Ceará

Carlos Matos cobra cronogramas de CPIs na AL

Carlos Matos cobra cronogramas de CPIs na AL
Carlos Matos cobra cronogramas de CPIs na AL

As comissões parlamentares de inquérito (CPIs) do DPVAT e do narcotráfico, que geraram polêmica na Assembleia Legislativa, quando protocoladas no primeiro semestre deste ano, foram lembradas pelo deputado Carlos Matos (PSDB), durante expediente da sessão plenária desta quinta-feira (02/07). O parlamentar cobrou cronograma de atividades das CPIs, para que se possam articular a instalação de outras comissões, como a do Acquario Ceará.

Em aparte, os deputados Audic Mota (PMDB), Carlomano Marques (PMDB), José Sarto (Pros), Fernando Hugo (SD) e João Jaime (DEM) se pronunciaram quanto às CPIs.

Sem estímulo
Para Audic Mota, a falta de celeridade no tocante à questão desestimula os parlamentares que querem participar das investigações. “Fica parecendo que é mesmo só para impedir que a CPI do Acquario seja instalada”, disse. Já Carlomano Marques afirmou que as CPIs solicitadas são “para inglês ver”. “O povo quer a CPI do Acquario e é isso que estão tentando impedir aqui”, afirmou.

Requentadas
José Sarto afirmou que, quanto à CPI do DPVAT, a Procuradoria da Casa já aprovou a solicitação, e que agora ela irá para o presidente da AL para que avalie sua constitucionalidade. João Jaime, por sua vez, disse que as CPIs solicitadas são “requentadas, já foram feitas várias vezes e nunca chegaram a lugar algum”.


Curtir: