Ceará

Assembleia realiza final do Festival de Música na noite deste sábado

As apresentações são abertas ao público. Os shows começam as 20h.

Doze músicas participam, neste sábado (26), da final do Festival de Música que a Assembleia Legislativa promove a partir das 20 horas no Centro Cultural do Parlamento Cearense, no Anexo II da AL (Edifício Deputado José Euclides Ferreira Gomes, rua Barbosa de Freitas com Av. Pontes Vieira).

O presidente da AL, deputado Roberto Cláudio, o secretário de Cultura, Francisco Pinheiro e representante do BNB participam do evento que contará também com grande show da dupla cearense Ítalo e Renno. A apresentação da grande final será aberta ao público.

Proposta
A principal proposta do Festival de Música da Assembleia é resgatar o clima dos grandes festivais e valorizar a cultura musical do Nordeste. Os 12 finalistas foram escolhidos pelo corpo de jurados nas seis fases eliminatórias. As músicas selecionadas para a final também farão parte de um CD e DVD. Os vencedores serão premiados com R$ 10 mil, R$ 7 mil e R$ 5 mil em dinheiro. O melhor intérprete e a música de aclamação popular receberão R$ 3 mil cada.

Finalistas
As músicas finalistas são “Cabras da Net”, de autoria de Parahyba Kid, interpretada por ele mesmo; “Chove em Messejana”, de Gigi Castro e Ângela Linhares, interpretada por Gigi; “Pici-Unifor”, de Fernando César Moura de Andrade Filho, interpretação da banda Galáctico Papa; “Por Gentileza”, de Isaac Cândido, Rogério Lima e Alan Mendonça, com interpretação de Isaac; “Samba Só”, de Adriano Nóbrega e Leonardo Lima, com interpretação do grupo Bossamba; “Moça Viola”, de Márcio Resende e Fernando Rosa, interpretada por Marcus Caffé; “Relógio do Mundo”, composta e interpretada por Cristiano Pinho Pessoa; “O Interlocutor”, de Neopineo, interpretada pelo próprio; “Ai de Mim”, de Tom Drummond, interpretação de Lorena Nunes; “O Tempo e a Fúria”, de Marcelo Leite Ferreira, com Edinho Vilas Boas; “Pra Quando Eu Voltar”, de Marcos Lessa, interpretada por ele mesmo; “Janela Aberta”, de Aparecida Silvino e Gilvandro Filho, com interpretação de Aparecida.

 Com informações da AL


Curtir: