Ceará

Beltrame: Audiência sobre segurança terá participação de Secretário do Rio de Janeiro

Beltrame: Audiência sobre segurança terá participação de Secretário do Rio de Janeiro
Beltrame: Audiência sobre segurança terá participação de Secretário do Rio de Janeiro

O Ministério Público do Estado do Ceará vai realizar nesta sexta-feira, dia 27 de setembro, uma audiência pública com o objetivo de discutir o tema “Segurança pública estadual – desafios, prevenção social e repressão qualificada da violência”. O destaque do evento é a participação do secretário de segurança do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, que vai falar sobre a experiência das Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs).

Hora e Local
O evento acontece
das 9h às 13 horas, no auditório da Procuradoria Geral de Justiça (PGJ), na Rua Assunção, 1100, José Bonifácio. 

“Fortaleza Apavorada”
A iniciativa é do Centro de Apoio Operacional Criminal, da Execução Criminal e do Controle Externo da Atividade Policial do MP (Caocrim), coordenado pelo promotor de Justiça Iran Sírio. A realização da audiência também atende a uma demanda do movimento “Fortaleza Apavorada”, que protocolou um requerimento junto à PGJ, solicitando providências em relação aos índices de violência urbana registrados no Ceará.

Programação
A audiência será aberta pelo procurador-geral de Justiça, Ricardo Machado, e, em seguida, terá exposição do secretário de Segurança do Ceará, Sevilho Silva de Paiva, que deverá falar sobre os desafios e as metas do Executivo estadual. Depois será a vez de José Mariano Beltrame, que vai palestrar sobre o tema “Avaliação e impacto de experiência de retomada territorial – O exemplo das UPPs”.

“A ideia do evento é compartilhar experiências e apresentar sugestões ao Governo do Estado para o aprimoramento da segurança pública”, explica Iran Sírio. Devem comparecer ao evento autoridades e representantes de associações, movimentos e lideranças comunitárias.

Beltrame
É formado em Direito pela Universidade Federal de Santa Maria, no Rio Grande do Sul, em Administração de Empresas e Administração Pública pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Especializou-se em Inteligência Estratégica na Universidade Salgado de Oliveira e na Escola Superior de Guerra.

Fez o curso de inteligência da Secretaria Nacional de Segurança Pública e de Análise de Dados de Inteligência Policial, Sistema Guardião. Ingressou no Departamento de Polícia Federal no ano de 1981 como agente, atuando principalmente na área de repressão a entorpecentes. Exerceu funções no setor de inteligência, combatendo o crime organizado em vários estados brasileiros.

Também ministrou aulas e palestras no Curso de Pós-graduação em Inteligência e Segurança Pública da Universidade Federal do Mato Grosso. Na Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro, como delegado de Polícia Federal, foi coordenador da Missão Suporte, chefe do Serviço de Inteligência e da Interpol.

Com informações do MPE


Curtir: