Partidos

Debate político: Tucanos promovem ato de repúdio contra atraso do Hospital da Mulher

Manifestantes exibem cartazes durante protesto em frente ao hospital da mulher

Militantes do PSDB de Fortaleza realizaram na tarde desta quinta-feira (08) uma manifestação pública de repúdio pelo atraso nas obras do Hospital da Mulher e pelo que os tucanos avaliam como “falta de compromisso da administração municipal em realizar o prometido”.

Durante o protesto, foram exibidos faixas e cartazes com críticas direcionadas a prefeita Luizianne Lins e a gestão da capital cearense. Os manifestantes utilizaram ainda apitos e um bolo para “comemorar os 7 anos da promessa” de construção da unidade de saúde. “Mulheres sem Hospital e o povo passando mal” e “Cadê o Hospital?”, repetiam os militantes para chamar atenção de quem passava pelo local.

Crítica
De acordo com a secretária-geral do PSDB-Fortaleza, Kamyla Castro, “essa iniciativa, no Dia Internacional da Mulher, objetiva chamar a atenção das fortalezenses para a inoperência administrativa do grupo que atualmente está no poder. Esse hospital é promessa da primeira campanha de Luizianne e até hoje ainda não foi concluído”, criticou.

Pré-eleitoral
A diretora de organização e mobilização, Carolina Siebra, admitiu que o evento propõe “um despertar da população nesse período pré-eleitoral”, mas ressaltou que a crítica surge no sentido de chamar a reflexão dos fortalezenses.

“Não somos daqueles que comemoram o quanto pior, melhor. Gostaríamos muito que o Hospital já estivesse funcionando e torcemos, sinceramente, para que ele seja concluído até o final dessa gestão”, afirmou.