Ceará

Ceará é o 5º do país com mais problemas sociais, diz Ipea

O Ceará é 5º Estado do Brasil com maior taxa de vulnerabilidade social, segundo dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) divulgados nesta terça-feira (17). O estudo tem como base a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD) e leva em conta questões como acesso ao conhecimento, ao trabalho, escassez de recursos, desenvolvimento infanto-juvenil e condições habitacionais.

Apesar da queda de 14%, o Ceará ainda está bem acima da taxa de vulnerabilidade social do Brasil. Enquanto aqui o percentual da população que enfrenta graves problemas sociais é de 30,3%, no país a taxa é de apenas 23,1%.

Mais quatro Estados nordestinos lideram a lista, são eles: Alagoas (33,3%), Piauí (32,3%), Maranhão (31,8%) e Paraíba (30,6%).

Sergipe foi o único do Nordeste a não figurar nas primeiras posições do ranking, ficando na 11ª posição, com taxa de vulnerabilidade de 27,4%.

Itens específicos
Em relação aos itens específicos, 60,4% da população cearense ainda sofre com o pouco acesso ao conhecimento, 39,7% encontram dificuldades para se empregar, 30,5% sofrem com escassez de recursos, 5,7% enfrentam problemas de desenvolvimento juvenil e, por fim, 24,1% possuem déficit habitacional.

Apesar dos altos índices apresentados pelo Ceará na pesquisa, o Estado teve relativa queda em todos as taxas específicas.

Capital e interior
Em Fortaleza, a taxa de vulnerabilidade teve queda de 15,6% e chegou a 22,8% em 2009, segundo o IPEA. Já no interior, o índice teve queda de 13,5% e ficou em 34,7%.

Confira a pesquisa completa aqui.

Leia mais:
Número de pessoas em situação de extrema pobreza cresce 51% no Ceará
Deputado afirma que Governo Federal não erradicará extrema pobreza até 2014

Ministra do Desenvolvimento Social contesta dados sobre pobreza de adolescentes

Redação Jangadeiro Online, com informações do Ipea