Câmara Municipal
Atualizado em: 30/11/2014 - 6:33 pm

Psol aprova resolução contra apoio de vereadores a Salmito. Foto: Kézya Diniz/arquivo do blog

Psol aprova resolução contra apoio de vereadores a Salmito. Foto: Kézya Diniz/arquivo do blog

Por 23 votos a um, a direção do PSol aprovou resolução sobre o posicionamento na votação da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Fortaleza. Foram registradas ainda três abstenções a resolução.

Não pode
O texto define que a bancada do partido não deverá participar, nem apoiar, nem votar na chapa encabeçada por Salmito Filho (Pros) – ou por qualquer outro candidato do prefeito – para presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, bem como do conjunto da sua chapa à mesa diretora dessa referida casa.

Democracia representativa
A resolução diz ainda que o partido não pode desconhecer a crise da chamada “democracia representativa”, manifestada não somente pelas jornadas de junho do ano passado, mas, também, pela grande quantidade de votos nulos, brancos e abstenções nestas eleições em todo o país, quando se protestou contra a força do poder econômico e distância de governos e parlamentos das necessidades mais sentidas pela maioria da população.

Oposição
O Psol mantém assim oposição ao governo Roberto Cláudio, a quem considera “como legítimo representante do grande capital, tem agido, sempre em favor deste (em especial, dos setores das grandes construtoras e da especulação imobiliária), adota uma conduta de truculência, autoritarismo e repressão aos movimentos sociais, sindicais e populares, ao longo de toda a sua gestão na Prefeitura de Fortaleza, a exemplo, mas, não só, dos despejos do Alto da Paz e do Ocupe o Cocó. A isso, se soma o desmonte do sistema público de saúde, a terceirização e quarteirização dos serviços públicos, o corte de gastos para a área social (como o recente corte – revertido após denúncia e luta – do orçamento para a criança), o ataque ao nosso patrimônio natural e cultural, o favorecimento do capital imobiliário em detrimento das zonas especiais de interesse social etc”.

Tentativa de camuflagem
Para o Psol existe uma tentativa de escamotear as diferenças internas no interior do legislativo, através da constituição de uma suposta “chapa de consenso”, a qual procura invisibilizar as contradições, unificando-se o apoio à candidatura de Salmito Filho  que deixou a Secretaria de Turismo para ser o candidato do prefeito à Presidência da Câmara.

Com informações da assessoria



Comment closed







Comment closed
Topo | Home


Comments are closed.