Jogo Rápido
Atualizado em: 19/04/2011 - 8:15 am


Reprodução de tela do aplicativo Android, do Senado Federal, para celular.

O Senado lançou, na última sexta-feira (15) uma versão para o sistema operacional Android de um aplicativo para celular com informações sobre as atividades da Casa.

Produzido por um grupo liderado pela Google, o Android é um dos sistemas operacionais mais usados em dispositivos móveis, como celulares e alguns computadores portáteis do tipo tablet, como o Galaxy, da Samsung, e o Xoom, da Motorola.

O aplicativo, desenvolvido pela Secretaria Especial de Comunicação Social (Secs) e pela Secretaria Especial de Informática (Prodasen), traz todas as notícias produzidas diariamente pela Agência Senado, a agenda de atividades da Casa e os perfis dos 81 senadores.

Baixe aqui o aplicativo

Com informações da Agência Senado










Polêmica
Atualizado em: 18/04/2011 - 9:15 pm


Polêmica garantiada nesta terça-feira (19). Isso porque a Câmara Municipal de Fortaleza deve aprovar a operação urbana consórciada Sítio Tunga que prevê a permuta, entre o múnicípio e o setor privado, de um terreno localizado no bairro Luciano Cavalcante, em Fortaleza, por outro situado na avenida Juscelino Kubitscheck.

A prefeitura da capital defende a troca afirmando vantagens para o município como a aplicação de recursos privados para a implantação de uma  nova avenida, a compra de um outro terreno e melhorias estruturais e sociais na área da operação.

Ronivaldo Maia (PT), líder da prefeita Luizianne Lins na CMF, diz que operação Sítio Tunga trará benfeitorias à área.

O líder da prefeita na Câmara, vereador Ronivaldo Maia, aponta benfeitorias como: a doação de 22 mil metros quadrados de área contígua à área verde já existente; e a construção de um parque público urbano numa área de 42 mil metros quadrados, que seria mantido com recursos privados por 10 anos.

Desvantagem
Já os que são contra a matéria, como por exemplo, o vereador João Alfredo (Psol), afirmam que a Operação Urbana Consorciada do Sítio Tunga não trará ganhos para a cidade. O parlamentar diz que a área que o município pretende permutar possui grande cobertura vegetal. Segundo João Alfredo, com a troca de terrenos, o Sítio Tunga sofrerá devastação por conta do loteamento que será construído no local.

O assunto já motivou pronunciamentos calorosos. Em um dos mais recentes, João Alfredo questionou: “Por que a Prefeitura não adquire o terreno, em vez de entregar sua área verde?”.  De acordo com ele, a área institucional no sítio Tunga corresponde a cerca de três hectares – o equivalente a três quarteirões.

As contrapartidas previstas na operação urbana consorciada, segundo o vereador, vão beneficiar os futuros donos dos imóveis que serão construídos pela empresa que celebra a operação com a Prefeitura.

Planejamento
Os vereadores também devem aprovar, em regime de urgência, a criação do Instituto de Planejamento Urbano de Fortaleza (IPLANFOR). Tudo do jeitinho que o município propôs. Sem concurso público e prazo para o início dos trabalhos.

Com informações do site da Câmara Municipal de Fortaleza










ALEC
Atualizado em: 18/04/2011 - 8:10 pm


O Fórum de Ideias Inovadoras em Políticas Públicas (FIP) continua nesta terça-feira (19), a partir das 15h30, no Plenário 13 de Maio, da Assembleia Legislativa. Na pauta do encontro, a “classe média” brasileira.

O evento,  promovido pelo Instituto de Estudos e Pesquisas para o Desenvolvimento do Estado do Ceará (Inesp), tem como tema “Ideias para o Crescimento Econômico com Equidade Social”. O Fórum é uma parceria entre a Assembleia Legislativa, o Curso de Pós-Graduação em Economia (Caen) da Universidade Federal do Ceará (UFC) e o Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece).

Na programação desta terça feira, estão previstas as palestras: “Ascensão e Sustentabilidade da Nova Classe Média”, com o professor da Pontifícia Universidade Católica (PUC) de Minas Gerais e coordenador do Instituto Cultiva, Ruda Ricci.

Já às 19 horas, haverá a conferência com o tema “Classe Média ou Nova Classe Social? Interpretando os Dilemas de Ascensão Social no Brasil”, com o professor da universidade de Juiz de Fora (MG), Jessé de Souza. Em seguida, será lançado o livro de sua autoria, “Os Batalhadores Brasileiros”.

Inscrições
As inscrições para participar do Fórum de Ideias Inovadoras em Políticas Públicas (FIP) podem ser feitas no site da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará: www.al.ce.gov.br .

Programação
Data: 19.04.2011 – Terça-feira (19)

15h30 – Ascensão e Sustentabilidade da Nova Classe Média
Expositor: Ruda Ricci – Professor da PUC de Minas e Coordenador do Instituto Cultiva

19h – Classe Média ou Nova Classe Social? Interpretando os Dilemas de Ascensão Social no Brasil
Conferencista: Jessé de Souza – Professor da Universidade de Juiz de Fora

21h – Lançamento do livro: “Os Batalhadores Brasileiros”

Da Assessoria de imprensa do Inesp










Câmara Municipal
Atualizado em: 18/04/2011 - 6:24 pm


Vereador Iraguassú Teixeira (PDT), presidente da Comissão de Defesa dos Direitos do Consumidor da CMF. Foto: Genilson de Lima

O Presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara Municipal de Fortaleza, vereador Iraguassu Teixeira (PDT), defende a instalação de um “Balcão do Consumidor” que ficaria responsável por receber reclamações de pessoas da população que se sentirem prejudicadas por empresas, inclusive as de telefonia.

Segundo a proposta, o Balcão seria mais uma ferramenta de Defesa do Consumidor e poderia atuar em parceria com o Procon municipal.

A sugestão foi apresentada durante audiência pública realizada, nesta segunda-feira (18), na Câmara Municipal, sobre a situação das operadoras de telefonia móvel em Fortaleza.

O parlamentar disse que vem conversando com o presidente da Câmara, vereador Acrísio Sena (PT), sobretudo no que diz respeito ao espaço físico e aos recursos humanos necessários para o funcionamento do Balcão do Consumidor. “Tudo isso é importante porque será um grande serviço que esta Casa vai prestar aos fortalezenses”, ressaltou.

Com informações do site da Câmara Municipal de Fortaleza.










Nacional
Atualizado em: 18/04/2011 - 5:02 pm


O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, que trocou o DEM pelo PSD e agora atrai seguidores. Foto: Divulgação.

Sete vereadores de São Paulo, eleitos pelo PSDB, anunciaram na tarde desta segunda-feira (18) a desfiliação da sigla. Os parlamentares reclamaram de divergências com o comando municipal do partido para justificar a saída.

Agora, a bancada do PSDB na Câmara Municipal de São Paulo fica reduzida, praticamente, a menos da metade com apenas seis vereadores. Em 2008, 13 tucanos conquistaram a vitória nas urnas e garantiram vaga na Câmara de vereadores. 

Nos bastidores a expectativa é que os novos “ex-tucanos” procurem abrigo no PSD, do atual prefeito Gilberto Kassab, de olho nas eleições de 2012.

Ceará
Aqui no Ceará, a movimentação ainda é discreta, mas também existe a expectativa de que os “tucano-cidistas” migrem para outra legenda. O PSD seria uma opção para o futuro, depois, é claro, que a sigla firmar posição por aqui.

Na avaliação de alguns políticos, que preferem não revelar detalhes publicamente, um grupo de seis deputados, de diferentes siglas, já estaria avaliando a possibilidade de mudança. Até agora ninguém fala sobre o assunto abertamente.










Congresso
Atualizado em: 18/04/2011 - 3:46 pm


O deputado federal Raimundo Gomes de Matos (PSDB). Foto: Divulgação.

Eu tô considerando a bancada federal do Ceará igual a novela ‘Morde e Assopra’. Reclama, reclama, reclama mas na hora de aprovar milhões e milhões pro tem bala, a bancada federal vota todinha a favor”.

 

A declaração acima é do deputado federal cearense, Raimundo Gomes de Matos (PSDB) ao criticar a ausência de pressão política que poderia garantir a liberação de recursos para o Ceará.  

O tucano defende a estratégia de condicionar o apoio da bancada cearense ao Governo, mediante um tratamento mais justo para o Estado. Assim, os 22 deputados e dos três senadores votariam nas matérias de interesse do Governo desde que a União liberasse os recursos prometidos, por exemplo, para a reconstrução das rodovias federais que cortam o Ceará.  

Raimundo Gomes de Matos diz que a bancada erra ao não se posicionar de maneira firme e que, por isso, não tem força política para cobrar e defender os interesses do Ceará. O parlamentar ainda lembra que “quase 90% da população (cearense) se posicionou favorável a presidente Dilma”, mas esse apoio não estaria sendo retribuído. 

O deputado revela que está preparando um levantamento para identificar“quanto a presidente Dilma, depois de eleita, disse que ia fazer as coisas e não fez”. Segundo Matos, Dilma Rousseff (PT) cortou repasses de recursos para a construção da Escola Técnica Federal em Maranguape e para a Santa Casa de Misericórdia. O parlamentar também critica corte feitos nas áreas de Infraestrutura, Social e de Ciência e Tecnologia.

“É estelionato político. A presidente Dilma afirmou que iria manter os recursos do PAC, realmente tá tudo empacado”, disparou.

Matos disse que a presidente da República ainda não mostrou ações efetivas para melhorar as condições de vida dos brasileiros, especialmente para aqueles que moram no Ceará.

“Ela tá ainda na sobra do presidente Lula, mas de concreto nos 100 dias (de governo) nada. Me mostre aqui no Ceará uma ação concreta“, desafiou.

Abaixo, a entrevista (disponível em áudio) com o deputado Raimundo Gomes de Matos sobre a relação entre a bancada cearense e o governo federal.

Entrevista com o dep. Raimundo Gomes de Matos










Agenda
Atualizado em: 18/04/2011 - 11:20 am


O Fórum dos Presidentes das Câmaras de vereadores da Região Metropolitana de Fortaleza vai realizar na próxima segunda-feira (25) uma reunião de trabalho no município de Maranguape. A reunião está marcada para ter início às 18h.

Na pauta do encontro, as propostas para a Reforma Política, as obras estruturantes para a Copa do mundo de Futebol que será realizada em 2014 e as ações de combate à dengue.

A ideia do Fórum é promover o debate entre os legislativos municipais sobre temas que envolvem o planejamento conjunto das cidades da Região Metropolitana de Fortaleza.










Eleições 2012
Atualizado em: 18/04/2011 - 8:10 am


Deputada Eliane Novais (PSB): Presidente, em exercício, do PSB estadual

A executiva municipal do PSB em Fortaleza já decidiu: A sigla vai ter candidatura própria na disputa pela sucessão de Luizianne Lins (PT) para a prefeitura da capital em 2012. Segundo a deputada Eliane Novais, presidente, em exercício, do PSB estadual, a aliança com o PT pode ser mantida, desde que o PSB ocupe a cabeça da chapa.

“Nesse momento o PSB decidiu pela chapa majoritária. O PSB ficaria na cabeça e PT e os outros partidos a gente decidiria. Naturalmente seria o PT, o nosso vice”, revelou a socialista.

Pré-candidata
Após duas reuniões, a executiva e o diretório municipais do partido confirmaram o nome da deputada estadual Eliane Novais, com “apoio irrestrito”, como pré-candidata do PSB à prefeitura de Fortaleza.

“No dia 4 de abril nós tivemos uma reunião com a executiva municipal e foi deliberado meu nome como pré-candidata em 2012, pelo Partido Socialista Brasileiro e agora no dia 13 (de abril) foi referendado meu nome novamente pelo diretório municipal e pelos seguimentos do partido”, ressaltou.

Em negociação
Segundo Eliane Novais, o PSB pretende dar continuidade ao projeto político que está no poder com Luizianne Lins e a decisão de candidatura própria já foi comunicada a prefeita da capital, que é presidente estadual do PT no Ceará, assim como ao presidente Nacional do PSB, Eduardo Campos.

“Já estamos em conversação com o presidente nacional do PSB (Eduardo Campos) e com a prefeita Luizianne Lins. Como somos partidos aliados, o PSB e o PT, nós estamos em conversação para que essa candidatura tenha esse fortalecimento e esse entendimento ao longo desse período”, explicou.

A influência de Cid
Já o governador Cid Gomes, presidente estadual do PSB, ainda não foi oficialmente comunicado da decisão sobre a candidatura socialista para a prefeitura da capital. A expectativa é que a conversa aconteça tão logo o governador retorne da viagem à China.

“Nós vamos encaminhar um e-mail para o governador sugerindo que a gente faça uma conversa”, disse Eliane.

Cada um na sua
Sobre a preferência de Cid Gomes pela candidatura do petista Camilo Santana, secretário das Cidades na gestão estadual, Eliane Novais chamou atenção para as instâncias de discussão partidária.

“A instância dele (Cid Gomes) é o PSB estadual, a instância municipal é o Sérgio Novais e a instância nacional é o Eduardo Campos. Cada um dentro da sua”, disse para, na sequencia, reafirmar que a definição sobre a candidatura em Fortaleza não cabe a Cid Gomes.

“A decisão é do PSB municipal, uma vez que a eleição é para o município de Fortaleza”, avisa Eliane.

Ciro está fora
A presidente, em exercício, do PSB estadual descartou a candidatura de Ciro Gomes à prefeitura de Fortaleza, contrariando informações divulgadas recentemente por colunistas da mídia nacional.

“Nós não entendemos que ele (Ciro) seja candidato, porque ele não está nem filiado ao partido no município de Fortaleza”, justificou.

Segundo Eliane Novais, o nome de Ciro Gomes não está presente na lista de filiações do último relatório de gestão partidária, sobre Fortaleza, enviado pelo PSB ao Tribunal Regional Eleitoral.

“A gente levanta só o questionamento: primeiro que ele não faz parte da lista de gestão partidária no município de Fortaleza. Ou não trocou o domicílio ou não se filiou ao partido novamente”, lembrou Eliane.

Domicílio
Em 2010, Ciro Gomes mudou o domicílio eleitoral para São Paulo atendendo ao pedido do então presidente da República, Luis Inácio Lula da Silva. A estratégia era deixar aberta a possibilidade de candidatura para o governo de São Paulo, caso a candidatura à presidência da República pelo PSB não vingasse. Ciro já reconheceu que a mudança do título foi um erro. Ele não disputou as eleições de 2010.

Sem conversa
Segundo a deputada, não existe nenhuma negociação entre a executiva municipal e o ex-deputado Ciro Gomes sobre candidatura na capital. Para a deputada a questão é ainda mais abrangente, uma vez que o governador do Estado teria que renunciar ao cargo dois anos e meio antes do fim do mandato para possibilitar a participação de Ciro na disputa pelo município.

Bancada
Sobre as articulações para a eleição de vereadores à Câmara Municipal de Fortaleza, a socialistas disse que o partido vem reunindo bons nomes, com “densidade eleitoral”, para a disputa. A expectativa seria lançar entre 35 e 60 candidatos dentro de uma coligação para garantir, em 2012, a ampliação da bancada do PSB no município de Fortaleza.

Acompanhe a entrevista com a deputada estadual e vice-presidente do PSB/CE, Eliane Novais, sobre a sucessão para a prefeitura de Fortaleza em 2012.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=E4bl6K7phHI[/youtube]










Eleições 2012
Atualizado em: 17/04/2011 - 4:40 pm


Prefeita de Fortaleza Luizianne Lins (PT)

Lideranças do PT no Ceará se reuniram neste sábado (17) em dois eventos distintos (uma plenária realizada no Grande Bom Jardim e o encontro da Executiva Ampliada no Porto d’Aldeia) para fortalecer o trabalho de base da sigla rumo as eleições de 2012.

As reuniões foram fechada para a imprensa, mas o presidente da Câmara de vereadores da capital, Acrisio Sena (PT), informou através de seu perfil no twitter que “Os desafios políticos do PT passam pela unidade interna, a defesa da Administração de Fortaleza e a construção das alianças“.

Ainda segundo Acrisio Sena, a prefeita Luizianne Lins (PT) acompanhou o evento no Porto d’Aldeia e apresentou números positivos da gestão: “Educação – Fim de 100 anexos escolares e de 30 novas escolas (construídas/adquiridas), afirma Luizianne Lins na reunião do PT”.

Luizianne ainda reafirmou que Fortaleza é a capital do nordeste campeã em geração de emprego e em destino turístico e que os 34 quilômetros da orla marítima de Fortaleza  passam por intervenções urbanas (Barra – Vila do Mar, Praia de Iracema Beira Mar e Praca 31 de Março).

“A cidade está muito bem, obrigada”
Na entrevista à TV Diário, Luizianne Lins não admitiu os problemas enfrentados pela capital e atribuiu as críticas à sua administração a uma estratégia da oposição.

“Eu acho que houve um coro em torno disso, tentando passar a ideia para a população que a cidade estava um caos ou que existia uma gravidade política na cidade e não tem nada disso. A cidade está muito bem, obrigada”, afirmou Luizianne.

Candidatura petista
O Partido dos Trabalhadores pretende seguir unido em torno de um mesmo nome que seja candidato a sucessão de Luizianne Lins.

“Saiu uma ideia de que o PT tenha uma unidade partidária em torno de um nome para apresentar em 2012. Mas a gente deveria apresentar um nome porque achamos que temos experiência, várias vitórias, que oferecem as condições para a gente apresentar um nome na disputa“, disse a Prefeita que também é presdidente estadual do PT no Ceará.










Nacional
Atualizado em: 17/04/2011 - 3:57 pm


O senador mineiro Aécio Neves (PSDB/MG)

O senador mineiro Aécio Neves (PSDB/MG) teve a sua carteira de habilitação apreendida durante uma blitz da Operação Lei Seca, realizada na madrugada deste domingo, no Rio de Janeiro.

O senador tucano  foi parado por volta das 3h no Leblon, bairro de classe média alta da zona sul carioca, conhecido por boates e restaurantes badalados da cidade. Aécio dirigia um Land Rover e não quis fazer o teste do bafômetro.

Segundo a assessoria de Aécio, “uma vez constatado o vencimento do documento de habilitação, ele providenciou outro motorista para condução do veículo, respeitando à legislação vigente”.

A carteira de habilitação de Aécio Neves estava vencida. O documento foi apreendido e uma multa de R$ 957,70 aplicada. O senador foi liberado depois que um amigo apareceu para levar seu carro.

A assessoria do senador disse que Aécio não sabia que sua carteira de habilitação estava vencida e que ele sempre vem ao Rio e não costuma andar com motorista.

Comento: Será que algum político seria parado e teria documentos apreendidos em operações aqui no Ceará? Tenho minhas dúvidas, principalmente quando se trata das rodovias estaduais. Basta lembrar o caso Ubiratan na PRE.










Bastidores
Atualizado em: 17/04/2011 - 2:10 pm


O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, Ophir Cavalcante, levantou questionamentos sobre a real necessidade de se promover um novo plebiscito sobre a venda de armas, dentro da campanha de desarmamento no Brasil.

Na entrevista, disponível no Portal do Conselho Federal da OAB, fica clara a rejeição do representante da Ordem diante da proposta do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), de um plebiscito nacional sobre o comércio de armas de fogo.

O plebiscito pode ser uma cortina de fumaça para desviar o foco dos reais problemas de segurança que devem ser enfrentados pelo governo, além de se constituir num desrespeito à vontade popular legitimamente expressada no referendo de 2005″, disse Ophir.

Para o presidente da OAB, o país precisa muito mais de um plano nacional de segurança pública que objetive combater o comércio ilegal de armas e munição, do que a realização de um plebiscito para, simplesmente, manifestar a opinião da população.

“Hoje se vive no Brasil uma verdadeira guerra civil urbana pela ausência de uma política clara, consistente e efetiva de combate à criminalidade e o tráfico de armas”, afirmou.

Ainda segundo Ophir Cavalcante, o governo brasileiro precisa tratar da questão da segurança pública como um problema social macro. “É necessário um olhar nacional e global a respeito de uma política de segurança pública para nosso País”, destacou Ophir.










Eleições 2012
Atualizado em: 17/04/2011 - 10:17 am


Marcos Cals durante campanha eleitoral de 2010

O PSDB realiza neste domingo (17) convenções partidárias em 88 municípios do Ceará dando início ao processo de renovação dos diretórios da sigla. Segundo Marcos Cals, até o mês de junho, a meta é levar diretórios para 135 municípios. Nesse ritmo, o patido pretende firmar espaço nos 184 municípios do Ceará até setembro de 2011.

Os tucanos estão de olho nas eleições municipais de 2012, mas o processo de renovação prevê que os integrantes do partido que pretendem continuar na sigla, devem firmar compromisso com as eleições de 2014. Os que não estiverem de acordo serão “convidados” a sair do partido. (Leia mais: PSDB faz convenções de olho em 2014).

Cid e Luizianne
Sobre a eleição em Fortaleza, Marcos Cals garante que o PSDB terá candidato para a sucessão de Luizianne Lins (PT) e chama atenção para a responsabilidade dos aliados da atual prefeita da capital: 

“O governador Cid Gomes é co-responsável pela má administração da cidade uma vez que foi responsável pela reeleição da prefeita Luizianne Lins, em Fortaleza”, dispara o tucano.

Rumo ao interior
O ex-deputado diz que já existe a definição sobre o comando dos principais diretórios do PSDB no interior do Ceará. De acordo com Marcos Cals, o ex-deputado Cirilo Pimenta vai comandar o diretório de Quixeramobim; Já em Juazeiro do Norte, o diretório ficará sob o comando do deputado federal Manoel Salviano; o Crato, com o prefeito Samuel Araripe; em Maracanaú, com o deputado federal Raimundo Gomes de Matos; em Caucaia, com o comerciante Paulo Gurgel; em Aracati, com Felipe Costa Lima. (Entrevista concedida ao Sistema Jangadeiro e disponível, abaixo, em áudio)

Convenções
Ainda segundo agenda divulgada pelo partido, no dia 30 deste mês será realizada a convenção municipal de Fortaleza que vai confirmar o nome do empresário Pedro Fiúza como presidente do PSDB na capital. O evento será realizado no Hotel Praia Centro.

Já a convenção estadual, que vai confirmar o ex-deputado Marcos Cals como presidente do PSDB no Ceará, foi marcada para o dia 14 de maio, no Kukukaya. No dia 29 de maio, será a vez da convenção nacional, em Brasília, que deve reeleger o deputado federal Sérgio Guerra (PE).

Abaixo a entrevista (disponível em áudio) com Marcos Cals sobre o processo de renovação da sigla no Ceará.

Marcos Cals – parte 1

Marcos Cals – parte 2

Marcos Cals – parte 3










Agenda
Atualizado em: 17/04/2011 - 8:14 am


O ex-jogador Romário, deputado federal pelo Rio de Janeiro, vem Fortaleza para acompanhar o Fórum das Cidades-sedes da Copa de 2014

Fortaleza vai sediar, nesta segunda-feira (18), o II Fórum Legislativo das Cidades-sedes da Copa do Mundo de 2014. O evento, promovido pela Comissão de Turismo e Desporto da Câmara dos Deputados, terá início com um debate na Assembleia Legislativa e será concluído com visita técnica ao Castelão e Aeroporto Internacional Pinto Martins.

Política e Futebol
O assunto é sério, mas quem deve roubar a cena é o ex-jogador de futebol Romário, hoje deputado pelo Rio de Janeiro. O “baixinho” fará parte da comitiva que visita o Ceará e certamente será o mais assediado pela imprensa. 

Programação
Deputados federais, estaduais e vereadores foram convidados para o evento. A programação começa às 9 horas, na Assembleia Legislativa, com a apresentação dos projetos do Governo do Estado e da Prefeitura de Municipal de Fortaleza.

Em seguida, o Governador em exercício, Domingos Filho (PMDB), receberá a comitiva para almoço no Palácio da Abolição. A programação será concluída com visita técnica ao estádio Castelão e ao Aeroporto Internacional Pinto Martins.

Objetivos
Durante o encontro, serão discutidas as estratégias locais para o alcance dos objetivos traçados pelo Comitê Organizador da Copa 2014 da cidade, bem como as atividades dos Legislativos locais (Estado e Município), e identificadas as demandas legislativas de âmbito federal que serão desenvolvidas pelas duas Casas do Congresso Nacional.

De acordo com a assessoria de imprensa do evento, além do deputado Romário, já confirmaram presença, os deputados federais cearenses André Figueiredo (PDT) e Domingos Neto (PSB), além de Jonas Donizette (SP), presidente da Comissão de Turismo e Desporto, Valadares Filho (SE) e Renan Filho (AL).

Anote aí:
9h – Apresentação dos projetos do Governo do Estado e da Prefeitura de Municipal de Fortaleza. (Local: Assembleia Legislativa)
12h – Almoço no Palácio da Abolição
14h30 – Visita técnica ao estádio Plácido Aderaldo Castelo (Castelão)
15h – Coletiva de Imprensa (Local: Auditório Blanchard Girão – Secretaria do Esporte do Estado)










Bastidores
Atualizado em: 16/04/2011 - 8:13 pm


A indicação do Ministério da Fazenda não agradou lideranças políticas no Ceará. Isso é fato. O baiano Miguel Terra Lima foi escolhido pelo Planalto para substituir Roberto Smith na presidência do Banco do Nordeste, mas a informação ainda não foi oficializada devido a rejeição do nome dele por parte dos cearenses. 

O líder da bancada federal cearense, deputado José Guimarães (PT), evita o assunto. Questionado sobre a confirmação do nome de Miguel Terra Lima para a presidência do BNB, o petista se limitou a dizer: “ainda vamos conversar com o Guido”, em referência a tentativa de mudar a indicação a partir de uma negociação com o ministro da Fazenda, Guido Mantega.

Enquanto a bancada se movimenta, o tempo passa e a permanência de Roberto Smith parece mesmo inviável. O ministro da Casa Civil, Antonio Palocci, já havia conversado com o deputado federal José Guimarães sobre a mudança, mesmo assim as negociações seguem nos bastidores.

Em tempo: Terra Lima é funcionário de carreira do Banco do Brasil e já ocupou inclusive a superintendência do BB aqui no Ceará.










Nacional
Atualizado em: 16/04/2011 - 5:25 pm


Lula e Fernando Henrique numa época bem distante...

Essa deu na Folha Online – Em entrevista ao programa “Começando o Dia”, que estreia na rádio Cultura FM, na segunda-feira (18), o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) desafia o petista Luiz Inácio Lula da Silva a disputar uma eleição contra ele, informa a coluna de Mônica Bergamo, publicada na edição deste sábado da Folha (íntegra disponível para assinantes do jornal e do UOL).

“Ele se esquece que eu o derrotei duas vezes. Quem sabe ele queira uma terceira. Eu topo.”, disse Fernando Henrique.

Comento: A terceira eleição entre Fernando Henrique e Lula certamente vai ficar só na provocação, mas seria bom ver um debate na TV entre os dois.

Em 2010 foi ventilada a possibilidade do encontro entre o tucano e o petista no mesmo formato dos debates eleitorais. A proposta não vingou. Mas bem que poderia sair agora que os dois estão fora do poder e longe das próximas eleições.

Fica aí a expectativa.