Congresso
Atualizado em: 31/12/2011 - 10:41 am


Para aprovar o Orçamento de 2012 às 23h50 da antevéspera do Natal, o governo pôs na mesa de negociação mais de R$ 300 milhões, destinados a atender às demandas das bases eleitorais dos 82 deputados e senadores que compõem a Comissão Mista de Orçamento (CMO).

Cada um dos titulares e suplentes da comissão custou individualmente ao governo o compromisso de liberação imediata de R$ 3 milhões em emendas parlamentares.

Mas o “preço por cabeça” na operação política que brecou os reajustes salariais dos servidores públicos e o pretendido aumento real das aposentadorias acima do salário mínimo acabou ficando mais alto, por conta da oposição.

Eleições dão o tom
Preocupado com as eleições municipais do ano que vem e com o baixo poder de fogo da bancada oposicionista diante da maioria governista, o DEM aproveitou a oportunidade e exigiu que a cota de R$ 3 milhões fosse estendida a cada um de seus 27 deputados, e não apenas aos seis que são da comissão.

Antes
Na primeira quinzena de dezembro, a presidente Dilma já havia aberto o cofre e empenhado R$ 1,596 bilhão das emendas de deputados e senadores apresentadas ao Orçamento de 2011 para votar a Desvinculação de Receitas da União (DRU), mecanismo que garante ao governo a possibilidade de movimentar livremente 20% das verbas públicas. O bônus prometido e liberado aos integrantes da Comissão do Orçamento foram somados a essa liberação.

Do Estadão.com










Ceará, Greve
Atualizado em: 30/12/2011 - 7:20 pm


Representantes da Associação dos Praças da Polícia Militar e dos Bombeiros Militares do Ceará (Aspramece) e membros do Governo do Estado participam de uma reunião de emergência na sede da Procuradoria Geral de Justiça (PGJ) nesta sexta-feira (30). O objetivo do encontro é decidir os rumos da greve decretada nesta quinta-feira (29).

Segundo o último balanço do movimento, todos os policiais do 5º e do 6º Batalhão de Polícia Militar, 90% do programa Ronda do Quarteirão, do município de Sobral, além dos Bombeiros Militares e alguns policiais do Batalhão de Policiamento de Áreas Turísticas (Bptur) já aderiram à paralisação.

Os organizadores do movimento afirmaram que já estão avançadas para que os policiais militares do Cariri também entrem em greve.

Leia mais:
PMs de Maracanaú e Pacatuba aderem à greve
Promotores vão até acampamento de PMs fiscalizar situação de crianças
Greve: PMs cruzam os braços em Sobral
Greve da PM: Cerca de 3 mil homens estão paralisados em todo Ceará
Policiais em greve invadem 30º DP e tomam viatura do Ronda
Segurança no Réveillon em Fortaleza está garantida, diz Comando Geral da PM

Redação Jangadeiro Online, com informações do repórter Jefferson Abreu










Greve
Atualizado em: 30/12/2011 - 7:20 pm


Foto: Caroline Ribeiro

Policiais do Ronda do Quarteirão dos municípios de Maracanaú e Pacatuba, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), também aderiram à greve da Polícia e Bombeiros Militares decretada nesta quinta-feira (29). Segundo informações da TV Jangadeiro, que esteve com o organizadores do movimento, 10 viaturas que patrulhavam as duas cidades já estão paradas.

Com a decisão, não há nenhuma equipe do Ronda faz o patrulhamento nos locais. Segundo a Associação dos Praças da Polícia Militar e dos Bombeiros Militares do Ceará (Aspramece) cerca de 50% do efetivo policial cearense aderiu à paralisação e 140 viaturas estão paradas.

Interior
Segundo informações da Aspramece o movimento também acontecem em outros municípios cearenses como Itaitinga, Guaiúba, Maranguape, Sobral, Tianguá, Juazeiro do Norte, Russas, Limoeiro do Norte, Canindé e Caucaia.

PM se pronuncia
O assessor de imprensa da Polícia Militar, Tenente-Coronel Albano, em entrevista à reportagem da TV Jangadeiro, negou os dados da Aspramece. Ele disse que aproximadamente 300 dos 15 mil homens que integram o efetivo da PM no Ceará estão envolvidos na paralisação.

O Tenente-Coronel reafirmou que o movimento deflagrado é ilegal e que os militares são regidos pela Constituição Federal que não permite este tipo de manifestação. A respeito dos pneus das viaturas que foram furados durante o protesto dos policiais na 6ª Companhia do 5º Batalhão, no bairro Antônio Bezerra, o assessor informou que quem for flagrado cometendo as ações responderá a processo por danos ao patrimônio público.

Leia mais:
Força Nacional fará segurança do Réveillon de Fortaleza
Governo lança nota sobre paralisação de PMs e Bombeiros do Ceará
PMs de Maracanaú e Pacatuba aderem à greve
Greve: PMs cruzam os braços em Sobral
Greve da PM: Cerca de 3 mil homens estão paralisados em todo Ceará
Segurança no Réveillon em Fortaleza está garantida, diz Comando Geral da PM

Redação Jangadeiro Online, com informações do repórter Jefferson Abreu.










Greve
Atualizado em: 30/12/2011 - 6:53 pm


O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Ceará (Sintro/CE) ameaça aderir à paralisação dos policiais militares. A paralisação pode acontecer na noite deste sábado (31). De acordo com o presidente do Sindicato, Domingos Neto, a categoria aguarda ofício informando se vai ter segurança para os motoristas e cobradores de ônibus durante a festa de Réveillon, em Fortaleza.

“Nós estamos muito preocupados com a segurança. Caso não tenha polícia trabalhando normalmente nas ruas, a direção do Sintro vai convocar a categoria para recolher os ônibus”, confessou.

Domingos Neto disse que haverá reunião às 18h desta sexta-feira (30) para decidir a posição da categoria.

Força Nacional de Segurança
O Governo do Ceará solicitou a presença de reforço da Força Nacional de Segurança para suprir o efetivo de policiais militares que deflagrou greve neste quinta-feira (29). Segundo o Ministério da Justiça, os primeiros homens que irão compor a força de segurança na festa de Réveillon, no Aterro da Praia de Iracema, já estão embarcando de Brasília-DF.

Guarda Municipal e AMC
Os guardas municipais e os agentes de trânsito aderiram, na noite desta quinta-feira (29), à paralisação dos policiais e bombeiros militares.

De acordo com o vice-presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Fortaleza (Sindifort), Eriston Ferreira, os servidores não têm condições de trabalhar sem a presença de PMs. “Trabalhar em um réveillon que vai contar com a presença de mais de um milhão e meio de pessoas, sem o apoio da polícia, é um risco muito grande”, disse.

Leia mais:
Policiais e Bombeiros Militares decidem entrar em greve às vésperas do Réveillon
“Não vamos servir de bucha de canhão da prefeita”, diz sindicato dos Guardas Municipais
Governo lança nota sobre paralisação de PMs e Bombeiros do Ceará
PMs de Maracanaú e Pacatuba aderem à greve

Redação Jangadeiro Online, com informações do Presidente do Sintro










Greve
Atualizado em: 30/12/2011 - 6:47 pm


Os guardas municipais de Fortaleza também aderiram ao movimento grevista da Polícia e dos Bombeiros Militares, decretado nesta quinta-feira (29). O vice-presidente do Sindicato dos Guardas Municipais do Ceará (Sindiguardas-CE), Orleando Silva, disse, durante o programa Barra Pesada desta sexta-feira (30), que os guardas não vão “servir de bucha de canhão para a prefeita Luizianne Lins”.

Em relação à paralisação, o vice-presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Fortaleza (Sindifort), Eriston Ferreira, os servidores não têm condições de trabalhar sem a presença de PMs. “Trabalhar em um réveillon que vai contar com a presença de mais de um milhão e meio de pessoas, sem o apoio da polícia, é um risco muito grande”, confessou.

Ainda podem aderir à paralisação os agentes da Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e de Cidadania de Fortaleza (AMC).

Leia mais:
Guardas municipais e agentes de trânsito aderem à paralisação dos policiais e bombeiros militares
Policiais em greve invadem 30º DP e tomam viatura do Ronda

Redação Jangadeiro Online










Tribunais
Atualizado em: 30/12/2011 - 6:10 pm


Ricardo Machado será empossado na próxima quarta

O novo Procurador Geral de Justiça do Ceará, Alfredo Ricardo de Holanda Cavalcante Machado, toma posse na próxima quarta-feira (4), às 19h30min, no Hotel Gran Marquise, em Fortaleza. Ele assume o cargo para o biênio 2012/2014 que atualmente é da promotora Socorro França.

Ricardo Machado foi escolhido pelo governador Cid Gomes em uma lista tríplice que contava ainda com os nomes de João de Deus Duarte da Rocha e Maria Neves Feitosa Campos. Todos apontados por votação dos membros do Ministério Público do Ceará realizada no dia 2 de dezembro.

O promotor de Justiça ingressou no Ministério Público Estadual em 1995, tendo Solonópole como sua primeira comarca. Ele também passou pelos municípios de Várzea Alegre e Quixadá. Em 1998 foi promovido ao cargo de Procurador Auxiliar de Entrância Especial, com ofício junto às Varas da Fazenda Pública.

Leia mais:
Ricardo Machado é nomeado novo procurador-geral do Estado

Governador tem 20 dias para escolher novo Procurador Geral da Justiça

Ministério Público define lista tríplice para governador escolher novo Procurador Geral de Justiça

Redação Jangadeiro Online, com informações do Ministério Público do Ceará










Ceará, Greve
Atualizado em: 30/12/2011 - 3:31 pm


Depois de desconhecer a greve dos Policiais Militares, o Governo do Estado divulgou nota nessa sexta-feira afirmando que o movimento é inconstitucional e que a atitude dos PMs configura crime e infração militar. Mas não aponta solução para contornar os transtornos que podem ser provocados pela greve a 24 horas da festa de réveillon que deve reunir cerca de 1,5 milhão de pessoas no aterro da Praia de Iracema.

“O movimento ilegal que ocorre é, portanto, extremamente precipitado e fortemente prejudicial à sociedade, que fica à mercê do incremento de crimes, frente à omissão de homens que juraram protegê-la”, afirma um trecho.

Diz ainda que não haverá anistia aos militares que tenham aderido ao movimento e estejam descumprindo “deveres e juramentos”.

A nota foi divulgada no princípio da tarde após uma reunião que durou mais de quatro horas e meia no Palácio da Abolição entre a cúpula da segurança pública do estado, o procurador geral do estado, Fernando Oliveira, e o governador Cid Gomes.

Apesar de não indicar disposição para abrir canal de negociação, a nota oficial afirma que “o Governo do Estado tem ciência do dever de proteger a sociedade, e está adotando todas as medidas para que a ordem e a tranquilidade públicas sejam mantidas”.

Os policiais reivindicam melhorias salariais, reducação de carga horária e dizem que há cinco anos tentam negociar com o governo sem sucesso.

De acordo com o governo, a única reivindicação formal encaminhada pelo atual comando da Polícia Militar ao governo foi a Lei de Organização Básica. Diz ainda acreditar que outras reivindicações deverão ser encaminhadas pelos representantes legais “dentro de um planejamento responsável”.

No entanto, desconhece o poder representativo das Associação dos Praças da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Ceará (Aspramece) e da Associação dos Profissionais de Segurança Pública do Estado do Ceará (Aprospec), que estão à frente do movimento grevista.

“Os únicos representantes legais e legítimos dos interesses da Polícia Militar perante o Governo do Estado são o Secretário da Segurança Pública e Defesa Social e o Comandante da Polícia Militar. Somente esses estão autorizados a discutir os problemas das Corporações com o Governo do Estado”, diz a nota que foi assinada pelo Corregedor-Geral de Disciplina, Sevilho Paiva, pelo Secretário da Segurança Pública e Defesa Social, Francisco Bezerra, e pelo Comandante Geral da Polícia Militar, Cel. Werisleik P. Matias.

Veja a nota na íntegra

À POLÍCIA MILITAR E À SOCIEDADE CEARENSE

O movimento que está ocorrendo em unidades da Polícia Militar do Ceará é flagrantemente inconstitucional e caracteriza o cometimento de crime militar e infração militar por homens que prestaram juramento de honra de combater crimes e proteger permanentemente a sociedade cearense.

Os únicos representantes legais e legítimos dos interesses da Polícia Militar perante o Governo do Estado são o Secretário da Segurança Pública e Defesa Social e o Comandante da Polícia Militar. Somente esses estão autorizados a discutir os problemas das Corporações com o Governo do Estado.

A única reivindicação formal encaminhada pelo atual Comando da Polícia Militar ao Governo do Estado foi a Lei de Organização Básica – LOB. O Governo do Estado é ciente de que outras reivindicações deverão ser encaminhadas pelos representantes legais, dentro de um planejamento responsável.

O Governo do Estado avaliará todas as reivindicações à medida em que forem apresentadas pelos representantes legais, com a certeza da importância da atividade militar. O movimento ilegal que ocorre é, portanto, extremamente precipitado e fortemente prejudicial à sociedade, que fica à mercê do incremento de crimes, frente à omissão de homens que juraram protegê-la. Não haverá, sob qualquer hipótese e condição, anistia àqueles militares que estejam descumprindo os seus deveres e juramentos.

O Governo do Estado tem a certeza de que a Polícia Militar se manterá na retidão que a caracteriza, convocando os militares estaduais a permanecerem na normalidade institucional. O Governo do Estado tem ciência do dever de proteger a sociedade, e está adotando todas as medidas para que a ordem e a tranquilidade públicas sejam mantidas.

