Vídeos
Atualizado em: 26/10/2011 - 6:23 pm

Pacientes em macas espalhadas pelos corredores da unidade. Foto: reprodução da TV Jangadeiro

Cenas fortes que mostram o descaso no atendimento em uma das principais unidades de saúde do estado, o Hospital Geral de Fortaleza (HGF).

As imagens mostram pacientes em macas nos corredores, próximos ao lixo e à materiais de limpeza. O flagrante revela que homens e mulheres ficam quase que amontoados, esperando por tratamento.

“Fiquei no chão. E tive sorte, porque cheguei com muita dor, fui sondado e tô saindo, mas tem gante lá esperando hà três semanas”, é o que afirma o aposentado Celestino Lopes, depois de passar quatro dias no HGF.

A direção do hospital alega que a superlotação é uma consequência da falta de vagas no sistema de saúde pública.

De acordo com o Coordenador da emergência do Hospital, Romel Araújo, a realidade é reflexo de problemas na rede de saúde secundária, que é administrada pela prefeitura. Segundo ele, os casos mais simples que deveriam ir para outras unidades acabam superlotando o HGF.

“É preciso que os gestores entendam que a atenção básica e a atenção secundária dentro do município de Fortaleza e nos municípios que têm gestão plena, precisa mudar e qualificar. São necessários leitos resolutivos para tirar os pacientes dos corredores do prédio”, disse.

Acompanhe as imagens na reportagem do Jornal Jangadeiro



0 comentários







0 comentários
Topo | Home