Em Brasília
Atualizado em: 07/08/2013 - 9:15 am

Senado aprova punição mais severa para juízes e integrantes do Ministério Público. Foto: Agência Senado

Senado aprova punição mais severa para juízes e integrantes do Ministério Público. Foto: Agência Senado

O Plenário do Senado aprovou por unanimidade, na terça-feira (6), substitutivo do senador Blairo Maggi (PR-MT) à proposta de emenda à Constituição, de autoria do senador Humberto Costa (PT-PE), que torna mais severa a punição para juízes e integrantes do Ministério Público que tiverem cometido falhas graves, como envolvimento com corrupção.

O texto (PEC 53/2011), que agora segue para a Câmara dos Deputados, prevê a possibilidade de perda do cargo. Atualmente, a aposentadoria compulsória é punição disciplinar máxima para juízes condenados.

Estratégia
Para acelerar a votação, os senadores decidiram suprimir o interstício constitucional para entre os dois turnos de votação da PEC, que foi aprovada em primeiro turno com 64 votos favoráveis e em segundo turno com 62 votos.

E ainda
Outra modificação é a possibilidade de colocação em disponibilidade, com subsídios proporcionais, de magistrados ou membros do Ministério Público durante o período da ação judicial, no caso de crimes hediondos, corrupção ativa e passiva, peculato, na modalidade dolosa, concussão e outros ilícitos graves definidos em lei complementar.

Com informações da Agência Senado



0 comentários







0 comentários
Topo | Home




You must be logged in to post a comment.