Ceará

Cúpula do Brics deve firmar criação de banco em reunião nesta terça no Ceará

Cúpula do Brics deve firmar criação de banco em reunião nesta terça no Ceará
Cúpula do Brics deve firmar criação de banco em reunião nesta terça no Ceará

Os chefes de estado dos países que compõem os Brics (Brasil, Rússia, Índias, China e África do Sul) se reúnem em Fortaleza nesta terça-feira (15) para deliberar a criação de um banco e um fundo financeiro comuns. A partir das 10h30 desta terça-feira (15), a presidente Dilma Rousseff, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, o primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi e, os presidentes da China, Xi Jinping, e África do Sul, Jacob Zuma, participam da primeira sessão de trabalho. À tarde, haverá assinatura de atos e sessão plenária.

A assinatura dos atos de criação do banco e do fundo de reservas está prevista para ocorrer no início da tarde.

Financiamento
O novo Banco de Desenvolvimento, nos moldes do Banco Mundial, deverá financiar projetos de infraestrutura e de desenvolvimento sustentável. O Banco terá um capital inicial de US$ 50 bilhões, com cada país contribuindo com US$ 10 bilhões. Após a assinatura do acordo para criação, a instituição deve levar cerca de dois anos para entrar em funcionamento já que terá que ser aprovada pelo Congresso dos cinco países integrantes.

Programação
Na quarta-feira (16), os líderes do Brics estarão em Brasília onde se reúnem com os presidentes dos países da União de Nações Sul-Americanas (Unasul). Na quinta-feira (17), também na capital federal, ocorre reunião de chefes de Estado e de governo do Brasil, China, do Quarteto da Comunidade de Estados Latino-Americanos (Celac) – integrado por Costa Rica, Cuba, Equador e um membro da Comunidade do Caribe – dos países da América do Sul e do México.


Curtir: