Ceará, Corrupção
Atualizado em: 17/08/2011 - 7:12 pm

Integrantes da Comissão de Fiscalização e Controle da Assembleia Legislativa do Ceará estiveram no Tribunal de Contas do Ceará (TCE) nesta quarta-feira (17) para acompanhar uma apresentação sobre a auditoria de conformidade no caso dos “kits sanitários”.

Pela comissão, estiveram presentes os deputados Sineval Roque (PSB), Antonio Carlos (PT), Manoel Duca (PRB), Fernanda Pessoa (PR), Danniel Oliveira (PMDB), Welington Landim (PSB) e Sérgio Aguiar (PSB). Também participaram do encontro os deputados Heitor Férrer (PDT), Lula Morais (PCdoB) e Eliane Novais (PSB). Acompanhando o grupo, compareceram  o 1º e o 2º vice-presidentes da Assembleia, deputados José Sarto Nogueira (PSB) e Tin Gomes (PHS).

Valdomiro Távora na presidência do TCE

Segundo o presidente interino do TCE, Valdomiro Távora, 16 municípios estão sendo fiscalizados “in loco”, para que sejam confirmadas, ou não, a construção dos banheiros e a qualidade das obras. As visitas aos 54 municípios envolvidos no escândalos seguem até o fim de setembro.

Ao todo,  o TCE está investigando 93 convênios firmados pela Secretaria das Cidades do governo estadual e associações comunitárias em diversos municípios no Ceará, nos anos de 2010 e 2011, financiados com recursos do FECOP.

Dinheiro liberado, obra inexistente
Nas cidades de Ipú, Pindoretama, Pacajus, Horizonte, Cascavel, Chorozinho e Beberibe, investigações do Tribunal de Contas dos Municípios e do Ministério Púplico apontam que, apesar do dinheiro público ter sido liberado rapidamente, os banheiros não foram contruídos ou estavam inacabados. A TV Jangadeiro comprovou que várias famílias não foram atendidas pelo programa, mesmo tendo assinado a documentação que comprovaria a existência da obra.

Duplicidade
Nas investigações, técnicos do TCE identificaram a duplicação de nomes de um beneficiários em listas de diferentes cidades. Pela documentação, uma mesma pessoa recebeu banheiros em Chorozinho e Pindoretama.

O TCE deve apresentar até o fim desta semana o relatório definitivo sobre as investigações de desvio de verbas no caso dos kits sanitários.

Leia mais:
Escândalo dos banheiros: Camilo Santana reconhece irregularidades e promete rigor na apuração 
Banheiros fantasmas: Camilo Santana culpa assessoria da pasta que comanda  

Vídeo: Cid defende Camilo Santana e diz que secretário “assina o que recomendam” 
Banheiros fantasmas: Deputado propõe CPI para  investigar escândalo envolvendo secretaria das Cidades  
Ex-secretários prestam depoimento sobre Escândalo dos Banheiros 

 

Siga-nos e curta-nos:
RSS
Follow by Email
Twitter
Visit Us
Follow Me