Sevilho Paiva – Corregedor-Geral de Disciplina
Francisco Bezerra – Secretário da Segurança Pública e Defesa Social
Cel. Werisleik P. Matias – Comandante Geral da Polícia Militar

Leia mais
Policiais em greve invadem 30º DP e tomam viatura do Ronda

Segurança no Réveillon em Fortaleza está garantida, diz Comando Geral da PM

Policiais e Bombeiros Militares decidem entrar em greve às vésperas do Réveillon
Comando da PM reúne oficiais para avaliar ações 2011 e traçar metas para 2012










Eleições 2012
Atualizado em: 30/12/2011 - 2:31 pm


Waldemir Catanho (PT) já aparece entre os mais cotados para concorrer à prefeitura

A prefeita de Fortaleza e presidente estadual do PT, Luizianne Lins (PT) começa a dar pistas mais evidentes sobre o possível candidato do partido à prefeitura da capital. O atual secretário de Articulação Política da Prefeitura, Waldemir Catanho, vem sendo mencionado em entrevistas da prefeita nos últimos dias.

Em algumas ocasiões ela já chegou a dizer que o nome de Catanho a deixaria “completamente representada” numa candidatura. “Na verdade, esse ano é o ano dos negros e eu espero que seja também do nosso negro, caso seja ele o nosso candidato”, também enfatizou Luizianne ao citar a possível candidatura de Catanho. Ela vem deixando claro que não há chances do PT não ter uma chapa na eleições de 2012.

Veja o vídeo da entrevista:
Luizianne diz que ficaria “muito feliz” com a eleição do primeiro prefeito negro de Fortaleza

Em Breve
O anúncio oficial será feito ainda no mês de janeiro. Até o momento 13 nomes figuram nas principais listas de possíveis candidatos. Além de Catanho, aparecem o deputado federal Artur Bruno, o presidente da Câmara Municipal, Acrísio Sena; o secretário de Educação, Elmano de Freitas; e o vereador Guilherme Santiago.

Redação Jangadeiro Online










Tribunais
Atualizado em: 30/12/2011 - 11:45 am


O prefeito afastado do município de Pacajus, José Philomeno Gomes (PSDB), deve ser colocado em liberdade até o final desta sexta-feira (30). Segundo informações do Tribunal de Justiça do Ceará (TJ-CE), a liminar foi expedida pelo desembargador plantonista Clécio Aguiar de Magalhães.

A decisão foi tomada após um pedido de liberdade provisória. José Philomeno deve ficar livre por tempo indeterminado.

No dia 15 de dezembro, o prefeito afastado, além de familiares e servidores da prefeitura de Pacajus foram presos após uma operação do Ministério Público, que visava combater crimes como desvio de dinheiro público, peculato e formação de quadrilha.

Leia mais:
Prefeito interino de Pacajus assume cargo e diz que ficou “constrangido” por irregularidades
Prefeito interino de Pacajus apresenta péssimas condições do hospital municipal

Redação Jangadeiro Online, com informações do Tribunal de Justiça do Ceará










Primeiro Plano
Atualizado em: 30/12/2011 - 11:43 am


Série sobre Banheiros Fantasmas deu o pontapé do novo formato do Primeiro Plano

O ano de 2011 foi de muitas polêmicas, eventos políticos e fatos marcantes. Para os que acompanham a cobertura política do Sistema Jangadeiro, tambem foi um ano de novidades. O blog Politika entrou oficialmente no ar no dia 11 de abril com uma entrevista especial do senador Eunício Oliveira (PMDB).

Desde então, você, leitor, encontra entrevistas exclusivas, a opinião de convidados, bastidores, análise da movimentação dos atores neste universo e os principais fatos da política, com ênfase na cobertura local.

Primeiro Plano
A cobertura política do Sistema Jangadeiro foi além e o programa Primeiro Plano ganhou um novo formato. Os programas passaram a ser exibidos uma vez por mês ao vivo  pelo canal 37 da Net, e pelo Portal da Jangadeiro Online, ganhando caráter interativo com a participação de internautas.  Já na TV Jangadeiro o programa é exibido após o jornal do SBT e novamente no canal 37 da Net.

Acompanhe  o vídeo:

Quem já passou por lá
Nos últimos meses, o Primeiro Plano aprofundou assuntos polêmicos e de grande relevância para o Ceará. Foi em busca de personalidades renomadas em outros estados para enriquecer o debate e adquiriu caráter itinerante, entrevistando pessoas fora dos estúdios da TV Jangadeiro.  Convidados como o ministro do Supremo, Gilmar Mendes; o senador Pedro Simon; o presidente da CBF, Ricardo Teixeira; a prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins; e o jornalista Joelmir Beting, passaram por lá, além de deputados, senadores, dirigentes partidários, especialistas em economia e educação que também contibuiram para o debate de ideias no Primeiro Plano.

1) Série Especial – Banheiros Fantasmas

O Programa Primeiro Plano, da TV Jangadeiro, iniciou este novo formato com uma série especial sobre as irregularidades na construção de kits sanitários em municípios do interior do Ceará.O escândalo começou por Pindoretama, na região metropolitana de Fortaleza, mas já foi rastreado em mais de 40 municípios cearenses. Segundo o Ministério Público Estadual, foram desviados pelo menos R$16 milhões dos cofres públicos que deveriam ter sido usados para reduzir o drama de 187 mil residências do Ceará que ainda não tem banheiros em suas casas, de acordo com dados do IBGE.

As denúncias envolveram até agora um deputado estadual, Téo Menezes (PSDB), e levaram o pai dele, Teodorico Menezes, a pedir afastamento da presidência do Tribunal de Contas do Estado (TCE), órgão responsável por fiscalizar e garantir a boa aplicação dos recursos públicos estaduais. Funcionários do TCE foram doadores de campanha do deputado.

Pra relembrar:
Assista à série sobre o Escândalo dos Banheiros Fantasmas

Entrevistados: os promotores Luiz Alcântara, da Procuradoria dos Crimes contra a Administração Pública (Procap), e Marcelo Pires, de Pindoretama, os deputados Heitor Férrer (PDT) e Eliane Novaes (PSB), o sociólogo André Haguette, e presidente do Tribunal de Contas do Estado, Valdomiro Távora.

2) Série Especial – Educação

O salto de qualidade da educação no Brasil avançou pouco além da universalização da matrícula, alcançada no Ceará na segunda metade da década de 90. A inclusão, de resto, só ressaltou que os desafios nessa área permanecem enormes e desnudam uma vergonha nacional: escolas públicas continuam produzindo analfabetos em série. Alunos deixam a sala de aula mal sabendo ler e escrever. O programa Primeiro Plano mergulhou no tema

Educação reprovada
Os exames de avaliação de desempenho de alunos e de escolas não deixam dúvidas sobre isso, a exemplo do que revelaram os resultados do último Exame Nacional do Ensino Médio (2010): oito em cada dez escolas públicas no Brasil ficaram abaixo da média. Todas as 20 piores são públicas. Na outra ponta, das 20 escolas com maiores médias, 18 são privadas e as duas públicas são vinculadas a universidades. No Ceará, apenas uma escola está entre as 100 melhores do país em desempenho no Enem. A instituição funciona em Fortaleza, é particular e ficou em 93º no ranking nacional.

Pra relembrar:
Primeiro Plano Especial discute a educação no Ceará

3) Série Especial – Eleições

Faltando um ano para as eleições municipais de 2012 o Sistema Jangadeiro de Comunicação abriu espaço, através do Programa Primeiro Plano, para a discussão sobre os rumos da capital cearense. Em uma série especial de quatro (4) programas o eleitor de Fortaleza pode se familiarizar com as propostas, pensamentos e a postura dos atores que já se colocam como possíveis candidatos na disputa pela sucessão de Luizianne Lins (PT).

Para elaborar a lista de convidados, conversamos com dirigentes de partidos com representação nas Câmaras Federal e Municipal de Fortaleza e que já manifestaram publicamente a intenção de apresentar candidatura própria. Nos casos em que não conseguimos contato, ou não recebemos retorno dos dirigentes partidários, optamos por levar à enquete nomes já citados publicamente como potenciais para a disputa pela prefeitura da capital.

Os internautas escolheram os convidados do programa através de uma que escolheu enquete. Cada programa contou com dois entrevistados e a participação de internautas através do twitter e do portal jangadeiro online.

Pra relembrar:
“Se as eleições fossem hoje?”: Primeiro Plano especial fala sobre eleições 2012

4) Série Especial – Como varrer a corrupção no Brasil

Escândalos, nepotismo, desvio de verbas. Ministros foram afastados acusados de envolvimentos em esquemas de corrupção. Será esse o início de uma ampla, geral e irrestrita faxina na política brasileira?  Este foi o assunto da edição especial do Primeiro Plano do mês de outubro.

Para abordar esse assunto o Primeiro Plano desembarcou em Brasília (DF).

Convidados e Tema
Durantes três dias, os telespectaores acompanharam entrevistas com o ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes; com o senador Pedro Simon (PMDB/RS); e com o advogado e professor de Direito Constitucional, Jorge Hélio, que é Conselheiro do CNJ (Conselho Nacional de Justiça).

