Ceará

Agentes de endemias de Caucaia seguem mobilização

O Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Sanitaristas no Estado do Ceará (Sinasce) confirmou uma nova reunião com a prefeitura de Caucaia, Região Metropolitana de Fortaleza, na próxima sexta-feira (2/12), para discutir as exigências feitas pelos agentes de endemias do município.

De acordo com Luís Cláudio, presidente do Sinasce, caso os pedidos não sejam atendidos, a categoria pode paralisar suas atividades a partir da próxima semana.

Os agentes decretaram greve em junho deste ano e encerraram o movimento com a promessa de que algumas das exigências feitas seriam cumpridas até outubro. Os servidores pedem aumento de 30% sobre o salário mínimo, além de outras condições consideradas básicas por eles como salário família, vale transporte, vale alimentação, fardamento e protetor solar.

Segundo Luís Cláudio esta será a última chance de negociações entre o Sinasce e a Prefeitura de Caucaia, antes da greve. Uma assembleia geral, que deve ser marcada para a próxima semana, deve reunir os profissionais para discutir a continuidade do movimento.

Leia mais:
Completa 9 dias a greve dos agentes de endemias de Caucaia
Servidores da Secretaria de Saúde de Caucaia entram em greve

Médicos de Caucaia entram em greve na próxima quinta, dia 16

Da Redação do Jangadeiro Online