Câmara dos Deputados

Deputado cearense defende criação da CPI da Petrobras

Deputado cearense defende criação da CPI da Petrobras
Deputado cearense defende criação da CPI da Petrobras

O deputado federal Raimundo Gomes de Matos (PSDB/CE) assinou o requerimento que solicita a criação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras. A proposta visa investigar a compra e venda de ativos no exterior da Petrobras e a real situação das refinarias que a empresa está construindo no exterior.

Autores
O pedido de CPI foi feito pelos deputados Leonardo Quintão (PMDB/MG), Carlos Magno (PP/RO), e Maurício Quintela Lessa (PR/AL). Os deputados conseguiram o apoio de 199 deputados, 28 a mais do que o mínimo necessário de 171 assinaturas.

Secretaria do Planalto
“Observamos que não existe transparência do governo referente à Petrobras”, disse o tucano, acrescentando que o Congresso, muitas vezes, vem servindo de “Secretaria do Planalto”, pois não responde nenhum pedido de informação, nem mesmo dos parlamentares da base aliada. Gomes de Matos disse que, diferente de outros pedidos de investigação, a CPI da Petrobras foi solicitada por aliados do Governo,

Requerimento
O requerimento da abertura de CPI ainda depende de análise do presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB/RN), sobre a existência, ou não, de fato determinado a se investigar. Como há outros pedidos mais antigos à frente do requerimento apresentado pelos três deputados, não há previsão de instalação da CPI.

Cearenses
Outros deputados cearenses também assinaram o requerimento. São eles: Gorete Pereira (PR), Genecias Noronha (PMDB), Mário Feitoza (PMDB) e José Linhares (PP).


Curtir: