Ceará

Cid Gomes e executivo da Dongkuk tratam de Siderúrgica

Cid Gomes e executivo da Dongkuk se reúnem para atualizar informações sobre a CSP. Foto: Divulgação

O governador Cid Gomes se reuniu nesta sexta-feira (09), no Palácio da Abolição, com o diretor-executivo da empresa coreana Dongkuk, Mr. Yung Moon. A empresa é uma das sócias da Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) junto com a brasileira Vale e a, também coreana, Posco. O objetivo da audiência foi atualizar informações sobre o andamento das obras do empreendimento. Até o mês de dezembro ficam concluídas ações de terraplenagem, cercamento e colocação das primeiras estacas para fundação do terreno.

Investimentos e empregos
A Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) deve gerar, após conclusão da primeira etapa,  cerca de 14 mil empregos diretos e indiretos, porém já na fase de construção estão sendo gerados cerca de 23 mil empregos na sua construção e 14 mil durante a sua operação. O investimento total é de US$ 4,2 bilhões e, aproximadamente, US$ 2 bilhões serão aplicados em equipamentos modernos e de alta eficiência para controle e monitoramento das emissões atmosféricas, descarte de efluentes e gerenciamento de resíduos.

Produção
Em sua primeira fase de operação, a Siderúrgica irá produzir 3 milhões de toneladas de placas de aço por ano. As placas de aço que serão produzidas pela CSP terão alta qualidade metalúrgica. Vendidas no mercado internacional, poderão contribuir para o aumento e reposicionamento das exportações do Brasil.

Com informações da Coordenadoria de Imprensa do Governo