Bastidores
Atualizado em: 20/04/2017 - 6:31 pm

“Coisa de moleque”: Camilo reage e rebate críticas de Wagner sobre ataques. Foto: Agência Brasil

O governador Camilo Santana (PT) classificou como “oportunismo” e “coisa de moleque” as críticas feitas pelo deputado Capitão Wagner (PR) após a onda de ataques a veículos e prédios em Fortaleza e Região Metropolitana.

Em conversa com a imprensa, o governador ressaltou que as ações criminosas são uma reação às medidas que o governo estadual tem adotado na luta contra o crime organizado.

Isso é coisa de moleque. Acho que se aproveitar do momento pra querer tirar vantagem política, eu não vou entrar nesse jogo. Agora, frouxo é quem nunca pegou uma arma e nunca foi combater um bandido no Ceará. Isso é frouxo”, disse Camilo.

Wagner
O deputado Capitão Wagner (PR) criticou, nesta quinta-feira (20/04), a falta de um plano de segurança pública para o Ceará, e cobrou a abertura da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Narcotráfico. De acordo com o parlamentar, o Governo do Estado está sendo “frouxo” e a atual política de segurança não vai gerar resultados melhores.

Leia aqui: Capitão Wagner chama governo de “frouxo” e cobra plano de segurança para o Ceará

Secretário
O secretário de segurança, André Costa, adotou um tom mais ameno, mas também rebateu as criticas do deputado. Costa afirmou que as declarações de Wagner estão “equivocadas”, pois, segundo ele, “toda ação é apoiada pelo governador, pois tem investido na segurança. Não haveria uma secretaria forte, sem ação do Governo”.



0 comentários







0 comentários
Topo | Home