Eleições 2018
Atualizado em: 21/05/2018 - 1:26 pm


PCdoB projeta crescimento da bancada após eleições de 2018. Foto: Agência Senado

O Inácio Arruda (PCdoB) disse, em entrevista ao jornal O Estado, que a sigla tem boas perspectiva para as eleições deste ano.

Segundo ele, que recentemente lançou sua pré-candidatura ao cargo de deputado federal, a intenção do partido é “dobrar o tamanho da bancada” do PCdoB na Câmara dos Deputados (com duas cadeiras a mais) e aumentar em 50% na Assembleia (de dois para três deputados).

Além disso, conta ele, o partido está trabalhando com a ideia de que essa será sua última eleição com coligação em Brasília, com perspectiva de que já tenham chapa própria em 2022.

“Agora temos seis candidatos à Câmara Federal. Na estadual não, já temos nossa chapa, nossa chapa já garante um êxito eleitoral. Na Câmara já é mais difícil, mas temos que construir, começar esse caminho”, diz ele. A depender do que acontecer até junho, continua, esse número de seis candidatos poderá ser mantido, diminuir ou até aumentar.

Camilo
Com relação à disputa pelo cargo executivo no Ceará, Inácio afirma que o partido está apoiando a reeleição de Camilo Santana (PT) e destaca a atuação do governante desde 2014. “O primeiro ano do governo foi muito difícil, era o governador fazendo conta para garantir que nenhum servidor deixasse de receber salário e serviços essenciais de saúde, educação, assistência social, segurança pública fossem mantidos. Pra nós é o governo mais avançado que tivemos na história desse estado”, ressalta.

Com informações do OE










Nacional
Atualizado em: 21/05/2018 - 12:25 pm


Prazo para pagamento da taxa de inscrição do Enem vai até quarta

Prazo para pagamento da taxa de inscrição do Enem vai até quarta

Candidatos à edição de 2018 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) têm até quarta-feira, 23 de maio, para pagar a taxa de inscrição, no valor de R$ 82.

O pagamento pode ser feito em instituições bancárias, agências dos Correios e casas lotéricas. O participante deve estar atento ao prazo de compensação bancária de cada instituição, que pode levar de três a cinco dias úteis.

Este é o primeiro Enem em que a isenção foi separada da inscrição, permitindo a criação de um período de recursos que deu uma segunda chance a vários participantes.

Sem isenção
Os estudantes que não obtiveram direito à isenção precisam pagar a Guia de Recolhimento da União (GRU), e devem ter atenção ao selecionar a data de pagamento. Isso porque alguns bancos agendam, automaticamente, o débito para a data de vencimento da GRU – 23 de maio –, atrasando a confirmação da inscrição. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), autarquia vinculada ao Ministério da Educação, orienta que os candidatos não deixem o pagamento da taxa para os momentos finais e que confiram a situação da inscrição.

Próximas etapas
Participantes travestis ou transexuais que quiserem atendimento pelo nome social devem fazer a solicitação entre 28 de maio e 3 de junho. Em outubro, o Inep divulgará o cartão de confirmação da inscrição, com as informações sobre o local das provas, que serão aplicadas em 4 e 11 de novembro. As demais informações sobre o exame podem ser consultadas no site do Enem e no aplicativo Enem 2018, nem como nos portais e redes sociais do MEC e do Inep.

E ainda
O número final dos inscritos e o perfil dos participantes do Enem 2018 será divulgado tão logo as instituições bancárias confirmem o pagamento da taxa ao Inep. As inscrições foram encerradas na madrugada do dia 19, sábado.

Com informações do MEC










Eleições 2018
Atualizado em: 21/05/2018 - 11:28 am


 

Em passagem por Fortaleza, a deputada lançou o manifesto de sua pré-candidatura ao Planalto e uma “vaquinha” online para que seus apoiadores possam fazer doações. A comunista é pré-candidata à presidência da República. Foto: Jamia Figueiredo

A pré-candidata à Presidência da República pelo PCdoB, Manuela d’Ávila, cumpriu agenda na capital cearense na última sexta-feira, 18. Em encontro com a imprensa na Assembleia Legislativa, ela falou sobre sua candidatura e possíveis alianças, tendo reservado elogios ao também pré-candidato ao cargo Ciro Gomes (PDT).

“Conheço ele há muitos anos, jamais somarei com quem tenta desqualificá-lo, ele é um grande brasileiro e o Ceará deve ter orgulho desse filho ilustre”, disse ela.

O pedetista havia sido mencionado quando a pré-candidata foi perguntada sobre apoios futuros nas eleições deste ano. Ela esclarece que um problema na política brasileira é o fato de não ser marcada por espaços de diálogo e que isso muitas vezes faz com que as pessoas pensem que sua candidatura não acontecerá de fato.

“Quando defendo o direito de Lula concorrer, acham que não sou candidata, mas defendo porque é o correto. Quando me reúno com o Ciro, acham que estou aderindo à candidatura dele, mas na verdade são espaços de diálogo entre projetos que têm mais similaridades do que divergências”, explica.

Cid
Manuela falou positivamente também sobre o ex-governador Cid Gomes (PDT), destacando sua atuação e dos demais Ferreira Gomes no campo da educação em Sobral. Cid deverá disputar uma cadeira no Senado Federal em outubro.

Adversários
Ela reiterou que candidatos que representam a esquerda, como Ciro e Guilherme Boulos (PSOL), serão seus oponentes no primeiro turno, mas seus adversários de fato estão “do outro lado” – sendo esses “os que não respeitam o Brasil, a soberania do povo e seus direitos”, conta.

Agenda
Durante a manhã do mesmo dia, Manuela havia participado de um debate na Universidade de Fortaleza (Unifor) e, após o encontro com a imprensa, visitou o Instituto Katiana Pena, no Bom Jardim, que trabalha com crianças e jovens em situação de risco. Na mesma data foi lançado ainda o Manifesto “Liberdade para o Brasil, para Lula e para as Brasileiras e Brasileiros”, referente à sua candidatura, e também uma vaquinha online por meio da qual as pessoas podem colaborar para sua pré-campanha. Segundo ela, a meta é arrecadar R$ 150 mil e já foram doados R$ 40 mil.

Mulheres
A pré-candidata falou ainda sobre a importância de garantir maior protagonismo às mulheres no Brasil. Segundo ela, hoje, um dos principais fatores que fazem com que as mulheres sejam excluídas de posições de importância na política ou em outros contextos é o volume de trabalho doméstico com que têm que arcar, somado ao trabalho necessário para sua fonte de renda.

E ainda
Ela argumenta que sua proposta de governo acaba valorizando as famílias mais do que a de outros candidatos que costumam falar em defender a instituição da família – uma vez que defende as mulheres, que por sua vez são o principal pilar das famílias no Brasil. “Sempre que me provocam sobre isso, queria que pensassem quem fala com a professora dos filhos, quem busca na escola, quem lava a roupa, porque infelizmente a maior parte dos políticos sequer se relacionam com suas próprias famílias, porque quem faz isso no país são as mulheres”, conta.

Com informações do OE

 










Economia
Atualizado em: 21/05/2018 - 10:32 am


Pedidos de aposentadoria por telefone e internet começam nesta segunda

A partir desta segunda-feira (21), o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) deixa de agendar o atendimento presencial para salário-maternidade e aposentadoria por idade urbanos.

Agora, o segurado deverá acessar o Meu INSS ou ligar para o 135 e, em vez de agendar uma data para ser atendido, receberá direto o número do protocolo de requerimento, eliminando a etapa do agendamento.

Antes, o segurado precisava agendar uma ida ao INSS para levar documentos e formalizar o pedido. Com o novo modelo, ao fazer o pedido, o cidadão acompanha o andamento pelo Meu INSS ou pelo telefone 135 e, somente se necessário, será chamado à agência.

Automático
Nos casos em que as informações previdenciárias necessárias para o reconhecimento do direito já constarem nos sistemas do INSS, será possível então a concessão automática do benefício, isto é, a distância. Segundo o INSS, com a mudança, não haverá mais falta de vaga e, caso precise ir a uma agência para apresentar algum documento, o cidadão terá a garantia de ser atendido perto da residência. O instituto diz ainda que a mudança representa o fim do tempo de espera para ser atendido.

Meu INSS
Atualmente, o Meu INSS tem mais de 7 milhões de usuários cadastrados e é acessível pelo computador ou celular. O sistema, que está sendo aprimorado, conta com um canal que permite ao cidadão acompanhar o andamento do seu pedido sem sair de casa, consultar extratos e ter acesso a outros serviços do INSS. O instituto vai ampliar cada vez mais a lista de serviços agendáveis. A partir do dia 24, serviços que antes eram prestados somente no atendimento espontâneo serão realizados com dia e horário marcados, bastando fazer seu agendamento pelo Meu INSS ou o telefone 135.

Lista
Veja a lista dos serviços que passarão a ser agendáveis:

  • Alterar meio de pagamento
  • Atualizar dados cadastrais do beneficiário
  • Atualizar dados do Imposto de Renda – Atualização de dependentes
  • Atualizar dados do Imposto de Renda – Declaração de Saída Definitiva do País
  • Atualizar dados do Imposto de Renda – Retificação de Dirf
  • Cadastrar Declaração de Cárcere
  • Cadastrar ou atualizar dependentes para salário-família
  • Cadastrar ou renovar procuração
  • Cadastrar ou renovar representante legal
  • Desbloqueio do benefício para empréstimo
  • Desistir de aposentadoria
  • Emitir Certidão de Inexistência de Dependentes Habilitados
  • Pensão por morte
  • Emitir Certidão para Saque de PIS/Pasep/FGTS
  • Reativar benefício
  • Reativar benefício assistencial à pessoa com deficiência, suspenso por inclusão no mercado de trabalho
  • Renunciar a cota de Pensão por Morte ou Auxílio-Reclusão
  • Solicitar Pagamento de Benefício não Recebido
  • Solicitar valor não recebido até a data do óbito do beneficiário
  • Suspender benefício assistencial à pessoa com deficiência para inclusão no mercado de trabalho
  • Transferir benefício para outra agência

Com informações da Abr










Bastidores
Atualizado em: 21/05/2018 - 9:00 am


Ciro Gomes é o segundo pré-candidato sabatinado em série da Folha, UOL e SBT. Foto: Kézya Diniz

O pré-candidato a presidente pelo PDT, Ciro Gomes, será sabatinado nesta segunda-feira (21), às 10h, pela Folha de S.Paulo, pelo UOL e pelo SBT.
Será a segunda entrevista da série de sabatinas com os presidenciáveis promovida pelos veículos. No dia 7 de maio, Alvaro Dias (Pode) foi o primeiro entrevistado.

Ciro, que deve disputar as eleições ao Planalto pela terceira vez, responderá a perguntas de Fernando Canzian, repórter especial da Folha de S.Paulo, Diogo Pinheiro, chefe de reportagem do UOL, e Carlos Nascimento, âncora do SBT.

O pedetista é ex-governador do Ceará e ex-ministro dos governos Itamar Franco e Lula. A sabatina será realizada nos estúdios do UOL, em São Paulo, e terá uma hora de duração.

Sequência
Na quarta-feira (23), será entrevistado o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) e, na quinta (24), a ex-senadora Marina Silva (Rede).
Jair Bolsonaro (PSL) ainda não confirmou data de participação.

Regras e convidados
As regras de participação nos debates foram definidas em reunião na sede do SBT no dia 22 de março, com representantes de 18 dos 35 partidos registrados no TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Foram convidados os seis candidatos ao Palácio do Planalto mais bem colocados na pesquisa Datafolha divulgada em 16 de abril. Com a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que lidera levantamento, Alvaro Dias, o sétimo colocado, foi convidado.

Com informações da Folha










Internacional
Atualizado em: 21/05/2018 - 8:01 am


Maduro é reeleito em eleição questionada pela oposição. Foto: José Cruz/Agência Brasil

Presidente da Venezuela desde 2013, Nicolás Maduro, de 55 anos, é reeleito para mais seis anos de mandato, em uma eleição duramente criticada pela oposição e com elevado índice de abstenção. De acordo com a imprensa oficial, ele obteve 67,7% dos votos, enquanto o segundo colocado Henri Falcón conseguiu 21,1%.

Em entrevista coletiva na noite de domingo (20), Falcón disse desconhecer o resultado das eleições. Segundo ele, são necessárias novas eleições, pois houve uma “violação” do acordo pré-eleitoral. Há informações, não confirmadas oficialmente, de que o índice de abstenção nas eleições foi superior a 70%.

“Não reconhecemos este processo eleitoral como válido”, disse Falcón. “Para nós não houve eleições, é preciso fazer novas eleições na Venezuela, não é uma colocação que viemos fazer, viemos fazer exigências.”

Diálogo
Maduro chamou os candidatos derrotados e as lideranças que promoveram a campanha em favor da abstenção para um diálogo. “Henri Falcón, Javier Bertucci e todos os líderes da oposição, [apelo para ] que nos reunamos, nos encontremos e falemos da Venezuela, convido-os aqui e assumo a responsabilidade deste chamado”, disse.

A Prensa Latina, agência oficial de notícias da Venezuela, e a Telesur, emissora oficial de televisão do país, informaram que 92% das urnas, em que 5.823.728 eleitores votaram, foram apuradas. As informações são atribuídas à presidente do Conselho Nacional Eleitoral (CNE), Tibisay Lucena, ligada ao governo.

