Eleições 2012
Atualizado em: 05/11/2011 - 12:30 pm


O ex-jogador Romário, deputado federal pelo Rio de Janeiro, agora quer se candidatar a prefeito do Rio

O deputado federal e ex-jogador de futebol Romário (PSB-RJ) decidiu se lançar candidato a prefeito do Rio nas eleições de ano que vem. Para isso, porém, terá que convencer o seu partido, que já fechou apoio à reeleição de Eduardo Paes (PMDB). A informação é da Folha.com.

Na sexta-feira (04), o presidente estadual da legenda, Alexandre Cardoso, afirmou que “não há chance” de romper o acordo com o atual prefeito. Marcos San, assessor de Romário, disse à Folha que o deputado está atendendo a apelos de candidatos do partido à Câmara Municipal.

“A legenda do PSB tem uma votação muito baixa, e o nome do Romário está sendo lembrado para ajudar a construção da bancada”, disse o assessor. Atualmente, o PSB tem apenas 2 dos 51 vereadores.

Em junho, quando a possibilidade da candidatura foi cogitada pela primeira vez, o ex-jogador admitiu ser inexperiente para o cargo, mas disse que isso poderia ser resolvido com uma boa equipe. “Se você tem um corpo técnico, com as pes­soas certas, assessores competentes, leais e honestos, eu te­nho certeza que você conse­gue fazer uma boa adminis­tração”, disse o ex-jogador, à época.

O assessor afirmou que Romário “cresceu e aprendeu” com os nove meses na Câmara dos Deputados. “Ele tem dedicado seu mandato ao acompanhamento da preparação do Brasil para a Copa-2014 e à defesa dos direitos das pessoas portadoras de deficiência”, disse lembrando que Romário tem uma filha com síndrome de Down.

Votação
Nas eleições de 2010, Romário foi o sétimo deputado mais votado na cidade do Rio, à frente de potenciais adversários na disputa à prefeitura como Otavio Leite (PSDB) e Rodrigo Maia (DEM).

Com informações da Folha.com










Corrupção
Atualizado em: 05/11/2011 - 10:30 am


O combate a corrupção tem sido tema recorrente de manifestações da sociedade. Foto: Congresso em Foco

Estão abertas as inscrições para a 1ª Conferência Municipal sobre Transparência e Participação Social. O evento acontece nos dias 25 e 26 de novembro, no Condomínio Espiritual Uirapuru (CEU), em Fortaleza. O objetivo é discutir sobre formas de promoção da transparência pública, do acesso à informação e a dados públicos, que vão ajudar na prevenção e  combate à corrupção.

Representantes de entidades governamentais e não governamentais são convidadas a debater o tema “A Sociedade no Acompanhamento da Gestão Pública”. Trata-se de uma das etapas preparatórias para 1ª Conferência Nacional sobre Transparência e Participação Social (1ª Consocial) a ser realizada entre os dias 18 e 20 de maio de 2012, em Brasília/DF.

Inscrições
As inscrições podem ser feitas via internet, no site, ou presencialmente. As fichas de inscrição estão disponíveis nas Secretarias Executivas Regionais (SER’s), através das Ouvidorias e equipe do Orçamento Participativo, e na Controladoria Geral do Município.

Da Redação do Jangadeiro Online com informações da Agência da Boa Notícia.










Greve
Atualizado em: 05/11/2011 - 9:41 am


Antes da entrevista para a TV Janagadeiro, Cid Gomes esteve com o ministro do Turismo Gastão Vieira em visita ao Centro de Feiras e Eventos. Foto: Kézya Diniz

Questionado sobre as negociações para dar um fim a greve dos policiais Civis, o governador Cid Gomes foi econômico nas palavras. “Nós temos, em relação aos policiais Civis, seis reivindicações. Dessas seis, o Estado se dispõe a atender quatro. Negociar é isso: uma parte abrir mão e a outra atender”, disse o governador nesta sexta-feira (04), na entrevista exclusiva para a TV Jangadeiro, após visita ao Centro de Feiras e Eventos.

Foi uma entrevista rápida e sem espaço para outros questionamentos. Assim, o governador deixou o canteiro de obras sem apontar quais das reivindicações seriam atendidas.

Policiais contestam
A declaração não agradou representantes do Sindicato dos Policiais Civis de Carreira do Estado do Ceará (Sinpoci). Por telefone, a presidente da entidade, Inês Romero, disse que desconhece as reivindicações que o Governador Cid Gomes afirmou ter atendido.

Segundo a sindicalista, a possível proposta do governo, em atendimento às reivindicações da polícia, deveriam ser apresentadas “por escrito”.

Greve
A categoria alega ter retomado o movimento grevista no último dia 15 de outubro justamente porque o governo do Estado “não apresentou nenhuma proposta e fechou o canal de negociações“. A paralização havia sido suspensa no dia 3 de agosto atendendo ao pedido do governo que dizia não negociar com servidores em greve.

Veja o vídeo com a declaraçõe do governador Cid Gomes logo após a visita ao Centro de Feiras e Eventos ao lado do ministro do Turismo Gastão Vieira.










Eleições 2012, Partidos
Atualizado em: 05/11/2011 - 8:15 am


Geraldo Accioly, coordenador de Projetos Especiais da PMF, é um dos convidados para o Ciclo de Debates do PT

“Desenvolvimento Urbano e Infraestrutura” – esse é o tema do II Ciclo de Debates do PT que acontece neste sábado (05), a partir das 9horas, no auditório do IFCE. A ideia dos dirigentes petistas é fazer o levantamento das ações da Prefeitura de Fortaleza na área, fazendo uma avaliação das obras entregues e em andamento, especialmente nas vias públicas.

Segundo a assessoria de imprensa do PT, “a mobilidade e a infraestrutura da cidade estão em xeque na discussão”.

Convidados
Para discutir o tema foram convidados dois representantes da Prefeitura de Fortaleza: Geraldo Accioly, coordenador de Projetos Especiais da PMF; e Rocicleide Silva, coordenadora do Projeto Vila do Mar.

Também foram convidados para o debate, o presidente do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB-CE), Odilo Almeida; e o professor da Universidade Federal do Ceará, Romeu Duarte.

“O objetivo do Ciclo de Debates é discutir os avanços importantes da nossa gestão, que se refletem hoje no aumento da autoestima da população”,afirma Raimundo Ângelo, presidente do PT Fortaleza.

Antes
O primeiro ciclo discutiu a Agenda Social da cidade e ao todo, serão realizados cinco seminários temáticos, para apresentar “as ações do governo popular de Fortaleza e debater a implementação do programa democrático e popular na cidade”.

O Ciclo de debates é organizado pelos Diretórios Municipal e Estadual do PT e tem como foco as ações da administração da prefeitura de Fortaleza.

Serviço: “Fortaleza e o Governo Popular: Desenvolvimento Urbano e Infraestrutura”
Data: 5 de novembro
Hora: a partir das 9horas
Local: Auditório do Instituto Federal do Ceará (IFCE) – Av. 13 de Maio, 2081 – Benfica










Greve
Atualizado em: 04/11/2011 - 9:57 pm


Professores durante mobilização na Assembleia

Os professores da rede estadual de ensino receberam uma proposta nesta sexta-feira (4), do Governo do Estado do Ceará para reajuste de salário. Os professores podem receber 15% de acréscimo que seria implantado em duas parcelas. A primeira, de 7,5%, retroativa a 1º de novembro, já seria recebida neste mês; e a segunda, de outros 7,5%, valeria a partir de 1º de janeiro de 2012.

Segundo o Governo, o aumento vale para toda a categoria. Professores com doutorado receberiam uma gratificação de 30%, e professores com mestrado, de 10%.

O educadores estiveram reunidos na tarde desta sexta (4) com representantes da Secretaria da Educação, no Sindicato dos Professores do Estado do Ceará (Apeoc). Também participaram da reunião, representantes da Assembleia Legislativa e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Os professores da rede pública estão com a greve suspensa desde o último dia 10 de outubro.

Tempo de Planejamento
O governo ainda propôs iniciar em 2012 a implantação progressiva do regime que reserva 1/3 da carga horária do professor para planejamento de aulas, que seria concluída até o ano de 2014.

