Ceará, Greve
Atualizado em: 31/07/2012 - 7:18 am

Servidores Federais em greve vão às ruas de Fortaleza nesta terça com o lema “Chega de Enrolação: Negocia Dilma”. Na imagem, o cartaz utilizado nos protestos. Foto: Kézya Diniz

O Fórum Nacional das Entidades dos Servidores Federais promove nesta terça-feira (31) o Dia Nacional de Luta dos Servidores Federais, com várias manifestações em todo o país. Em Fortaleza, os servidores federais em greve, tanto da capital quanto do interior, se reúnem no pátio da Reitoria da UFC (Av. da Universidade) a partir das 8 horas.

Mobilização
Da reitoria, os servidores, com o apoio de centrais sindicais, saem em marcha pelas ruas do centro de Fortaleza. A primeira parada está prevista para acontecer na Praça Clóvis Beviláqua (Praça da Faculdade de Direito ou Praça da Bandeira), onde haverá um momento de apresentação da “realidade” dos servidores para a população que passar pelo local.  Em seguida os servidores seguirão até a Praça do Ferreira, onde farão o encerramento da manifestação com um ato público.

Negocia!
Com o lema “Chega de Enrolação: Negocia Dilma”, os servidores irão às ruas com faixas, bandeiras, camisetas, apitos e palavras de protesto, exigindo do governo federal uma resposta definitiva para a pauta de reivindicações da categoria, que, segundo afirmam representantes dos servidores, já foi novamente entregue ao governo na última semana.

Dia da resposta
O dia 31 foi o prazo que a Secretaria de Relações do Trabalho (SRT) do Ministério do Planejamento apontou como provável, mas não certo, para apresentar respostas concretas do governo à pauta dos servidores.

 Em greve
No Ceará estão em greve os servidores do INCRA, das Agências Reguladoras (ANTT, ANVISA, ANATEL, DNPM, ANAC, ANS e ANP), administrativos e professores da UFC e do IFCE e alguns grupos do Ministério da Saúde (Núcleo e agentes de endemias dos municípios do Sertão Central, de Sobral, Camocim e Maciço de Baturité). Em todo o país 29 setores do funcionalismo estão em greve.

Reivindicações
As demandas dos servidores federais são, em linhas gerais, recomposição salarial, extensão do plano de carreira estabelecido pela Lei 12.277/2010 a todos os servidores, ampliação de auxílio-alimentação e saúde, e realização de concurso público.



0 comentários







0 comentários
Topo | Home