Eleições 2014
Atualizado em: 12/08/2013 - 4:19 pm

Marina Silva tem só quatro dias para criar partido. Foto: Kézya Diniz

Marina Silva tem só quatro dias para criar partido. Foto: Kézya Diniz

Apontada por pesquisas eleitorais como o maior obstáculo à reeleição da presidente Dilma Rousseff, a ex-senadora Marina Silva tem pela frente quatro dias decisivos para uma eventual campanha ao Palácio do Planalto.

Até quinta-feira, a Rede Sustentabilidade, encabeçada por Marina, precisa validar cerca de 500 mil assinaturas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para regularizar o novo partido, criado para dar sustentação à candidatura presidencial da ex-petista.

Contra o tempo
O partido tem o relógio como principal inimigo para o projeto, já que 300 mil assinaturas ainda precisam ser validadas para a formação da Rede. Com dificuldades para consolidar os documentos em cartório, a pré-candidata pode ser obrigada a estudar vias alternativas para encarar a disputa eleitoral.

Lentidão de cartórios pode prejudicar
Marina Silva reclamou publicamente do atraso de cartórios para validar as assinaturas de apoio à criação da Rede Sustentabilidade.

“Não vamos pagar o preço por deficiências que não são nossas”, disse Marina durante reunião da comissão nacional provisória da entidade, em Brasília. Ela não quis se manifestar sobre os resultados da pesquisa Datafolha.

Com informações do Correio e da Folha.com



0 comentários







0 comentários
Topo | Home




You must be logged in to post a comment.