Ceará

Cid Gomes passa mal durante evento em Limoeiro

Cid Gomes passal mal durante evento em Limoeiro. Foto: Cely Fraga
Cid Gomes passa mal durante evento em Limoeiro. Foto: Cely Fraga

Atualizada às 01h30 desta sexta-feira (04).

O governador Cid Gomes passou mal durante solenidade de inauguração da policlínica de Limoeiro do Norte , no final da noite desta quinta-feira (03). Cid disse que estava tonto, pediu água e tomou alguns goles. Depois, voltou a falar e ao perceber que não havia melhorado, chegou a se ajoelhar no palanque.

O governador conseguiu levantar e deixou o palanque amparado por aliados. Ele foi atendido pela equipe do Samu e levado, de helicóptero, ao Hospital Geral de Fortaleza.

Nota
Já na madrugada desta sexta-feira (04), o Hospital Geral de Fortaleza (HGF) emitiu nota sobre o estado de saúde do governador. O texto diz que Cid Gomes teve uma queda de pressão arterial e que, após exames de rotina, foi liberado. Confira a nota na íntegra.

” O HGF informa que o paciente Cid Ferreira Gomes teve na noite desta quinta- feira, 3, uma indisposição (síndrome vasovagal) motivada por uma queda de pressão arterial. A equipe médica informa ainda que o paciente realizou exames de rotina que não revelaram nenhuma anormalidade. O paciente já recebeu alta”.    

Protesto
Cid discursava em meio a protestos de estudantes da Universidade Estadual do Ceará (UECE), que cobravam o cumprimento do acordo realizado para por fim a greve dos docentes das universidades estaduais iniciada no final de 2013. A coletiva prevista para acontecer após a solenidade foi cancelada.

Até o último momento
Cid Gomes (Pros) deixou para esta sexta-feira (4) o anúncio de sua renúncia ou não ao Governo do Ceará. “Vou maturar essa decisão até o último minuto”, disse o governador ao ser questionado pela imprensa ao chegar evento em Limoeiro do Norte.

Leia ainda:
Renúncia: Cid Gomes diz que só vai “anunciar” decisão na sexta; Ciro defende permanência
Izolda Cela deixa secretaria de Educação e fica livre para sucessão de Cid
Decisão de Cid sobre renúncia é “pessoal”, dizem aliados
Cid agenda mais dois eventos públicos antes do prazo final para renúncia


Curtir: