Economia

Cid Gomes está na França; Governador apresenta potencial energético do Ceará a empresários

Cid Gomes está na França; Governador apresenta potencial energético do Ceará a empresários

O governador Cid Gomes se reuniu neste sábado (15) com a diretoria da Voltalia, em Paris, França. Durante a reunião, Cid Gomes apresentou ao CEO da empresa, Sebastien Clerc; ao diretor do Fundo de Investimento do Creadev, Bertrand de Talhouet, e ao diretor da empresa do Brasil, Robert Klein, o potencial energético do Ceará, que atualmente, é o maior produtor de energia eólica do Brasil e tem a primeira usina de energia solar do País.

Voltalia
A Voltalia é produtora de energia elétrica com base renovável. Com filiais na Guiana Francesa, Brasil e Grécia, a empresa desenvolve centrais elétricas utilizando várias fontes e analisa quais delas se adaptam melhor onde serão utilizadas e produzidas, tais como: energia hidráulica, eólica, biomassa e solar. A Voltalia desenvolve ainda o modelo de produção de energia que concilia a questão financeira e que respeita o meio ambiente.

Coreia do Sul
Durante a semana, o governador Cid Gomes se reuniu com a diretoria da indústria GS Caltex, sediada em Seul, na Coreia do Sul. A pauta da reunião foi a busca de parceiros comerciais para a instalação da Refinaria Premium II no Ceará. Durante a reunião, Cid Gomes expôs o projeto da refinaria cearense. O Governador visitou ainda as instalações da refinaria de petróleo GS Caltex, a 450 quilômetros de Seul, na Coreia do Sul, acompanhado do presidente da companhia S.H.Chyun e dos vice-presidentes T.O. Kim e H.S.Moon.

Parceiros
A GS Caltex importa óleo cru da Rússia assim como do Oriente Médio. Com uma capacidade de refinaria de 775,000 BPSD (barris por dia corrente) e facilidade de dissolver querosene e diesel, emprega tecnologia de ponta para produzir derivados do petróleo de alta qualidade. A sugestão na busca de parceiros para a Refinaria Premium II partiu da própria presidente da Pretrobras, Graça Foster, em reunião com o governador Cid Gomes, no último mês de julho.

Quando sair do papel
A instalação da refinaria Premium II é considerada fundamentel para que a Petrobras possa atender o mercado interno de derivados de petróleo. A demanda de combustíveis estimada para 2020 no País é de aproximadamente 3,4 milhões de barris por dia. A refinaria terá capacidade de processar 300 mil barris de petróleo por dia, abastecendo o mercado com Óleo Diesel 10 ppm (63,5% da produção), Nafta Petroquímica (15,3%), Querosene de Aviação (12,6%), Coque (2,8%) e Óleo Bunker (1,6%).

Com informações da Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado do Ceará


Curtir: