Horário Eleitoral Gratuito
Atualizado em: 24/10/2012 - 8:33 pm

Advogado diz que “interpretação equivocada” tirou programa de Roberto Cláudio do ar e pede investigação da Polícia Federal

O advogado da coligação de Roberto Cláudio, candidato do PSB à prefeitura de Fortaleza, avalia que a TV Cidade, que retransmite a TV Record em Fortaleza, interpretou de forma equivocada uma liminar da Justiça Eleitoral e retirou do ar, na noite desta quarta-feira (24) todo o tempo reservado ao candidato da coligação “Para Renovar Fortaleza”. Em nota oficial, a coligação afirma que vai pedir que a Polícia Federal investigue o caso.

Leia aqui:
Por determinação da Justiça, Roberto Cláudio fica fora do Horário Eleitoral na noite desta quarta-feira

De acordo com o assessor jurídico da coligação, João Pupo, a liminar mandava retirar do ar uma inserção na qual o ex-presidente Lula era mencionado e não o programa de Roberto Claudio. O jornalista Beto Almeida, diretor de jornalismo da emissora, informou a coligação de Roberto Cláudio que a liminar chegou momentos antes do programa.

Leia a nota na íntegra:

“Sobre a suspensão indevida da propaganda eleitoral da coligação “Para renovar Fortaleza”, informamos que:

A coligação “Para renovar Fortaleza”, do candidato a prefeito Roberto Cláudio (PSB), apresentará, junto à Polícia Federal, pedido de investigação sobre a suspensão indevida, pela TV Cidade, do programa que seria exibido nesta quarta-feira (24/10) no Horário Eleitoral Gratuito. A coligação também solicitará à Justiça Eleitoral o restabelecimento do prejuízo pela não exibição, pela emissora, do programa do qual é geradora.

Segundo determinação da legislação eleitoral, em caso de proibição de veiculação de propaganda eleitoral, a emissora geradora deveria substituir a peça em questão por outra.

A coligação “Para renovar Fortaleza” confia que a Justiça Eleitoral garantirá o direito à isonomia do pleito.

Assessoria de comunicação da coligação “Para renovar Fortaleza”.”



0 comentários







0 comentários
Topo | Home