Ceará

Acquário Ceará será investigado criminalmente pelo Ministério Público

Acquário Ceará será investigado criminalmente pelo Ministério Público
Acquário Ceará será investigado criminalmente pelo Ministério Público

O plenário do Órgão Especial do Colégio de Procuradores do Ministério Público Estadual decidiu nesta quarta-feira (22) que as negociações envolvendo o Acquário Ceará serão investigadas criminalmente.

Por 11 votos a dois, os procuradores foram favoráveis ao início de uma investigação criminal por enxergar indícios de irregularidades na contratação da empresa International Concept Management (INC).

Sem licitação
A construtora foi escolhida sem licitação na gestão do ex-governador Cid Gomes. Com a decisão, gestores públicos serão investigados pelo Ministério Público.

Entre os gestores, o ex-secretário de Turismo do Estado, Bismarck Maia, que já responde, na área cível, por improbidade administrativa no mesmo empreendimento.

Desarquivamento
O procurador geral da Justiça, Ricardo Machado que, em outubro de 2014, resolveu arquivar a possibilidade de uma investigação na área do crime no que se refere ao projeto e construção do Acquário Ceará.


Curtir: