Ceará

As barricadas estão de volta: Assembleia reforça segurança por causa da onda de protestos

Em 2011, a manifestação de professores na AL acabou com cenas de violência
Em 2011, a manifestação de professores na AL acabou com cenas de violência

De forma preventiva, o prédio da Assembleia Legislativa permanece cercado por grades de metal. Outra providência é o estado de prontidão do “Corpo da Guarda” formado por militares que guarnecem a Casa do Povo. Também há reforço do efetivo nas partes interna e externa. A ação tem por objetivo resguardar a sede do Parlamento Estadual para o caso de haver excessos durante a manifestação popular prevista para a manhã desta sexta-feira (21).

Reunião
Representantes do movimento tem reunião marcada às 10 horas desta sexta (21) com o presidente da Assembleia, deputado José Albuquerque. O encontro foi agendado na quinta-feira (20) quando os manifestantes estiveram na AL para protestar.

Surpresa
Durante o ato iniciado na quinta-feira na Praça Portugal e que seguiu até o Palácio Adauto Bezerra, não havia deputados nem funcionários no local. O presidente José Albuquerque estava bem longe dali participando do seminário de mobilização pela Refinaria na cidade do Crato.

Relembrando
Desde a gestão de Roberto Cláudio no comando da Mesa Diretora a Assembleia não recebia barricadas de metal. No dia 29 de setembro de 2011 elas não foram suficientes para conter um grupo de professores da rede estadual que entraram em choque com a Polícia Militar. Naquela ocasião alguns educadores ficaram feridos e houve o registro de depredações de pequena monta no prédio do legislativo.

E ainda
Vale resgatar que os professores se revoltaram porque a Assembleia aprovou o regime de urgência para votação de matéria que definia o reajuste salarial da classe em desacordo com o que os educadores queriam. As manifestações que vem ocorrendo na capital protestam contra outros fatores como a corrupção, redução da tarifa de ônibus, celeridade na emissão de carteiras estudantis e contra os gastos considerados absurdos com a Copa das Confederações e Copa de 2014.


Curtir: