Ceará
Atualizado em: 28/09/2011 - 4:06 pm

Fabuloso está afastado desde o ano passado.

O Ministério Público Estadual enviou à Câmara Municipal do Ipu, na Região da Ibiapaba, um pedido de cassação de mandato do vereador Fábio Borges, conhecido como o “Fabuloso”. A Câmara acatou a sugestão e vai conduzir o processo. O parlamentar é acusado de cometer crimes e tem dois mandatos de prisão expedidos pela Justiça.

De acordo com Ronkaly Paiva, assessor jurídico da Câmara, o pedido foi realizado através de um ofício emitido pelo órgão. O documento foi assinado pelo procurador Bráz Saldanha. No texto é solicitado que a Câmara faça adequação com a Lei Orgânica Municipal em relação ao vereador.

Crimes
Como Fábio Borges responde a dois processos na Justiça Criminal, ele quebra o decoro parlamentar em relação a conduta pública. Ele é acusado de homicídio qualificado (Comarca de Ipú) e por assalto (Comarca de Boa Viagem).

Afastado
Antônio Fábio Borges está afastado das atividades parlamentares desde o dia 12 de setembro de 2010, quando sofreu um atentado no município de Hidrolândia. Na ocasião, o vereador foi atingido por 5 disparos. Ele ainda é procurado pela Polícia Federal por formação de quadrilha.

Prova material
A PF cumpriu um mandado de busca e apreensão na fazenda do sogro de “Fabuloso” e encontrou vários materiais, entre os quais, camisas da Polícia Federal, caixas de munição para fuzil 556, colete tático do exército, coldre, botas, documentos de um carro roubado além de material de primeiros socorros. Outra investigação que envolve o parlamentar é referente a participação a assalto aos bancos da região.



2 comentários







2 comentários
Topo | Home


Pedro | quinta-feira setembro 29 2011 | 14:23

Caro amigo leitor da jandeiro,vereador fabuloso e apenas vitimas das faucatruas do prefeito savio pontes,ele sim e vitima de todas essas acusacoes,todos sabem que depois que o fabuloso assumiu o cargo de vereador,tudo comecou a contecer contra sua pessoa,primeiro foi agredido pelo major elcir chefe da guarda municipal de ipu,depois teve o primeiro atentado contra sua pessoa,logo depois do projeto da taxa da iluminacao publica em que o vereador fabuloso se obsteve do voto,acontece a segunda tentativa de homicidio contra sua pessoa,e numca a policia teve pista de quem fez isso com ele,alias numca tve uma investigacao nesse caso contra a pessoa do vereador fabuloso.
O vereador tentando se recuperar das sequelas deixada pelos fragmentos da arma de fogo,e o prefeito se achando insastifeito,juntamente com o delegado de ipu,tentou colocar o mandado de prisao para o vereador acusando de traficante,onde na verdade o prefeito sabe quem e o verdadeiro traficante,mas uma tentativa em vao.Dias depois a policia federal esteve fazendo uma busca e apreensao na casa do vereador e nada encontrou,e meses depois em que o vereador se encontrava no rio de janeiro veio uma busca e apreensao nesta fazendo e que la numca existiu isso,tudo forjado,tudo tramado,mas vereador fabuloso como todo ser humano tem seu direito de defesa e concerteza vai se sair bem de todas essas acusacoes.

Luiz | sábado março 3 2012 | 13:08

Meu caro Pedro, como é que você sabe de tudo isso? Se o Fabuloso é inocente, é vìtima de uma trama polìtica, por que é que o Fabuloso ainda continua a se esconder?