Entrevista
Atualizado em: 23/08/2018 - 5:31 pm

Eunício defende derrubada de veto ao piso dos agentes comunitários de saúde

“Eu vou pautar e trabalhar para derrubar o veto do presidente ao piso dos agentes comunitários de saúde e de combate às endemias”. A afirmação é do senador Eunício Oliveira (MDB), feita em entrevista à jornalista Kézya Diniz no programa de rádio Expresso em Pauta, da emissora Expresso FM 104,3, na tarde desta quinta-feira (23).

Para Eunício, esses profissionais são “verdadeiros anjos da guarda” que trabalham na ponta para oferecer cuidado com a saúde das pessoas mais simples. “Da mesma forma que arquivei a reforma da previdência, mais uma vez estarei enfrentando a área econômica do governo. Eu sirvo à população cearense, especialmente a que mais precisa”, reforçou.

Piso
Pela lei que foi aprovada e encaminhada à sanção presidencial, o piso salarial nacional para os agentes comunitários de saúde e de combate às endemias seria de R$ 1.250 em 2019, R$ 1.400 em 2020 e R$ 1.550 em 2021. A partir de 2022, o piso seria reajustado anualmente em 1º de janeiro, com valor a ser fixado na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). A previsão de reajuste, no entanto, foi vetada. Com a derrubada do veto, o reajuste passará a valer.

Conquistas
Durante a entrevista, Eunício, que é candidato à reeleição, enumerou uma série de “conquistas”. Abastecimento de água emergencial e estruturante, moradia digna, atendimento à saúde, mais educação, planejamento e recursos para segurança pública, renegociação das dívidas dos agricultores, transporte público e geração de emprego foram algumas áreas citadas.

Aliança
Eunício ainda explicou que sua aliança com o governador Camilo Santana (PT) e com Cid Gomes (PDT) foi firmada em torno de um projeto administrativo que busca fazer um Ceará mais forte. “Essa parceria foi evoluindo. Ontem mesmo, liberamos R$ 1,6 bilhão para o Metrofor. A minha realização na política é fazer pelo coletivo. Deus já me deu tudo, agora minha missão é trabalhar para melhorar a vida dos meus irmãos cearenses. Por tudo isso, voto e recomendo o voto em Camilo governador, Cid senador e Eunício senador”, assegurou.



0 comentários







0 comentários
Topo | Home