Pressão
No domingo (20), as votações ocorreram em 14.638 centros de votação em todo o país. Há informações de que os eleitores que resistiam a votar, marcando um elevado índice de abstenção, eram pressionados por grupos armados a comparecer aos locais de votação.

Em entrevistas coletivas, Maduro criticou a imprensa internacional, afirmando que havia uma campanha para difamá-lo. Ao final, ao fazer um balanço parcial sobre as eleições,afirmou que foi executado um Plano Nacional para controlar “pequenas irregularidades”. Não relatou quais foram essas ocorrências.

Legalidade
A presidente do Conselho Nacional Eleitoral, Tibisay Lucena, ressaltou que mais de 150 representantes de organismos internacionais acompanharam a “transparência e legitimidade” das eleições e dos conselhos legislativos. Na relação desses representantes estão o ex-ministro da Espanha José Luis Rodríguez e o ex-presidente do Equador Rafael Correa, ambos simpatizantes de Maduro.

Segurança
O processo eleitoral foi acompanhado por forte esquema de segurança, com 300 mil homens da Força Armada Nacional Bolivariana, além do apoio de seguranças e funcionários públicos. *Com informações da Prensa Latina, agência oficial de notícias da Venezuela, da Telesur, emissora oficial de televisão venezuelana, da Telam, agência pública de notícias da Argentina, e da EFE.










Eleições 2018
Atualizado em: 20/05/2018 - 6:34 pm


Tasso anuncia General Theophilo como nome da oposição para 2018

O senador Tasso Jereissati (PSDB) irá apresentar, oficialmente, nesta segunda-feira (21), o nome do General Theophilo como indicação do PSDB para representar o grupo de oposição na disputa pelo Governo Estadual em 2018.

O evento acontece no auditório do Iguatemi Empresarial, às 16 horas.

Na semana passada, os dois estiveram juntos e, após encontro, Theóphilo publicou manifestação nas redes sociais.

“Estive reunido ontem com o Senador Tasso Jereissati. Tomei a decisão de entrar na política porque acredito na democracia, que é possível mudar o Ceará a partir da aliança das pessoas de bem, em um movimento renovador, fazendo que o Estado e os políticos voltem a cumprir seu propósito maior que é o de servir às pessoas e não a si mesmos”, escreveu o pré-candidato.

Tucanos
No dia 26 de abril, Tasso Jereissati (PSDB) reuniu a Executiva Estadual do PSDB para apresentar o General Theophilo como novo filiado do Partido. No encontro, foi debatida a pré-candidatura de Theophilo ao Governo do Ceará e o planejamento de ações nos próximos meses. Participaram do encontro, ainda, o presidente estadual do Partido, Francini Guedes; e o vice-presidente do diretório de Fortaleza, Paulo Angelim.

Oposição
Além dos deputados federais Raimundo Gomes de Matos e Danilo Forte; o ex-senador Luiz Pontes; os deputados estaduais Carlos Matos e Fernanda Pessoa; o vice-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa; e o prefeito de Itapipoca, João Barroso também acompanharam a reunião. Dirigentes e parlamentares do Solidariedade, PSD e PROS foram convidados para debater as estratégias do grupo de oposição.

E ainda
Até março, Theóphilo foi comandante de logística do Exército. Ele tem experiência setores estratégicos para a segurança nacional e experiência no combate ao tráfico de armas e drogas e controle das fronteiras. Filho do general de brigada Manoel Theophilo Gaspar de Oliveira Neto, o pré-candidato pertence a uma das mais tradicionais famílias do Exército, com atuação desde o Império.










Ceará
Atualizado em: 20/05/2018 - 4:01 pm


AL promove seminário sobre Segurança; Ciro Gomes fará palestra de abertura. Foto: Murilo Silva/CAPOL

Discussão cada vez mais presente no dia a dia do Poder Público e dos cidadãos brasileiros, a segurança pública e os diversos aspectos que a constituem serão tema do Seminário Internacional sobre Segurança Pública, realizado pela Assembleia Legislativa.

O evento acontecerá nos dias 5, 6, 7 e 8 de junho, em diversos espaços da Casa.

A conferência de abertura do evento debaterá o pacto federativo e a segurança pública no Brasil, com Ciro Gomes, ex-ministro da Integração Nacional, no dia 5 de junho, às 18 horas, no Auditório João Frederico Ferreira Gomes, anexo II da AL.

“Vamos buscar medidas para conter o avanço da violência urbana. A Assembleia quer contribuir, quer fazer sua parte, e estaremos atuando de forma conjunta, de maneira a buscar sempre atender as demandas da sociedade”, afirma o deputado Zezinho Albuquerque (PDT), presidente da Assembleia Legislativa.

