Eleições 2014

Carlomano sai em defesa de Eunício Oliveira e critica petista

Carlomano sai em defesa de Eunício Oliveira e critica petista. Foto: Máximo Moura/AL
Carlomano sai em defesa de Eunício Oliveira e critica petista. Foto: Máximo Moura/AL

O deputado estadual Carlomano Marques (PMDB) defendeu nesta quinta-feira (13) o senador Eunício Oliveira (PMDB) durante sessão plenária da Assembleia Legislativa. A manifestação do parlamentar seria uma resposta ao presidente estadual do PT, De Assis Diniz, que nos últimos dias criticou o senador, atribuindo a ele a ideia defendida por uma ala petista de candidatura própria.

Equívoco
Carlomano, um dos principais aliados do peemedebista, ironizou afirmando que De Assis Diniz fazia um julgamento “irresponsável”, já que o próprio senador petista José Pimentel foi o primeiro a falar sobre candidatura própria do PT.

Críticas
Em entrevista recente, De Assis Diniz afirmou que no próximo dia 28, o PT irá apresentar um documento com a resolução do partido, onde será reafirmada a manutenção da aliança. Ele descartou que o PT terá candidato próprio. Segundo ressaltou, a notícia de que o PT teria candidato foi veiculada pelo “jornal do Eunício”, o que causou contrariedade dentro do PMDB.

“Campo minado”
“Não poderia e não posso deixar passar em branco a tentativa de macular o valor e a capacidade do senador Eunício Oliveira. Cada partido tem sua legitimidade”, disse o parlamentar, sugerindo que o PT deve tratar suas questões internas porque, segundo ele, as coisas estão complicadas. “Ao invés de se preocupar com Eunício, deveria se preocupar com Pizzolato. Caso seja extraditado, a candidatura da presidente Dilma entra no campo minado”, diz ele.

Padrão Delúbio
Carlomano disse ainda que, se dependesse dele, o PMDB já havia rompido com o PT, citando a tentativa de “cooptação” do Palácio do Planalto para tirar Eunício Oliveira da disputa pelo Governo do Estado. “Se dependesse de mim, o PMDB não se coligaria com o PT, quando Dilma Rousseff tentou cooptar o senador. Alguma intenção tem”, disse o parlamentar, alfinetando que “se for à mesma ingerência do BNB, eu dispenso. O fogaréu do BNB pode trazer todo bombeiro do país, que não faz nem cocégas. Lá é padrão Delúbio (Soares)”.

Defesa
Rachel Marques, (PT), porém, criticou o posicionamento de Carlomano, lembrando que o PMDB ocupa a vice-presidência da República.


Curtir: