Greve
Atualizado em: 08/10/2013 - 6:38 am

Central convoca todo movimento sindical cutista para doar sangue, na próxima terça-feira (08/10), a partir das 8 horas da manhã, no Hemoce.

Central convoca todo movimento sindical cutista para doar sangue, na próxima terça-feira (08/10), a partir das 8 horas da manhã, no Hemoce.

A Central Única dos Trabalhadores do Ceará (CUT-CE) promove, nesta terça-feira (08/10), a partir das 8 horas da manhã, no Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará – Hemoce, em Fortaleza, mutirão de doação de sangue. Todo o Movimento Sindical CUTista apoia a iniciativa.

“Esse mutirão será realizado em solidariedade aos bancários que sofrem com a intransigência dos banqueiros. Queremos que toda a sociedade cearense apoie à greve dos bancários. Assim como os trabalhadores são prejudicados com o desrespeito dos patrões, toda a sociedade sofre com a falta de segurança nas agências bancárias, uma das reivindicações da categoria”, ressalta a presidenta da CUT-CE, Joana Almeida.

Greve
Os bancários estão em greve desde o dia 19 de setembro deste ano e devem continuar com os trabalhos paralisados por tempo indeterminado. Segundo o presidente do SEEB/CE, Carlos Eduardo, o mutirão de doação de sangue mostra aos bancos a importância da solidariedade. “Doamos nosso sangue pelos bancos todos os dias do ano. Dessa vez, vamos doar nosso sangue em prol da população, que é quem mais sofre com o silêncio e a intransigência dos banqueiros”, disse.

Contra a proposta da Fenaban
Fenaban apresentou ao Comando Nacional dos Bancários, coordenado pela Contraf-CUT, nta sexta-feira (04/10), proposta de 7,1% de reajuste sobre os salários (aumento real de 0,97%) e para 7,5% sobre o piso salarial (ganho real de 1,34%). No entanto, o Comando Nacional orienta pela rejeição da nova proposta. As negociações, que estavam interrompidas havia um mês, foram retomadas na sexta-feira, no 16º dia da greve nacional dos bancários.

Reivindicações
Veja abaixo a pauta de Reivindicações dos bancários.

  • – Reajuste salarial de 11,93% (5% de aumento real mais inflação projetada de 6,6%)
  • – Piso: R$ 2.860,21 (salário mínimo do Dieese);
  • – Auxílios alimentação, refeição, 13ª cesta e auxílio-creche/babá: R$ 678 ao mês para cada (salário mínimo nacional);
  • – Melhores condições de trabalho, com o fim das metas abusivas e do assédio moral que adoece os bancários;
  • – Emprego: fim das demissões, mais contratações, aumento da inclusão bancária, combate às terceirizações, especialmente ao PL 4330 que precariza as condições de trabalho, além da aplicação da Convenção 158 da OIT, que proíbe as dispensas imotivadas;
  • – Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) para todos os bancários;
  • – Auxílio-educação: pagamento para graduação e pós-graduação;
  • – Prevenção contra assaltos e sequestros, com o fim da guarda das chaves de cofres e agências por bancários;
  • – Igualdade de oportunidades para bancários e bancárias, com a contratação de pelo menos 20% de negros e negras.

Serviço: Doação de sangue em solidariedade à campanha salarial dos bancários
Data: 08/10/2013
Horário: 8h00
Local: Av. José Bastos, 3390 – Rodolfo Teófilo



0 comentários







0 comentários
Topo | Home