Partidos, Polêmica
Atualizado em: 16/09/2011 - 3:07 pm

O deputado estadual José Sarto (PSB) afirmou que foi agredido durante reunião tumultuada na noite de quinta-feira (15) para decidir sobre a destituição do presidente do diretório municipal do PSB em Fortaleza, Sérgio Novais. A parlamentar contou a coluna PolítiKa que, no meio da confusão, não conseguiu identificar o agressor. “Só vi que ele me deu um tapa com a mão aberta e correu para se esconder entre os que estavam lá”, disse.

O presidente da Assembleia Legislativa, dep. Roberto Cláudio, acabou atingido por ovos arremessados por manifestantes pró Sérgio Novais. Na foto, ele conversa com José Sarto e com o vereador Elpídio Nogueira. Foto: Marcos Montenegro

O parlamentar lembrou ainda que não foi o único agredido e disse que o deputado José Albuquerque foi empurrado enquanto o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Roberto Cláudio acabou atingido por ovos arremessados por militantes pró Sérgio Novais.

“Quem garantiu a lisura do processo e a menor violência foi a presença da imprensa. Se a imprensa não estivesse lá eles seriam ainda mais violentos”, destacou para em seguida completar afirmando que “a informação era de que tinham 200 pessoas dentro do partido para impedir a entrada do nosso grupo. Ele [Novais] contratou capangas. Impediram a nossa entrada”, enfatizou.

Gente alheia
Sarto ainda afirmou que muitos dos manifestantes que estavam na sede do PSB de Fortaleza, durante a mobilização, não representavam os interesses da sigla e questionou a presença de “pessoas estranhas oa partido” ao citar o presidente da Etufor, Ademar Gondim, que segundo o socialista “não é filiado ao PSB”.

Mentira?
José Sarto também rebateu as declarações da deputada Eliane Novais (PSB) de que a reunião que destituiu Sérgio Novais do comando do diretório da sigla não seria válida por ser realizada no meio da rua.

“Essa é a mentira de hoje. A mentira de ontem foi que os membros da executiva estavam inadimplentes. É uma mentira atrás de mentira. Isso é uma piada” disparou.

Leia mais:
Veja o vídeo: Em reunião tumultuada, Sérgio Novais é destituído e Karlo Kardoso é eleito novo presidente do PSB em Fortaleza 
Eliane Novais diz que não houve reunião e Sérgio continua no comando do PSB em Fortaleza
Novais acusa Cid Gomes de promover golpe no PSB    
Eliane reclama de “perseguição” e Sarto rebate: a deputada “confunde alhos com bugalhos” 

Debate adiado
Havia a expectativa de que o clima continuasse tenso durante a sessão desta sexta-feira (16) na Assembleia Legislativa. Os deputados José Sarto, José Albuquerque e Sérgio Aguiar, todos do PSB, estavam entre os seis oradores inscritos para pronunciamento. Mas uma solenidade de homenagem à aeronáutica atrasou o início da sessão ordinária que acabou adiada. Os inscritos foram transferidos para a terça-feira (20).

Pelo visto, a polêmica está longe de acabar.



0 comentários







0 comentários
Topo | Home