Em pauta, temas como o julgamento do Mensalão; a Ficha Limpa; as deformações da governabilidade; as manifestações da sociedade contra a corrupção; os “Bandidos de Toga” e desvios no Poder Judiciário; entre outros temas polêmicos. O Primeiro Plano especial – Como varrer a corrupção do Brasil foi ao ar no Portal Jangadeiro Online, no canal 37 da Net e na TV Jangadeiro com os seguintes entrevistados e datas:

Pra relembrar:
Primeiro Plano desembarca em Brasília para série especial – Como varrer a corrupção no Brasil    
Gilmar Mendes no Primeiro Plano: “Não temos só uma democracia, mas uma partidocracia”  
Primeiro Plano com Pedro Simon: “A governabilidade no Brasil virou ilicitude e imoralidade”  
Primeiro Plano com Jorge Hélio: “Somos campeões de corrupção”

5) Série Especial – Copa do mundo

A paixão do brasileiro pelo futebol é incomparável. A expectativa pela chegada do Mundial de 2014 vem de todos os cantos do País. A casa do esporte mais popular do Brasil vai atrair olhares de todo o planeta para as cidades-sedes que vão receber as partidas, entre elas, Fortaleza.

Como a cidade, a quinta metrópole do País, que esbanja beleza e exibe uma face cruel da desigualdade social, está se preparando para este grande evento esportivo? Como está o cronograma das obras de mobilidade urbana sob responsabilidade da prefeitura de Fortaleza e do governo do Estado? Foram estas algumas das questões respondidas na série especial sobre Copa de 2014 .

Entrevistados: Secretário Especial da Copa, Ferruccio Feitosa;  prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins; e o presidente da CBF, Ricardo Teixeira.

Joelmir Beting para o Primeiro Plano

6) Série Especial – Economia: Negócios e perspectivas para 2012

Especial Primeiro Plano sobre economia fala sobre o cenário para 2012. Moeda em baixa, países ricos em pânico, Europa em crise, risco de resseção. Falta crédito e a zona do euro  ameaçada. Quando o consumo diminui, fábricas por todo o mundo fecham as portas. O ano de 2011 foi um período de tormenta na economia mundial, mas no Brasil o clima é de otimismo.

Tanto que brasileiros, antes encantados com a vida no exterior, começam a fazer o caminho de volta pra casa. Ao mesmo passo, investidores internacionais voltam os olhos para cá e assim, viramos o país da oportunidade. A crise na Europa elevou o Brasil a sexta economia do mundo.

Mas ainda é preciso fazer muito. A infra-estrutura por aqui ainda deixa muito a desejar. A falta de educação, por exemplo, compromete a mão de obra. Tem ainda o excesso de burocracia, a corrupção e os juros mais altos do planeta. O chamado custo Brasil é um entrave ao desenvolvimento, mas que aos poucos vai sendo superado pelo espírito empreendedor dos brasileiros e o futuro parece promissor.

Entrevistados: O primeiro convidado foi o jornalista de economia da rede Bandeirantes, Joelmir Betting. Na sequência ouvimos o executivo do grupo M.Dias Branco, Geraldo Luciano. Para encerrar a edição especial sobre o cenário econômico, o Primeiro Plano recebeu o diretor Executivo da empresa brasileira, e de capital Chinês, Globest, Wei Lip Wu.

Pra relembrar:
Joelmir Beting no Primeiro Plano: “Brasil vive um apagão logístico, institucional e moral”
Primeiro Plano: Geraldo Luciano fala sobre as perspectivas da economia real para 2012
Primeiro Plano Especial recebe executivo da empresa brasileira, e de capital Chinês, Globest, Wei Lip Wu

Futuro
Plantamos a semente em 2011, o novo formato foi bem recebido, consolidou o Primeiro Plano na vice-liderança da audiência. Agora, 2012 promete muito mais…Aguardem!










Nacional
Atualizado em: 29/12/2011 - 9:19 pm


Passadas as festas de fim de ano, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva começará na próxima quarta-feira (4), uma nova etapa do tratamento contra o câncer na laringe. Nesse dia, a expectativa é de que Lula volte ao Hospital Sírio-Libanês, na capital paulista, para começar as sessões de radioterapia, que devem durar de seis a sete semanas.

Após o sucesso do tratamento quimioterápico, que conseguiu reduzir em 75% o tamanho original do tumor de três centímetros de diâmetro na laringe, a equipe médica decidiu manter o cronograma do tratamento, previsto para terminar em fevereiro. Segundo os médicos, o ex-presidente poderá retornar as suas atividades políticas em março de 2012, dependendo de sua recuperação.

Lula está com a família em seu sítio em Atibaia, no interior de São Paulo, onde descansa. Na semana passada, ele teve um breve encontro com a presidente Dilma Rousseff, em São Paulo.

Leia também:
Em mensagem, Lula agradece solidariedade
Lula recebe alta e deixa hospital em São Paulo

Com informações do Estadão










Ceará, Greve
Atualizado em: 29/12/2011 - 6:49 pm


Imagem: Weberte Lemos / TV Jangadeiro

Os policiais e bombeiros militares decidiram, nesta quinta-feira (29), durante assembleia realizada no Ginásio Poliesportivo da Parangaba, em Fortaleza, entrar em greve por tempo indeterminado. Os manifestantes estão acampados no Ginásio aguardando negociações com o governo.

Dessa forma, a categoria paralisa as atividades às vésperas do Réveillon. O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Werisleik Pontes, disse em diversas entrevistas que o movimento é ilegal e que a greve não pode ser decretada.

Reivindicações
Os policiais e bombeiros reclamam da falta de efetivo para fazer a segurança em todo o Estado. Segundo Pedro Queiroz, presidente da Associação dos Praças da Polícia Militar e dos Bombeiros Militares do Ceará (Aspramece), são mais de 14 mil policiais na folha, mas aproximadamente 7.400 estariam licenciados. O ideal, conforme a Associação, seriam 33.700 policiais; os dados seriam da ONU.

A categoria reivindica anistia dos policiais militares que estão respondendo processo administrativo. Os mesmos, foram transferidos de cargo após protestos contra o governo. Os policiais pedem ainda promoção e assistência médica. A reivindicação principal, no entanto, é por melhores condições de trabalho, especialmente reajuste de salários.

Protesto terminou em tumulto
No último dia 17 de dezembro, uma manifestação de policiais e bombeiros militares do Ceará terminou em confusão. A caminhada saiu da Praça do Ferreira e seguiu para a obra da estação do Metrofor, na Avenida Tristão Gonçalves, onde o governador Cid Gomes estava fazendo uma visita oficial.

Os manifestantes sentaram na avenida em sinal de protesto e impediram a saída do governador do local. Depois de mais de meia hora a comitiva oficial conseguiu deixar o local, escoltada por policiais do batalhão de choque e seguranças.

Assembleia Legislativa
Policiais e bombeiros militares se mobilizaram em frente à Assembleia Legislativa, na avenida Desembargador Moreira, no dia 20 de dezembro. Foram cerca de 70 manifestantes. Eles protestaram por melhores condições de trabalho e foram impedidos de entrar no Plenário 13 de Maio.

Doação de Sangue
Mais um protesto dos PMs havia sido marcado para esta quinta-feira (29). Os servidores fariam um mutirão de doação de sangue, mas foram impedidos pelo comando da polícia, que alegou não ter sido avisado da ação.

Uma liminar determinou que os policiais só poderão doar sangue caso comuniquem aos respectivos comandantes com antecedência mínima de 48 horas.

Leia mais:
Guarda Municipal e AMC também podem paralisar atividades no Réveillon
Comando da PM reúne oficiais para avaliar ações 2011 e traçar metas para 2012

Redação Jangadeiro Online, com informações do repórter Weberte Lemos










Fortaleza
Atualizado em: 29/12/2011 - 6:01 pm


Imagem ilustrativa

Os professores da rede municipal de ensino vão receber nesta quinta-feira (29), os 40% restantes do abono para os servidores da educação aprovado pela Câmara Municipal de Fortaleza. A gratificação será paga em uma única parcela por meio da folha complementar.

Apenas os profissionais que estão no magistério e em exercício terão direito ao benefício. O abono custará cerca de R$ 7 milhões aos cofres do município.

Os outros 60% do abono foram pagos no dia 15 de dezembro, juntamente com os descontos referentes à previdência e ao imposto de renda.

Leia mais:
Saiba se você tem direito ao abono salarial do PIS
Caixa libera R$ 8,4 bilhões em abonos do PIS para 15,7 milhões de trabalhadores

Abono salarial começa a ser pago a partir de agosto

Redação Jangadeiro Online, com informações da Prefeitura de Fortaleza










Bastidores
Atualizado em: 29/12/2011 - 12:24 pm


O secretário de Meio Ambiente de Fortaleza, Deodato Ramalho, foi levado à delegacia, na manhã desta quinta-feira (29). Segundo funcionários do órgão, a ação foi determinada pela Justiça a pedido de uma construtora da capital.

De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente, o motivo  foi a não liberação de dois alvarás de permissão para obras. O órgão alegou que não foi dada entrada no pedido dos documentos por parte da construtora e, por isso, as obras foram embargadas.

Deodato foi conduzido por um oficial de Justiça para assinar os alvarás de construção.

Caso

No dia 12 de dezembro, a Semam recebeu um mandado de intimação e cumprimento de tutela da 5ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Ceará pedindo a liberação de alvarás de permissão para a construção de um prédio na Avenida da Abolição e a renovação de licença de um empreendimento na Rua Tomás Rodrigues, no bairro Antônio Bezerra.

Segundo Deodato Ramalho, em entrevista exclusiva por telefone ao jornalista Nonato Albuquerque do Barra Pesada,  o prazo de cumprimento deste tipo de solicitação é de três meses, mas a solicitação dizia que os documentos deveriam ser liberados em 48 horas. A intimação da Justiça também afirmava que a construtora apresentou o material necessário para a liberação das licenças à Semam, o que é negado pelos funcionários da Semam.

Em relação à construção na rua Tomás Rodrigues, a Semam afirma que um primeiro alvará foi concedido à construtora para o início das obras, mas nada foi feito no terreno no período de dois anos e devido à Lei de Uso e Ocupação de Solo, a renovação da licença não pode ser concedida. Ao empresa chegou a dar entrada em um pedido de renovação da obra. Mas segundo o Novo Plano Diretor Participativo, seria necessário um novo alvará de construção.

Já em relação ao prédio da Avenida da Abolição, a secretaria garante que nenhum pedido foi enviado. Segundo o órgão, a assinatura dos alvarás às pressas vai impedir a análise técnica das obras o que pode trazer riscos aos funcionários e moradores dos empreendimentos.

Twitter

Deodato Ramalho alegou que a determinação desrespeitava a legislação vigente para este tipo de procedimento na Secretaria de Meio Ambiente. O secretário divulgou sua prisão por meio do Twitter. Ele disse: “Estou sendo agora conduzido ao 30° DP. Oficial de Justiça não teve paciência de esperar a confecção de alvará por ordem judicial (sic)”.

Construtora

O advogado da construtora que fez o pedido de liminar disse ao Portal Jangadeiro Online que a Justiça enviou duas intimações pedindo a liberação dos alvarás, que não foram cumpridas por Deodato Ramalho. Ele disse que o secretário demorou a produzir os documentos e que ele teria perdido as solicitações iniciais para a liberação das obras.

Os alvarás chegaram à delegacia momentos depois da chegada de Deodato. O representante da empresa afirmou que toda a questão poderia ter sido resolvida rapidamente, mas o secretário desejava que o fato chegasse à imprensa. “Ele gosta é da televisão”, pontuou.

A cobertura completa do caso você assiste no Jornal Jangadeiro, 2ª edição, a partir das 19h35min, na TV Jangadeiro.

Veja o momento em que Deodato Ramalho chega à delegacia:

Redação Jangadeiro Online










Bastidores
Atualizado em: 29/12/2011 - 11:47 am


Os investimentos do governo federal, dos estados e municípios são influenciados pelo calendário eleitoral, é o que diz um estudo feito pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) divulgado nesta quinta-feira (29). O levantamento aponta que há um aumento de gastos públicos em anos de eleição e que no ano seguinte há contenção de despesas.

“Os anos subsequentes às eleições presidenciais e dos governadores estaduais normalmente coincidem com quedas muito fortes da taxa de investimento público, relacionadas a programas de ajustes fiscais, que posteriormente são revertidas no decorrer do ciclo eleitoral”, descreve o comunicado do instituto.

Em relação aos municípios, além da influência das eleições presidenciais e de governadores, há o acréscimo de gastos nos anos de escolha de prefeitos e vereadores, gerando um ciclo bienal de expansão e contingenciamento. “Os anos não eleitorais (ímpares) são caracterizados por quedas (ou estabilidade) da taxa de investimento dos municípios, enquanto os anos eleitorais (pares) ocorrem elevações da taxa de investimento”, diz o estudo.

De acordo com o Ipea, em 2002 (ano da eleição do ex-presidente Lula) a taxa de investimento foi de 2,2% do PIB. Em 2003 ela caiu para 1,5%. Em 2006, ano de sua reeleição, a taxa foi de 2% e em 2007 caiu para 1,8%.

Em 2010, quando a presidente Dilma Rousseff foi eleita, a taxa de investimentos superou os 2,8%, enquanto este ano a expectativa é de que esteja abaixo dos 2,5%.

Ao avaliar as taxas de investimento público de 1995 a 2010, o Ipea salienta que houve crescimento dos gastos. Em 1995, o valor do investimento público (formação bruta de capital fixo das administrações públicas) foi de R$ 49,5 bilhões; e no ano passado atingiu R$ 104,3 bilhões (valores não incluem investimentos das estatais).

O governo anunciou ontem (28) que o setor público conseguiu contingenciar R$ 126,8 bilhões nos 11 meses do ano – o que equivale a 99% da meta de superávit primário do setor público para 2011, que é R$ 127,9 bilhões.

Leia mais:
Investimentos da Petrobras caem quase R$ 3 bilhões

Poucos investimentos na área de saúde para a Copa de 2014

Projeto de Universidade cearense recebe investimentos para criar banco de DNA de algas

Redação Jangadeiro Online, com informações da Agência Brasil