Bastidores
Atualizado em: 05/05/2011 - 4:35 pm

Michel Temer. Foto: Agência Brasil

O vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB), confirmou nesta quinta-feira (05) as filiações do deputado Gabriel Chalita (PSB/SP) e do presidente da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), Paulo Skaf (PSB), ao PMDB.

A mudança de sigla dos dois parlamentares socialistas, segundo Temer,  faz parte do processo de ampliação dos quadros do PMDB no Brasil.

Governo
Paulo Skaf quer ser candidato ao governo de São Paulo em 2014. A cerimônia de filiação ao PMDB será realizada, em Brasília, na próxima quarta-feira (11).

Prefeitura
Já o ato de filiação de Gabriel Chalita está marcado para o dia 4 de junho, em São Paulo.  Chalita pretende garantir legenda para candidatura à prefeitura de São Paulo em 2012.

PSD
A mudança de sigla acontece depois de intenso debate sobre a aproximação do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (ex-DEM), fundador do recém criado PSD, junto a cúpula nacional do Partido Socialista.

Ceará
Aqui no Estado, o governador Cid Gomes desmentiu, no íncio da semana, as especulações sobre sua saída do PSB. Durante entrevista, Cid deixou claro que não pretende deixar o partido socialista e nem mesmo criar uma nova sigla.

“Não, não. Não tem nada disso não. Eu vi essa notícia, mas eu nunca falei sobre isso com ninguém. Eu nunca cogitei isso. Eu tenho preocupação com o meu partido que é o PSB. Eu quero que o meu partido esteja bem”, esclareceu.

Leia mais: O que quer dizer o silêncio de Cid?



0 comentários







0 comentários
Topo | Home