Objetivo
O evento visa fornecer indicações de caráter normativo para os Poderes Legislativos, assim como proposições, medidas e ações referentes a execuções de uma política de segurança pública resolutiva e com resultados concretos para os cidadãos. Com a realização do seminário, a Assembleia Legislativa busca contribuir para a construção de paz e de uma segurança cidadã no Ceará e no Brasil, por meio da efetivação do direito à segurança pública.

Experiências
Buscando o intercâmbio de experiências nessa complexa área de atuação, o evento contará com a participação de representantes do Poder Público e pesquisadores de diversos estados brasileiros, como Ceará, São Paulo, Bahia, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Pernambuco, assim como convidados de Portugal e países da América do Sul, como Colômbia, Venezuela.

Programação
Entre as demais conferências do evento, serão discutidos temas como os direitos e políticas sociais da América Latina, com José Augusto Lindgren, do Instituto de Políticas Públicas e Direitos Humanos do Mercosul; a experiência de Medellín, na Colômbia, na política de reversão à violência, com Jorge Melguizo,e o HUB da Segurança Pública no Ceará, com participação prevista do ministro extraordinário da Segurança no Brasil, Raul Jungmann.

E ainda
Realizado pelo Conselho de Altos Estudos e Assuntos Estratégicos da AL, o Seminário Internacional conta com apoio técnico-científico de professores da Universidade Federal do Ceará (UFC), da Universidade Estadual do Ceará (Uece) e da Universidade de Fortaleza (Unifor). A participação no Seminário Internacional sobre Segurança Pública da Assembleia Legislativa é aberta ao público, que poderá realizar inscrição on-line em breve.

Com informações da AL










Fortaleza
Atualizado em: 20/05/2018 - 2:02 pm


A ideia é utilizar escolas e creches do Município em projeto de eficiência energética

O prefeito Roberto Cláudio lança, nesta segunda-feira (21/05), às 9 horas, no Auditório do Paço Municipal, o Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI) para a escolha de uma empresa que queira realizar um estudo de viabilidade para a implantação de projeto de eficientização, gestão, operacionalização e manutenção energética para os prédios de escolas e creches do Município.

A iniciativa faz parte do Programa Fortaleza Competitiva e visa aproveitar o avanço tecnológico e normativo do setor elétrico, com a implantação de projetos que permitam a redução de custos com energia e uma maior sustentabilidade ambiental.

“Além da redução de custos nos prédios públicos, também estaremos gerando energia limpa. A priori, o projeto é voltado para escolas e creches, mas poderá ser ampliado para as demais repartições. Vale ressaltar, que esse modelo é pioneiro no Brasil, sendo o primeiro projeto de geração distribuída de energia na forma de parceria público-privada”, enfatiza o coordenador de Fomento às PPPs, Rodrigo Nogueira.

Parceria
Outros estudos neste mesmo arranjo público-privado estão sendo desenvolvidos pela Coordenadoria de PPP’s, como a expansão da banda larga de Fortaleza e a modernização e ampliação dos terminais de ônibus da Capital.

Pacote
O Programa Fortaleza Competitiva é uma iniciativa que engloba um pacote de medidas de estímulo à criação de um cenário qualificado para novos negócios, na Capital, viabilizando mecanismos para o surgimento e crescimento de empresas em áreas estratégicas do Município, gerando emprego, renda e desenvolvimento.

Serviço: Lançamento do PMI da Geração de Energia Limpa
Data: 21/05
Hora: às 9h
Local: Auditório do Paço Municipal – Centro de Fortaleza










Ceará
Atualizado em: 20/05/2018 - 12:21 pm


 

Secretaria do Meio Ambiente promove Semana da Biodiversidade de 21 a 25 de maio

A Secretaria do Meio Ambiente (SEMA), por meio da Coordenadoria da Biodiversidade (Cobio) e as células de Gestão das Unidades de Conservação da Diversidade Biológica e Setor de Fauna e Flora, realiza de 21 a 25 de maio, a Semana da Biodiversidade 2018.

Segundo a coordenadora Doris Santos, da Cobio, o objetivo “é divulgar a necessidade de conservação da biodiversidade, focando na proteção dos recursos naturais, condição sine qua non para o bem estar e qualidade de vida da população”. Acrescenta ainda, que a programação da Semana está “recheada de atividades em todas as unidades de conservação (Ucs)”.

Comemoração
As comemorações alusivas à nossa biodiversidade começam com um passeio de barco para 30 convidados, dia 21 (segunda-feira), às 9h, no Estuário do Rio Ceará. O evento contará com a presença do titular da SEMA, Artur Bruno. De acordo com George Feijão, gestor do Parque Estadual Botânico e idealizador do passeio, “a proposta do passeio é propiciar aos convidados, uma visão real do nível de poluição do Rio Ceará”. O barco partirá do marco zero, na Barra do Ceará, indo de encontro à delegação dos índios Tapebas que sairá da Aldeia das Pontes em embarcações próprias.

Seminário
A Semana da Biodiversidade encerra com a realização do I Seminário de Estratégias para Preservação e Conservação da Mata Atlântica. O objetivo é discutir estratégias de conservação e preservação do bioma, acontece no decorrer do próximo dia 25 (sexta-feira), no Campus de Educação Ambiental e Ecológica da Universidade Estadual do Ceará, em Pacoti. Na ocasião, o secretário do Meio Ambiente, Artur Bruno, lança edital do Programa de Incentivo às Unidades de Conservação Municipais (ProUCm).

Plano
Para o diretor de Politicas Públicas da SOS Mata Atlântica, Mário Mantovani, um dos palestrantes do evento, “a compreensão da distribuição territorial da Mata Atlântica é fundamental para envolver a sociedade e enriquecer o debate sobre a importância da conservação e restauração do bioma”. De acordo com Mantovani, um dos instrumentos mais eficientes para que os municípios façam a sua parte na proteção do bioma é o Plano Municipal da Mata Atlântica (PMMA).

Números
Dados da organização SOS Mata Atlântica apontam que dos 184 municípios do Estado, 67 têm ocorrência do bioma, “o que faz do Ceará um dos 17 estados brasileiros com remanescentes de Mata Atlântica”, como disse Artur Bruno. “Originalmente, o bioma cobria cerca de 6% da área do nosso Estado”, completa o secretário.

Com informações da Sema










Internacional
Atualizado em: 20/05/2018 - 10:06 am


Vinte milhões de venezuelanos vão às urnas neste domingo. Foto: José Cruz/Agência Brasil

Vinte milhões de eleitores foram convocados às urnas, neste domingo (20), para escolher quem governará a Venezuela durante os próximos seis anos.

Apesar da grave crise (marcada pela hiperinflação, o desabastecimento e o êxodo de milhares de venezuelanos), o atual presidente, Nicolás Maduro, está confiante na reeleição – até porque a oposição está dividida, e seus principais rivais políticos foram presos, exilados ou proibidos de se candidatar.

Já quem quer uma mudança terá que decidir entre votar em um dos candidatos, que disputam a Presidência com Maduro, ou aderir ao boicote, proposto pelos principais partidos opositores.

Chances
Dos três candidatos que disputam com Maduro, apenas um – Henri Falcón – tem chances de derrotá-lo. O ex-governador, de 56 anos, já pertenceu ao Partido Socialista Unido da Venezuela (PSUV), no poder há 18 anos, antes de passar para a oposição. Mas ele se opôs à decisão da maioria dos partidos opositores, que integram a frente Mesa de Unidade Democrática (MUD), de fazer campanha pela abstenção.

Descontentes
Falcón lançou a sua própria candidatura, na esperança de obter o apoio dos milhares de venezuelanos descontentes, que há anos fazem filas quilométricas nas portas de supermercados vazios e sentem que seu dinheiro vale cada vez menos. Segundo estimativas do Fundo Monetário Internacional (FMI), a inflação venezuelana este ano pode chegar a 13 mil por cento.

“Nosso governo vai respeitar os Direitos Humanos, e mudaremos a Venezuela com o voto, não com a abstenção”, disse Falcón durante a campanha. Ele argumentou que ditaduras como a chilena, de Augusto Pinochet (1973-1990), e a espanhola, de Francisco Franco (1939-1975), que tiveram fim via eleições.

Opositores
Além de Maduro e de Henri Falcón (Avançada Progressista), disputam o cargo Reinaldo Quijada (Unidade Política Popular 89) e o pastor Javier Bertucci (Esperança pela Mudança). Muitos outros opositores – entre eles, os mais moderados, como Henrique Capriles – lembram que já tentaram derrotar Maduro nas urnas. E que, apesar de terem conquistado a maioria parlamentar em 2015, o governo nunca os deixou legislar. No ano passado, a Suprema Corte decidiu que o Parlamento não tinha legitimidade porque deu posse a três deputados cuja eleição tinha sido questionada, fato que abriu uma grave crise política no país. Segundo esses lideres da oposição, participar das eleições seria legitimar uma fraude.

Pressão internacional
A Venezuela enfrentou novas pressões internacionais às vésperas das eleições. O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, reafirmou que não vai aceitar o resultado das eleições deste domingo. “Temos conhecimento de um plano do regime de Maduro, que está em andamento desde o final do ano passado, de dar cédulas de identidade a cidadãos colombianos e transportá-los para votar nas eleições do dia 20”, afirmou Santos.

O presidente do Chile, Sebastian Piñera, usou sua conta Twitter no sábado (19) para acusar Maduro de “causar tanta dor e sofrimento ao seu povo,” e de se “aferrar ao poder”. Os Estados Unidos já tinham pedido a Maduro que suspendesse as eleições. Na sexta-feira (18), o Departamento do Tesouro norte-americano anunciou sanções econômicas contra o constituinte Diosdado Cabello – um dos homens mais influentes do governo.

A presidente do Conselho Nacional Eleitoral (CNE) venezuelano, Tibsay Lucena, disse que tudo estava pronto para a eleição deste domingo e criticou duramente “os ataques” da comunidade internacional ao processo eleitoral da Venezuela.

G-20
Na segunda-feira (21), os chanceleres do G-20 (grupo das vinte maiores economias do mundo) se reunirão em Buenos Aires. Os resultados das eleições venezuelanas devem ser discutidos, apesar de não fazerem parte da agenda. As opiniões estão divididas. O anfitrião, o presidente da Argentina, Mauricio Macri, é um duro crítico do governo da Venezuela. Maduro recebeu o apoio do presidente da Turquia, Tayyip Erdogan, que, como ele, tem sido alvo de críticas internacionais.

Com informações da Abr










Ceará
Atualizado em: 20/05/2018 - 8:00 am


Lançado E-book durante 13º Congresso Brasileiro de Estratégias Eleitorais e Marketing Político

O XIII Congresso Brasileiro de Estratégias Eleitorais e Marketing Político, realizado no Centro de Eventos do Ceará, foi marcado, no sábado (19), pelo lançamento do E-book “Novas Estratégias Eleitorais para Um Novo Ambiente Político”, cujo acesso agora está disponível ao público.

O produto conta com textos de diretores e sócios da Associação Brasileira de Consultores Políticos (ABCOP).

O e-book é composto por 17 artigos assinados por consultores políticos de diversas formações e atuações, oriundos de 12 estados espalhados pelas cinco regiões do país.

Conteúdo
Os autores fornecem visões diferentes e complementares abordando técnicas, ferramentas, estratégias e estudos de caso que apresentarão ao leitor um bom número de informações e conhecimentos a serem aplicados nas eleições de 2018, bem como nas seguintes. O E-book na íntegra, com contribuições de alguns dos palestrantes do evento, o que será bastante útil para as eleições deste ano. Confira no link: https://issuu.com/estrategiaseleitorais/docs/e-book_novas_estrategias_eleitorais_2bf15fd6e0e2cb .

Congresso
O evento foi promovido pelas empresas Manhanelli Associados e Marketing Político e Companhia/MP&Cia, com apoio institucional da ABCOP. O congresso discutiu temas como renovação política, uso da Internet nas campanhas eleitorais, novas técnicas de comunicação e de mobilização eleitoral e campanha permanente dentre outros. O congresso reuniu profissionais de marketing e comunicação, pré-candidatos que às eleições 2018, representantes de partidos políticos, assessores políticos, imprensa em geral, estudantes universitários de áreas afins e movimentos sociais.

Classe política
A programação contou com a participação de diversos representantes da classe política, dentre os quais os vereadores Plácido Filho (Fortaleza) e Pedro Alcino (Acarape), o pré-candidato a deputado estadual Josbertini Clementino (PDT) e o presidente do Ibama, Herbert Lobo, além de lideranças de outros estados, como Mato Grosso e Pará.

Homenagem
O consultor e cientista político Rubens Figueiredo, que ministrou a palestra “ Marketing Político em tempo de fake News” no XIII Congresso Brasileiro de Estratégias Eleitorais e Marketing Político, foi agraciado com o Prêmio ABCOP, que homenageia consultores políticos que foram destaque no ano. Na ocasião Rubens agradeceu pelo prêmio e o reconhecimento pelo seu trabalho e destacou os desafios com a campanha eleitoral desse ano, incluindo as fake news, tema da palestra que ministrou.










Ceará
Atualizado em: 19/05/2018 - 4:21 pm


Izolda Cela é a vice-governadora do Ceará

O Governo do Ceará, por meio do Gabinete da Vice-Governadoria, realiza, em parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento e com o Banco Mundial, o diálogo internacional “Evidências e Estratégias para Prevenção de Crime & Violência no Ceará”.

O evento ocorre na sede da Vice-Governadoria do Ceará, na avenida Barão de Studart, nos dias 21 e 22 deste mês.

Para a vice-governadora Izolda Cela, o encontro reforça os eixos do Pacto por um Ceará Pacífico. “O enfrentamento da violência passa pelas ações de prevenção social nas classes e camadas mais vulneráveis da sociedade. Com essas políticas interinstitucionais, e a participação dos vários parceiros nesse Pacto, conseguiremos atuar cada vez mais na prevenção social e na segurança pública. É esse o caminho para a construção de uma sociedade dentro de uma cultura de paz” , reforçou a vice-governadora.

Debates
Serão dois dias de debates com o setor público e privado com propostas de ações divididas em três eixos de atuação: prevenção primária (escolas, esporte, etc), prevenção secundária (Inteligência Policial e ações para pessoas em situações de vulnerabilidade) e prevenção terciária (ação policial direta contra a criminalidade).

E mais
No primeiro dia serão realizadas palestras com especialistas sobre experiências exitosas de prevenção e segurança pública de vários países. No segundo dia, representantes do Governo do Ceará apresentam as ações do Estado. Também serão realizadas oficinas e workshops para debates, discussões e proposições de encaminhamentos. Ao final do encontro, a partir das experiências repassadas, serão traçadas ações para serem aplicadas no Ceará.

Serviço: Diálogos “Evidências e estratégias para prevenção de Crime & Violência no Ceará”
Data: 21 e 22 de maio (segunda e terça-feira)
Horário: 8h
Local: Gabinete da Vice-Governadoria do Ceará
Endereço: Av. Barão de Studart, 598 (em frente ao Palácio da Abolição)










Ceará
Atualizado em: 19/05/2018 - 2:24 pm


Situação da Santa Casa de Misericórdia é discutida em audiência pública. Foto: Bia Medeiros

A Comissão de Seguridade Social e Saúde da Assembleia Legislativa promove, nesta segunda-feira (21/05), a partir das 9h, audiência pública sobre a atual situação da Santa Casa de Misericórdia de Fortaleza.

O debate ocorre no Complexo de Comissões Técnicas da Assembleia Legislativa e atende a requerimento da Comissão de Saúde e Seguridade Social da Câmara Municipal de Fortaleza, com subscrição dos deputados Heitor Férrer (SD) e Fernanda Pessoa (PSDB).

Em debate
A audiência pública conjunta entre as duas comissões vai discutir a liberação das cotas de cirurgias e demais demandas ligadas à assistência médica do equipamento de saúde pública. O evento também busca oferecer sugestões e encaminhamentos com a finalidade de suprir as necessidades do setor.

Com informações da AL










Ceará
Atualizado em: 19/05/2018 - 12:02 pm


Plantão do Judiciário garante atendimento neste fim de semana

Magistrados da Capital e de comarcas do Interior atenderão, em regime de plantão, neste fim de semana.

TJCE
No Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), o atendimento será feito pelos juízes convocados Maria das Graças Almeida de Quental e Antônio Pádua Silva. Os magistrados atenderão, respectivamente, no sábado (19/05) e domingo (20), das 12h às 18h, no Palácio da Justiça, bairro Cambeba.

Fórum
No Fórum Clóvis Beviláqua, o plantão ficará a cargo da 5ª e 6ª Unidades do Juizado Especial Cível, e da 13ª e 14ª Varas Criminais da Capital. Os juízes estarão disponíveis das 12h às 18h. Os pedidos de natureza cível no âmbito de competência da Infância e da Juventude, destinados apenas para apreciação de casos urgentes, serão analisados pelos citados plantonistas.

Interior
No Interior, o atendimento acontecerá das 8h às 14h nas comarcas de Juazeiro do Norte (Vara de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher), Santana do Cariri (Vara Única), Várzea Alegre (1ª Vara), Missão Velha (Vara Única), Pereiro (Vara Única), Quixadá (3ª Vara), Baturité (JECC), Morada Nova (3ª Vara), Icapuí (Vara Única), Maranguape (3ª Vara), Eusébio (1ª Vara), São Gonçalo do Amarante (Vara Única), Itapipoca (1ª Vara), Sobral (2ª Vara Criminal), Granja (2ª Vara), Varjota (Vara Única), Reriutaba (Vara Única), Quiterianópolis (Vara Única), Tauá (3ª Vara) e Itatira (Vara Única).

Com informações do TJCE






Páginas1234567... 1746»