Nacional

Arrecadação federal cresce 12,68% no primeiro semestre e bate recorde

A arrecadação total de impostos e contribuições federais acumulou, no primeiro semestre de 2011, em termos nominais, R$ 482,610 bilhões, segundo informou a Receita Federal nesta terça-feira (19). O resultado é recorde e representa um crescimento real de 12,68% em comparação ao mesmo período do ano passado.

Só em junho, a arrecadação ficou em R$ 82,726 bilhões, em termos nominais, valor que também é recorde para o mês. O resultado representa crescimento de 15,47% em comparação a maio de 2011 e de 23,07% em relação a junho de 2010.

Refis da Crise
Segundo a Receita Federal, um dos principais motivos para o resultado da arrecadação, em junho, foi a consolidação de dívidas do chamado Refis da Crise, instituído pela Lei nº 11.941, de 27 de maio de 2009, para ajudar as empresas brasileiras ante a crise financeira internacional.

Comparativo
Enquanto em junho de 2010, a Receita arrecadou R$ 615 milhões com o programa de refinanciamento de tributos, em junho deste ano o valor somou R$ R$ 6,757 bilhões.

Leia mais:
Emenda 29, CSS e reajuste da tabela do IR podem entrar na pauta da Câmara nesta semana

Com informações da Agência Brasil


Curtir: