Dilma no Ceará
Atualizado em: 13/05/2014 - 4:18 pm

Durante visita às obras da Transposição do São Francisco, Dilma posou para fotos com operários da obra. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

Durante visita às obras da Transposição do São Francisco, Dilma posou para fotos com operários da obra. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

A presidente Dilma Rousseff disse nesta terça-feira (13) que as obras de integração do Rio São Francisco mostram a importância do planejamento no enfrentamento à seca. Em visita ao Nordeste a presidenta disse que o conjunto das obras do Rio São Francisco vai beneficiar 12 milhões de pessoas.

“É uma obra que mostra que houve aqui planejamento, um esforço da sociedade, porque aqui todo mundo está consciente que água é fundamental. Ninguém aqui vai ser surpreendido pela seca, porque sabemos que ela ocorre aqui”, disse ao discursar em cerimônia em Jati, no Ceará, onde visitou as obras de uma barragem.

Projeto
O projeto de integração do São Francisco tem 470 quilômetros de extensão e irá beneficiar a população de 390 municípios nos estados de Pernambuco, do Ceará, da Paraíba e do Rio Grande do Norte, de acordo com o Ministério da Integração Nacional.

De volta
Na avaliação da presidente, as obras da integração do São Francisco e a oferta de água à população beneficiada atrai de volta nordestinos que deixaram suas cidades em busca de trabalho. “Com o trabalho feito aqui, o esforço de vocês, estamos fazendo uma obra que não só leva água, ela traz os nordestinos que saíram daqui de volta para suas terras. Temos de criar condições para que quando a seca chegar estejamos mais fortes e possamos conviver com ela”, disse Dilma.

E ainda
O projeto de integração do Rio São Francisco estabelece a interligação da bacia hidrográfica do rio com bacias inseridas no Nordeste Setentrional. Esta interligação vai levar água para consumo humano, animal e para ações de desenvolvimento socioeconômico da região.

Com informações da Agência Brasil



0 comentários







0 comentários
Topo | Home