Reivindicações
O reajuste salarial, da forma que foi proposto pelo governo, não estava como prioridade na pauta de reivindicações apresentada pela categoria. Os educadores citam como reivindicações os seguintes pontos: o ganho real para toda a carreira; a valorização dos profissionais com pós-graduação; a implementação de um terço de hora para atividades extra-classe a partir de 2012; a realização de concurso público; descompressão da carreira; o retorno da gratificação de incentivo profissional. 

Mesmo assim, o presidente do sindicato Apeoc, Anízio Melo, considerou importante a proposta do governo e disse que espera um aumento do percentual de recursos oriundos do Fundeb para 2012. O sindicalista avaliou que ainda são necessários “alguns ajustes” na proposta do governo, mas disse que durante a reunião foi possível dialogar “com os 11 pontos que eram os parâmetros para a negociação”.

Assembleia
No dia 11 de Novembro, os professores realizam assembleia geral para decidir se aceitam ou não a proposta do governo. Caso não seja cheguem a um consenso, o movimento grevista corre o risco de ser retomado com a volta da greve, que está apenas suspensa.

Leia mais:
Professores da rede estadual protestam pedindo greve imediata 
Professores do Estado se reúnem para avaliar negociações  
Professores realizam plenária para discutir negociações 
Professores voltam as aulas após 63 dias de greve 

Com a Redação do Jangadeiro Online










Vídeos
Atualizado em: 04/11/2011 - 7:19 pm


O Hospital da Mulher vai ficar pronto até o primeiro semestre do ano que vem. A afirmação é do ministro da saúde, Alexandre Padilha, que visitou as obras da unidade em Fortaleza nesta sexta-feira (4).

A promessa, que é ainda da primeira gestão de Luizianne Lins, está demorando para sair do papel. A prefeita por várias vezes disse que a construção não tinha prazo de entrega, mas acabou confirmando a data divulgada pelo ministro.

Acompanhe a reportagem do Jornal Jangadeiro:










Corrupção
Atualizado em: 04/11/2011 - 6:29 pm


O relatório da fiscalização de 230 obras financiadas com dinheiro público vai a julgamento na próxima terça-feira (8).

O Tribunal de Contas da União (TCU) informou que irá julgar, na manhã de terça-feira (8), o relatório da fiscalização de 230 obras financiadas com dinheiro público analisadas pelo órgão em 2011. Caso aprovadas no julgamento, as correções propostas pelos auditores no Fiscobras 2011 podem gerar uma economia de até R$ 2,6 bilhões aos cofres públicos.

O Fiscobras é um plano de fiscalização anual que verifica a execução de obras financiadas total ou parcialmente por recursos da União. A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) determina, desde 1997, que o TCU encaminhe anualmente um relatório para o Congresso Nacional com o resultado na análise. A seleção dos empreendimentos que serão vistoriados obedece a critérios contidos na LDO, entre eles, o próprio histórico de irregularidades.

Irregularidades
As principais irregularidades identificadas em 2011 foram sobrepreço, superfaturamento e projeto básico deficiente. Após julgado, o relatório será enviado ao Congresso Nacional e as informações irão subsidiar discussões da distribuição de recursos para o próximo ano na Comissão Mista de Orçamento.

Suspensão
No ano passado, o TCU enviou ao Congresso um relatório com irregularidades em 40 obras. Dessas, 34 foram identificadas com problemas graves que recomendavam a suspensão da execução para evitar dano ao Erário. Hoje, 13 continuam na mesma situação. As obras foram fiscalizadas novamente este ano.

Com informações da Agência Brasil










Câmara Municipal
Atualizado em: 04/11/2011 - 5:33 pm


A Câmara Municipal de Fortaleza realiza audiência pública, na próxima segunda-feira (7), para negociar o fim da greve de dentistas e enfermeiros do Programa Saúde da Família (PSF) da capital. A iniciativa atende ao requerimento do vereador João Alfredo (PSOL). O debate será realizado no auditório Ademar Arruda, a partir de 14h30min.

Segundo a assessoria do vereador, serão convidados o secretário de finanças do Município, Alexandre Cialdini; o secretário de administração, Valmik Ribeiro; a secretária de saúde, Ana Maria Fontenelle; Promotora de Justiça de Defesa da Saúde Púbica do Ministério Público, Isabel Porto, e o presidente da Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Fernando Antônio Benevides.

Além destes, serão convidados o Sindicato dos Odontologistas do Ceará, o Sindicato dos Trabalhadores Federais em Saúde e Previdência Social no Ceará (SINPRECE), o Sindicato dos Trabalhadores no Serviço de Saúde (SINTSAF), o Conselho Municipal de Saúde, o Conselho Regional de Enfermagem, a Coordenação Municipal do Programa Saúde da Família e os distritos de saúde de todas as regionais municipais.

Reivindicações da categoria
Dentistas e enfermeiros do PSF de Fortaleza pedem melhores condições de trabalho e a correção de distorções do Plano de Cargos e Carreiras. Além disso, os grevistas cobram da Prefeitura de Fortaleza um tratamento mais igualitário, entre as duas categorias, com os médicos.

Leia mais:
Dentistas e enfermeiros do PSF realizam caminhada em Fortaleza

Dentistas e enfermeiros do PSF decidem voltar a greve
Dentistas e enfermeiros do PSF de Fortaleza realizam protesto

Com informações da CMFor










Agenda
Atualizado em: 04/11/2011 - 4:48 pm


Novo livro do escritor e jornalista José Nêumanne Pinto perfila o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Autor lança obra em Fortaleza, hoje, às 19 horas, na Saraiva MegaStore

O pernambucano Luiz Inácio Lula da Silva divide opiniões, quanto a sua atuação e orientações políticas. Contudo, é difícil encontrar quem conteste sua condição de personagem essencial para compreender a história política do Brasil nos últimos 40 anos. É sobre essa figura que o escritor e jornalista José Nêumanne Pinto reflete ao longo de seu novo livro. Ele vem a Fortaleza para o lançamento de “O que sei de Lula”, hoje, às 19 horas, na Saraiva MegaStore, no Shopping Iguatemi.

O livro reconstitui a relação de Nêumanne com seu personagem, desde 1975, quando Lula assumiu a presidência do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo, até o fim de seu segundo mandato como presidente da República, quando conseguiu ver eleita para o posto uma de suas ministras. Com o passar dos anos, a relação que era mais próxima, e até cordial, tornou-se mais profissional e mediada pelos noticiários.

Comentarista de TV, Nêumanne não deve ser tomado por um iniciante na escrita de obras desta natureza. Pelo contrário, o jornalista é um veterano na crônica política, um das áreas recorrentes em sua escrita, que conta ainda com romances e coleções de poemas.

O livro sobre Lula ecoa outras três produções do jornalista: “Erundina, a Mulher que Veio com a Chuva” (1989), um perfil jornalístico da ex-prefeita de São Paulo, Luiza Erundina de Souza; “Atrás do Palanque”, um livro-reportagem sobre os bastidores da turbulenta e polêmica eleição presidencial de 1989; e o romance policial “Veneno na Veia” (1995), baseado no episódio dos “Anões do Orçamento”, que estourou em 1993, envolvendo desvio de verbas por congressistas brasileiros.

Perfil
“O que sei de Lula”
José Nêumanne Pinto
R$ 69
522 PÁGINAS
2011
TOPBOOKS

Do site do DN










Ceará
Atualizado em: 04/11/2011 - 4:02 pm


Os servidores da Empresa de Tecnologia da Informação da Previdência Social (Dataprev) entraram em greve nesta quinta-feira (3). Ceará, Rio de Janeiro, Paraíba, Bahia e Santa Catarina aderiram à paralisação.

Em Fortaleza a decisão pela greve foi formalizada em assembleia realizada no último dia 31 de outubro.

Reivindicações
Os trabalhadores reivindicam reajuste salarial de 6,51% sobre o salário de abril de 2011, do auxílio alimentação e do adicional de atividade, nível salarial por antiguidade e manutenção integral do atual Acordo Coletivo de Trabalho. A greve é por tempo indeterminado.

E Mais
A Dataprev é responsável pelo armazenamento de mais de 14 bilhões de dados sociais e processam todos os meses a folha de pagamento de mais de 26 milhões de beneficiários da Previdência Social, além de prestar serviços a outros órgãos públicos como o Ministério do Trabalho e Emprego e o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.

Redação Jangadeiro Online, com informações SINDPD-CE










Ceará
Atualizado em: 04/11/2011 - 4:01 pm


As aulas do Instituto Federal do Ceará (IFCE) serão retomadas na próxima segunda-feira (7), depois da suspensão da greve dos servidores, na última terça-feira (1). Os demais campi retomarão as atividades letivas, acompanhando os de Acaraú, Aracati, Cedro, Crato, Iguatu, Juazeiro do Norte, Sobral e Umirim, que já haviam voltado ao trabalho.

Um novo calendário letivo também já está em discussão, de acordo com o pró-reitor de Ensino, Gilmar Lopes Ribeiro. O objetivo é que sejam cumpridas as metas de acordo com as necessidades de cada região.

Dentre os pontos acordados para o novo calendário, está a garantia de 100 dias letivos por semestre, implantação de sábados letivos, 45 dias de férias para docentes e recesso natalino. A expectativa é de que o semestre letivo 2011.2 seja finalizado do dia 13 de abril de 2012.

Leia mais:
Servidores do IFCE suspendem greve
Prejuízos em quase 2 meses de greve dos servidores do IFCE
Servidores do IFCE discutem sobre o fim da greve nesta segunda

Redação Jangadeiro Online, com informações do IFCE










Polêmica
Atualizado em: 04/11/2011 - 3:54 pm


João Paulo Cunha presidente da CCJ da Câmara e réu no caso do Mensalão no SFT.

O projeto que anistia os deputados cassados pela Câmara Federal no escândalo do mensalão, descoberto em 2005, foi incluído na pauta da reunião da próxima quarta-feira (9) da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), a principal comissão da Casa. O presidente do colegiado e responsável por definir a pauta é o deputado João Paulo Cunha (PT-SP), um dos réus no processo sobre o tema que tramita no Supremo Tribunal Federal (STF).

Para Inocentar Cassados
A proposta polêmica é de autoria do ex-deputado Ernandes Amorim (PTB-RO) e beneficiaria José Dirceu (PT-SP), Roberto Jefferson (PTB-RJ) e Pedro Corrêa (PP-SP) – os três foram cassados e também são réus no processo do STF. Se aprovada a anistia, eles poderiam disputar a eleição. A cassação os privou dos direitos políticos por oito anos.

Amorim argumenta na justificativa do projeto que a Câmara absolveu a maioria dos deputados citados no esquema o que, na visão dele, tornaria injusta a manutenção da punição somente aos três cassados.

Contra a Anistia
O projeto tramita de forma conjunta com outra proposta, de autoria de Neilton Mulim (PP-RJ), que sugere exatamente o contrário. O projeto do deputado fluminense proíbe “a concessão de anistia aos agentes públicos que perderam a função pública em decorrência de atos antiéticos, imorais ou de improbidade”. Por ambos tratarem do mesmo tema, ainda que com visões opostas, eles estão apensados.

Contrário
Relator das duas propostas, o deputado Gabriel Chalita (PMDB-SP) deu parecer contrário a ambas. Em relação ao projeto de Mulim o peemedebista argumentou que a anistia tem “fim social” e está prevista na Constituição, não sendo possível acabar com essa possibilidade por meio de um projeto de lei ordinária. No caso da anistia aos chamados “mensaleiros”, Chalita vota de forma contrária por considerar a proposta “casuística” e ofensiva ao princípio constitucional da “moralidade”. O parecer contrário, porém, não significa que o projeto será rejeitado. O plenário da comissão pode rejeitar a orientação do relator e aprovar o projeto.

Entrevista
Ao ser abordado pela reportagem do Estado, o presidente da CCJ, João Paulo Cunha, inicialmente negou que tivesse incluído o projeto que anistia os parlamentares cassados na pauta. Depois, afirmou que iria pedir à equipe da comissão para retirar a proposta. Acompanhe a entrevista:

– Está na pauta da Comissão de Constituição e Justiça o projeto que trata da anistia aos deputados cassados no caso do mensalão. Por que o senhor pautou?
– Eu não pautei. Essa pauta deve ser remanescente. Eu não vi esse projeto. Ele não vai ficar na pauta. Não vai ser apreciado. Vou pedir para retirar.

– Mas o senhor o tinha colocado na pauta por quê?
– Nem sei por que isso foi para a pauta. Alguém deve ter pedido para colocar o outro projeto, do Mulim (Neilton Mulim, do PP-RJ), e esse veio junto. Vou montar a pauta ainda e te garanto que isso não vai ser apreciado. (Minutos depois, em novo contato por telefone). Eu já mandei retirar. Aquilo que estava lá era só uma sugestão de pauta, não tem nada a ver esse projeto estar lá. Quero ressaltar que o projeto do Mulim é para proibir anistia e mesmo se os dois ficassem na pauta não tinha problema porque o relatório é contrário.

– Mas nada impede o plenário da comissão de aprovar mesmo com o parecer contrário.
– Sim, mas nesse caso dificilmente teria como prosperar, por se tratar desse tema e por ter um relator de destaque como o (deputado) Gabriel Chalita (PMDB-SP).

– Então não é a hora de discutir esse projeto?
– Isso. Não tem por que discutir isso agora.

Do Estadão.com










Greve, Vídeos
Atualizado em: 04/11/2011 - 3:06 pm


Mais uma polêmica na educação: o impasse entre professores da rede estadual e o governo. Representantes das duas partes continuam reunidos na sede da Secretaria da Educação.

Os servidores cobram uma proposta concreta sobre as reivindicações da categoria e ameaçam: caso não haja avanço nas negociações, uma nova greve pode começar já na próxima semana.

Leia ainda:
Professores e Governo fazem nova rodada de negociações nesta sexta

Acompanhe a reportagem do Jornal Jangadeiro:










Ceará
Atualizado em: 04/11/2011 - 1:26 pm


O ex-vice-prefeito do municípios de Amontada, José Jacinto de Oliveira, 62 anos, foi morto a tiros na manhã desta sexta-feira (4). Ele participou da gestão do município, que fica a 210 quilômetros de Fortaleza, no ano de 1991.

Jacinto, que atualmente era comerciante do ramo de construção e ração, estava em uma de suas lojas quando foi surpreendido por um homem em uma moto que saiu atirando contra a vítima. O comerciante foi atingido por três tiros, dois no peito e um na cabeça.

O ex-vice-prefeito ainda foi socorrido e levado para o hospital de Itapipoca, mas não resistiu e morreu no caminho. O acusado ainda foi atingido por um funcionários, mas mesmo ferido, conseguiu fugir.

As motivações do crime ainda não foram esclarecidas, mas a polícia destaca a possibilidade de latrocínio, pois o acusado não levou nada do estabelecimento.

Redação Jangadeiro Online










Denúncia
Atualizado em: 04/11/2011 - 12:20 pm


Fausto Henrique Oliveira exerceu mandato de deputado estadual na Paraíba.

Um ex-deputado estadual da Paraíba foi preso nesta sexta-feira (4), em Fortaleza, acusado de comprar um recém-nascido por R$ 70 e uma cesta básica, na periferia de Teresina-PI. De acordo com informações do Coordenador de Operações da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Andrade Junior, o crime aconteceu há um mês.

O acusado se chama Fausto Henrique Oliveira, e é conhecido como “Pastor Fausto”. Ele teria abordado a mãe da menina junto com uma mulher que se passava por sua esposa. Após entregar a quantia, eles sumiram com o bebê.

Não é descartada a possibilidade de que Vitória Raquel, que tinha aproximadamente um mês de vida, tenha sido mandada para outro país.

A mãe da menina resolveu acionar a Polícia e uma operação envolvendo efetivos do Ceará e do Piauí  obteve a  a informação de que “Pastor Fausto” estaria residindo em Fortaleza. Depois de algumas investigações, o acusado foi localizado e teve prisão preventiva decretada.

A mulher que se passava por sua esposa no Piauí está foragida. Segundo o Delegado Andrade Junior, ainda não há indícios de que o sequestro faça parte de um esquema de tráfico de crianças.

Fausto Henrique Oliveira foi recambiado para o Piauí onde as investigações sobre o caso terão prosseguimento.

Leia mais:
Adolescente é baleado na Aerolândia
Duas pessoas ficam gravemente feridas em acidente na BR-116
Homem é preso por tentativa de estupro em Ocara

Redação Jangadeiro Online