Ceará

Audiência na AL discute fixação de vagas para cearenses na construção civil

Audiência na AL discute fixação de vagas para cearenses na construção civil

As comissões de Trabalho, Administração e Serviço Público e de Indústria, Comercio, Turismo e Serviço, da Assembleia Legislativa, realizam uma audiência pública para discutir a estipulação de um percentual mínimo de vaga para trabalhadores cearenses por empresas prestadoras de serviços nas áreas da construção civil, construção pesada, montagem e manutenção industrial.

O evento acontece nesta segunda-feira (10), as 14 horas, no complexo das comissões.

Prioridade
O proponente do debate é o deputado Leonardo Araújo (PMDB). Ele ressalta que os trabalhadores dessas áreas vêm enfrentando dificuldades para se inserir no mercado de trabalho e que as empresas de fora que vêm fazer trabalhos no Estado não priorizam a contratação de cearenses.

“Essa contratação de mão de obra local para ocupar as vagas nessas empresas instaladas no Ceará é impactada pelo fato de estas trazerem suas equipes de trabalho para executarem os diversos serviços, restando poucas oportunidades de trabalho para os cearenses”, explica o parlamentar.

Convidados
Foram convidados para a audiência o gerente Geral de Relações Institucionais e Comunicação da Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), Ricardo Parente; o diretor presidente da Companhia de Integração Portuária do Pecém (Cearáportos), Erasmo da Silva Pitombeira; representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Montagens Industriais em Geral no Estado do Ceará (Sitramonti-CE); do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção de Estradas, Pavimentação e Obras de Terraplanagem em geral no Estado do Ceará (Sintepav-CE); do Sindicato Nacional da Indústria da Construção Pesada (Sinicon); do Sindicato dos Metalúrgicos (Sindmetal) e do Ministério Público do Trabalho no Ceará (MPT-CE).

Com informações da AL


Curtir: