ALEC
Atualizado em: 05/04/2011 - 5:11 pm

Ubiratan de Paula

O ex-superintendente da Polícia Rodoviária Federal, Ubiratan de Paula, esteve na Assembleia Legislativa nesta terça-feira (5) e surpreendeu os jornalistas ao revelar o motivo da visita: apresentar aos deputados estaduais o superintendente interino da PRF no Ceará, Cícero Guedes.

Ora, Ubiratan foi exonerado do cargo no último dia 27 de março depois da divulgação de denúncia sobre o suposto favorecimento de autoridades públicas abordadas pela PRF no Ceará. Como pode, agora, aparecer para “apresentar” o sucessor aos deputado? É no mínimo… diferente. Chama atenção.

Na conversa com os jornalistas, Ubiratan disse que as imagens foram divulgadas depois do pedido de transferência para a reserva da PRF e que tudo não passou de um “complô”.

Para lembrar o caso
Em uma gravação, feita em 2006, durante uma reunião entre o superintendente e cerca de 30 policiais, Ubiratan fala sobre um deputado federal que teve o carro apreendido. Na gravação, divulgada pelo programa Fantástico, da TV Globo, Ubiratan Roberto de Paula pede aos colegas que sejam mais tolerantes antes de multar políticos e empresários, chamados de parceiros pelo superintendente.

A “vítima” do complô
Mesmo com a insistência da imprensa, na tentativa de revelar o nome do deputado federal supostamente favorecido com a liberação do veículo apreendido pela polícia rodoviária, o ex-superintendente evitou citar nomes e, a cada questionamento sobre o tema, repetia apenas que teria sido vítima de um complô formado por adversários dentro da PRF.

Nos bastidores, Ubiratan foi visto procurando os deputados Ely Aguiar (PSDC), Neto Nunes (PMDB) e Osmar Baquit (PSDB).  

O superintendente interino, inspetor Cícero Guedes, também evitou comentar o assunto afirmando que todas as informações já teriam sido prestadas publicamente. Guedes garantiu que a PRF não distingue cidadãos. Ele ainda avaliou que o caso não vai abalar a credibilidade da Polícia rodoviário junto a população.



0 comentários







0 comentários
Topo | Home




You must be logged in to post a comment.