Eita mah!
Atualizado em: 17/11/2011 - 10:50 am

A tribuna da Assembleia Legislativa da Bahia foi palco de um fato inusitado nessa quarta-feira (16). A deputada Maria Luiza Carneiro (PSD) usou o tempo reservado ao seu pronunciamento para anunciar publicamente sua separação do marido, o prefeito de Salvador, João Henrique (PP).

Segundo ela, uma traição conjugal foi o motivo do fim da união de 27 anos. “Casei com um homem e me separei de outro, alguém que desconheço”, disse a deputada, que ressaltou jamais ter traído o marido.

Babado e Confusão
A parlamentar disse julgar o tema do pronunciamento um “fato relevante”. Durante o discurso, ela contou detalhes dos bastidores da separação e disse que a subsecretária municipal de Saúde, que era médica do prefeito, seria a pivô do divórcio.

“Nada tenho contra ela, nada tenho contra ele, tenho sim dois filhos com ele, e desejo felicidades ao casal. O que me ofende, nesse caso, é o jogo feito por ele”, disse.

“Não o julgo, porque não cuspo no prato que como, mas peço-lhe que conduza esse processo com maturidade e consciência”, clamou.

Imprensa
A agora ex-primeira-dama também criticou ainda a imprensa por “bloquear” a divulgação do assunto, mas disse entender o motivo. “Respeito os meios de comunicação e sei que é contra a lei falar da vida pessoal, por isso entendo tal atitude. Motivo pelo qual, utilizo esse espaço para restabelecer a minha verdade!”, destacou.

O áudio do discurso foi divulgado no YouTube pelo site Bahia Notícias:

Com informações do Congresso em Foco e do site Bahia Notícias



1 comentário







1 comentário
Topo | Home


Iris Gadelha | quinta-feira janeiro 12 2012 | 19:53

Baaaaabaadddooo! Lamentável!