Ceará
Atualizado em: 01/06/2011 - 11:14 am

Prefeito de Ibaretama, Francisco Edson de Morais (PSB)

Da Redação do Jangadeiro Online

O prefeito do município de Ibaretama, Francisco Edson de Morais (PSB), será ouvido, na Procuradoria Geral de Justiça (PGJ) na próxima segunda-feira (6), sobre os motivos que levaram a prisão de cerca de 21 políticos e servidores da Prefeitura da cidade.

Leia também:
Polícia divulga nomes dos presos pela PF em Ibaretama

Os promotores Luís Alcântara e Eloilson Ladim vão ouvir o prefeito por volta das 10 horas da manhã na sede da PGJ, no Centro de Fortaleza.

Dentre os assuntos sobre os quais Francisco Morais será ouvido, estão: irregularidades e desvio de dinheiro em licitações de obras de Ibaretama; irregularidade na aquisição de transporte escolar e veículos para a Prefeitura do município; enriquecimento ilícito; dentre outros.

Prisão de servidores

No início da manhã desta terça-feira (31), cerca de 21 vereadores e servidores da Prefeitura de Ibaretama foram presos pela Polícia Federal, acusados de desvio de dinheiro. As investigações da PF revelam um esquema de pagamento de propina que beneficiou todos os nove vereadores da Câmara Municipal do município por quase dois anos.

Com informações da PGJ



0 comentários







0 comentários
Topo | Home