Bastidores, Entrevista, Tribunais
Atualizado em: 21/07/2011 - 3:09 pm

O Conselheiro Teodorico havia pedido 30 dias de férias

O presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Teodorico Menezes, cancelou as férias iniciadas no começo da semana e protocolou, na tarde desta quinta-feira (21), pedido de afastamento do cargo até que as denúncias sobre associações fantasmas comandadas por parentes e funcionários dele sejam apuradas.

As entidades são acusadas de envolvimento de desvio de recursos do Fundo Estadual de Combate à Pobreza (FECOP), por meio de convênios celebrados junto  à Secretaria das Cidades do Ceará para construção de kits sanitários em pelo menos cinco municípios.

A noticia foi confirmada em primeira mão pelo vice presidente da Corte, conselheiro Valdomiro Távora, durante entrevista concedida à TV Jangadeiro e ao Jangadeiro Online.

In loco
Valdomiro afirmou ainda que o TCE irá analisar todos os convênios firmados para a construção dos kits sanitários em 2010. Técnicos dos Tribunal darão início na próxima segunda-feira (25) a uma inspetoria para verificar “in loco” a situação das unidades sanitárias. Ainda segundo o presidente em exercício, a Secretaria de Assunto Externo do TCE já esteve na Secretaria de Cidades para coletar documentos e iniciar a investigação.

“O papel do Tribunal é verificar a aplicação do dinheiro público. O caso causa desgaste, e por isso memso queremos dar uma rseposta à sociedade o mais rápido possível”, concluiu Valdomiro Távora. 

Com informações de Wanderley Filho



1 comentário







1 comentário
Topo | Home


NICOLAU MENEZES | quinta-feira julho 21 2011 | 17:01

NÁO TEM MISTÉRIO: QUEM LIBEROU O DINHEIRO, A PEDIDO DE QUEM, E PORQUE NÃO FOI FISCALIZADO A CONSTRUÇÃO DOS MESMOS. QUEM É O RESPONSAVEL PELA FISCALIZAÇÃO E PRESTAÇÃO DE CONTAS, SO ASSIM SE SABERA QUEM É O CULPADO, NÃO É DIFICIL DESCOBRIR É SO QUERER