perguntas, o tema corrupção foi levantado. Diferentemente do primeiro turno, onde os demais candidatos e Eunício Oliveira exploraram com veemência o escândalo dos banheiros, em que o Ministério Público Estadual cita o candidato Camilo Santana no processo, o peemedebista aproveitou o espaço para questionar ao petista, como parlamentar estadual, o que ele fez para combater a corrupção.

Camilo ressaltou sua atuação na Assembleia Legislativa e afirmou que, caso seja eleito, ampliará a transparência no Governo, para que a população tenha conhecimento de quanto e como está sendo aplicado os recursos nas obras públicas.

Segurança Pública
Apesar de os dois candidatos terem propostas parecidas para a segurança pública, o ponto alto do debate foi quando o tema “Polícia Militar” foi sorteado. Camilo Santana defendeu uma ampliação imediata do Raio de 45, para 150 equipes. De acordo com o petista, se eleito, 90 novas equipes serão formadas em Fortaleza e 60 no interior do Estado. Já Eunício argumentou sobre a necessidade “do novo momento” que a Polícia deve viver no Ceará, como a abertura de diálogo com a classe.

O peemedebista também defendeu a ampliação do Batalhão Raio, implantação de bases de helicópteros em cidades do interior, para coibir assaltas as agências bancárias. Nas suas considerações finais, Camilo Santana ressaltou ter visitado 160 munícipios ao longo de toda a campanha e de ter ouvido as demandas da população. Já Eunício Oliveira disse estar preparado para governar o Ceará e executar um bom trabalho.

Com informações do OE



0 comentários







0 comentários
Topo | Home