Ceará
Atualizado em: 02/08/2013 - 12:17 pm

Luiz Pontesé o presidente do PSDB no Ceará. Foto: Marcello Holanda

Luiz Pontesé o presidente do PSDB no Ceará. Foto: Marcello Holanda

A divulgação de estudo realizado pela Organização das Nações Unidas (ONU), com a ajuda do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), trouxe à tona dados sobre o Índice de Desenvolvimento Humano no Brasil que, de acordo com a avaliação do presidente do PSDB no Ceará, Luiz Pontes, contrariam discursos petistas.

Segundo o tucano, os números “suplantam” de vez a tese inventada pelo PT de que o Brasil foi “reinventado” depois que Lula chegou ao Governo do País.

“Os números do IDHM [Índice de Desenvolvimento Humano Municipal] são reveladores: o Brasil e o Ceará, em particular, experimentaram crescimento nos índices de desenvolvimento humano muito mais expressivos na década das gestões do PSDB, de 1991 a 2000. Não se trata de discurso, mas de fatos que se sobrepõem à realidade do lulo-petismo”.

“O Brasil cresceu 24,4% entre 1991 a 2000 e na década seguinte, houve uma estagnação, quando a evolução nos índices foi de apenas 18,8%. E se avaliarmos apenas um dos índices do IDHM, a educação, na chamada Era Tasso o Ceará cresceu 84,8% contra 63,13% na década seguinte”, afirma Luiz Pontes.

Cenário Econômico
Ainda de acordo com o ex-senador tucano, a diferença entre os números também fica evidente quando se considera o cenário econômico mundial. “Se levarmos em conta que na década da ‘Era FHC’ o País e o mundo, como um todo, experimentou sucessivas crises econômicas e nos anos do Governo Lula a economia viveu uma fase de ouro, é fácil constatar que o Brasil perdeu uma grande oportunidade de, nos últimos anos, dar um salto de crescimento muito mais significativo”, disse o tucano.

Desafio
Pontes ainda avalia que os tucanos devem trabalhar para mostrar a população que os avanços conquistados hoje são, na verdade, fruto do trabalho realizado em governos anteriores. “A realidade mostra que tudo é fruto do que foi iniciado lá atrás por gestores sérios, competentes e comprometidos com o bem estar público. E esse é um desafio que fica para todos nós: mostrar que o PSDB fez muito mais pelo povo brasileiro, pelo Ceará e que a história não pode ser simplesmente jogada embaixo do tapete”, conclui Luiz Pontes.



0 comentários







0 comentários
Topo | Home




You must be logged in to post a comment.