Nacional

Carrinho de Compras: STF gasta R$ 14,2 mil em sofás

Carrinho de Compras: STF gasta R$ 14,2 mil em sofás
Carrinho de Compras: STF gasta R$ 14,2 mil em sofás

O Supremo Tribunal Federal (STF) reservou R$ 14,2 mil para a compra de sofás. Ao todo o valor inclui sete móveis. Na lista estão dois sofás de dois lugares, cinco sofás de um lugar e um sofá de três lugares. Em todos os casos, os móveis são com almofadas soltas e revestimento fixo totalmente ecológico.

O Tribunal também garantiu os materiais de expediente no valor total de R$ 2,5 mil. Foram gastos R$ 107,80 para 20 pilhas alcalinas grandes, R$ 1,9 mil para 2 mil pilhas alcalinas tamanho pequeno e R$ 485,00 para 500 pilhas alcalinas do tipo palito.

TSE
Perto das eleições, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vai cuidar da saúde. A Corte reservou R$ 21,7 mil para a prestação de serviços de apoio nutricional, mediante alocação de 1 postos de trabalho, para realizar apoio à supervisão e fiscalização da qualidade dos alimentos CTO, firmado com empresa exploradora dos serviços de restaurante e lanchonete.

TST
Já o Tribunal Superior do Trabalho (TST) empenhou R$ 11,6 mil para despesas com serviços de berçário mediante cessão de mão-de-obra, incluindo desenvolvimento de habilidades psicopedagógicas, preparo de refeições, realização de procedimentos administrativos, limpeza e lavanderia.

Fogo na Câmara
Com a renúncia do agora ex-presidente, Eduardo Cunha, a Câmara dos Deputados pegou fogo essa semana. Mas só no sentido figurado porque no sentido literal da expressão, a Casa não corre riscos. O órgão reservou R$ 243,3 mil para a prestação de serviços de operação e manutenção preventiva e corretiva nos sistemas de detecção de alarme, prevenção e combate a incêndio dos edifícios administrativos e blocos funcionais da Casa. O valor atende despesas de 17 de agosto a 31 de dezembro deste ano.

Cabos e lâmpadas
Outros R$ 1,8 foram empenhados para a aquisição de 700 metros de cabo flexível antichama na cor branca, 1.300 metros do cabo na cor azul e 700 metros do cabo na cor vermelha. Ainda no quesito segurança, a Casa comprou uma barra antipânico por R$ 4,6 mil. A Câmara ainda colocou na lista de compras 588 peças de lâmpada de LED de 7 W e 10 W. O pedido com custo total de R$ 8,3 mil, o pedido da compra foi realizado pela Coordenação de Habitação da Casa.

Copos no Senado
O Senado Federal reservou R$ 14,4 mil para compra de 6 mil copos de vidro com capacidade de 310 ml. A borda dos copos possui acabamento anelar em vidro, com espessura máxima de 2 mm. Os acessórios não deverão ter deformações ou presença de irregularidades provocadas pelo processo de fabricação.

Tudo OK!
O levantamento é do portal Contas Abertas. A publicação ressalta que, a princípio, não existe nenhuma ilegalidade nem irregularidade neste tipo de gasto feito pela União e que o eventual cancelamento de tais empenhos certamente não ajudaria, por exemplo, na manutenção do superávit do governo ou em uma redução significativa de despesas.

A intenção de publicar essas aquisições é popularizar a discussão em torno dos gastos públicos junto ao cidadão comum, no intuito de aumentar a transparência e o controle social, além de mostrar que a Administração Pública também possui, além de contas complexas, despesas curiosas.

Com informações do portal Contas Abertas


Curtir: