Fortaleza
Atualizado em: 07/06/2011 - 8:50 pm

Durante toda a terça-feira (07/06) professores da rede pública de ensino de Fortaleza e vereadores da capital viveram momentos de tensão em um debate acirrado. Em pauta a implantação do Piso Nacional da categoria.

Bloqueio
Na Câmara de Vereadores, os professores municipais, em greve há 42 dias, tentaram bloquear a entrada de parlamentares na Casa, numa estratégia para impedir a votação da matéria que trata do reajuste salarial e altera o regime de trabalho da categoria, mas que segundo os educadores, não atende as determinações da Lei do Piso Nacional doMagistério.

Leia também:
Audiência de conciliação é suspensa e reajuste dos professores entra na pauta da Câmara sem discussão com categoria
Luizianne diz que não vai ceder à pressão e faz um apelo aos professores em greve

Confusão
Em meio a protestos, um pelotão da Guarda Municipal usou bombas de gás lacrimogêneo, spray de pimenta e balas de borracha para conter a manifestação. Até um parlamentar foi agredido e um professor acabou sendo atropelado.

Veja na reportagem exibida no Jornal Jangadeiro com imagens de J.B.Menezes e apoio técnico de James Taylor.

Siga-nos e curta-nos:
RSS
Follow by Email
Twitter
Visit Us
Follow Me