Bastidores

Indicação de Domingos Neto causa ciúmes no Pros

Indicação de Domingos Neto causa ciúmes no Pros. Foto: Divulgação
Indicação de Domingos Neto causa ciúmes no Pros. Foto: Divulgação

A indicação do deputado Domingos Neto para liderança do Pros na Câmara dos Deputados, substituindo Givaldo Carimbão (AL), até então, o nome mais forte da legenda no Congresso Nacional, tem causado ciúmes entre representantes da da sigla.

Segundo reportagem do jornal O Globo no final de semana, o ex-governador do Ceará e atual ministro da Educação, Cid Gomes, é citado como o pivô de um crise dentro do Pros, que ameaça sua permanência e do irmão, Ciro Gomes.

Comando paralelo
Segundo adversários, Cid tenta criar um comando paralelo e minar a liderança do presidente Eurípedes Junior. O ministro, segundo relatam integrantes da legenda, critica o que considera uma estrutura amadora e destaca que o partido já reduziu quase pela metade sua bancada na Câmara, passando de 20 para 11 deputados.

Fora do Pros
Nos bastidores, Carimbão tem defendido que os irmãos Ferreira Gomes deixem o partido.

Silêncio
Até o momento, nem Cid nem Ciro teceram comentários sobre o assunto. Aliados, porém, evitam comentar o assunto.

Sem envolvimento
Apesar dos conflitos, aliados do ministro da Educação dizem que ele não pretende se envolver nas questões burocráticas do Pros. É o que garante o líder da bancada, Domingos Neto, cujo pai, Domingos Filho, foi vice de Cid Gomes quando este era governador.

Com informações do O Globo


Curtir: