Fortaleza, Greve
Atualizado em: 13/02/2012 - 10:02 am

Servidores ainda decidem sobre paralisação (Foto: Átila Varela/Sindifort)

Os servidores do Instituto Doutor José Frota decidiram cancelar a paralisação. A categoria se reuniu, na manhã desta segunda-feira (13), para analisar a contraproposta que a Superintendência da unidade de saúde e a Secretaria de Administração enviaram hoje cedo.

De acordo com o Sindicato dos Servidores e Empregados Públicos do Município de Fortaleza (Sindifort), os agentes da AMC optaram por continuar o movimento grevista no último sábado (11).

Além do reajuste salarial, uma das novas reivindicações dos servidores é o compromisso da Prefeitura em não fazer nenhuma retaliação aos participantes do movimento grevistas.

Assembleias
Durante toda esta segunda-feira (13), serão realizadas várias assembleias que podem significar o início da paralisação geral das categorias. Reúnem-se os servidores da Empresa Municipal de Limpeza e Urbanização (Emlurb), Usina de Asfalto e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Nesta terça-feira (14), acontece a assembleia dos servidores do Instituto de Pesos e Medidas (Ipem) e, na quarta-feira (15), é a vez dos odontólogos e enfermeiros dos Postos de Saúde da Família (PSF).

Reunião
O Ministério Público do Trabalho convocou uma reunião entre a Prefeitura e o Sindifort para esta segunda-feira (13), a partir das 15h30min, com o intuito de intermediar uma negociação entre as partes.

Leia mais:
Prefeitura pede ilegalidade da greve dos agentes da AMC
TRT considera abusiva a greve dos agentes de saúde e sanitaristas

Declarada ilegalidade da greve dos agentes da AMC

Redação Jangadeiro Online, com informações do Sindifort



0 comentários







0 comentários
Topo | Home